29/06/2012

De todas as tribos, povos e raças

Comentário e Reflexão

HPD 469 “De todas as tribos, povos e raças...”

O hino de HPD nº 469 tem por título “Bendito o Cordeiro”. As duas estrofes são da autoria de Guilherme Kerr Neto. O autor da melodia é Jorge Geraldo de Camargo Filho.

Ambos, tanto Guilherme, quanto Jorge, na década de 1970 eram colaboradores dos Vencedores Por Cristo. Em meados dos anos 80, Guilherme, que então já era pastor, tornou-se amigo de Jorge Geraldo. Inicialmente o convidou a fazer parte de um grupo de compositores na igreja, “a fim de ‘conspirarmos’ e trabalharmos juntos”. Depois os dois amigos tornaram-se parceiros: Guilherme inventou as palavras que faltavam às melodias de Jorge, que àquela altura pipocavam. Assim, em 1985, nasceu o hino de louvor, “Bendito o Cordeiro” (HPD 469).

O hino inicia com as palavras “De todas as tribos, povos e raças, muitos virão te louvar. De tantas culturas, línguas e nações, no tempo e no espaço, virão te adorar”. O autor se baseou num texto bíblico de Apocalipse 7,9-10: “Depois destas coisas olhei, e eis uma grande multidão, que ninguém podia contar, de todas as nações, tribos, povos e línguas, que estavam em pé diante do trono e em presença do Cordeiro, trajando compridas vestes brancas, e com palmas nas mãos; e clamavam com grande voz: Ao nosso Deus, que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro pertencem a Salvação. “


 


Voltar Imprimir

Informações


Autor(a): Leonhard Creutzberg
Âmbito: IECLB
Hino: 469. Bendito o cordeiro
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Comentário ou reflexão sobre hino
ID: 19442


© Copyright 2014 - Todos os Direitos Reservados. -IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br