Proclamaram anjos mil

LCI 389

05/12/1871

 

1. Proclamaram anjos mil o primeiro Natal
a uns pobres pastores ao pé de Belém,
que nos campos os rebanhos guardavam do mal
numa noite tão fria e escura também.

/:Natal! Natal! Natal! Natal!
É nos nascido um Rei divinal!:/

2. E de súbito do céu linda estrela raiou.
No Oriente luziu com estranho fulgor,
e a terra recebeu essa luz, que brilhou
muitas noites ainda com raro esplendor.

/:Natal! Natal! Natal! Natal! ...

3. Tendo visto a clara luz dessa estrela sem par,
do Oriente alguns magos a foram seguir,
à procura de um rei que devia chegar
aos judeus, e as antigas promessas cumprir.

/:Natal! Natal! Natal! Natal! ...

4. Essa estrela apareceu e os magos guiou
pela estrada que até ao menino os conduz.
Afinal, sobre Belém essa estrela parou,
mesmo acima da casa em que estava Jesus.

/:Natal! Natal! Natal! Natal! ...

5. Reverentes, esses sábios, com santo temor,
mui alegres entraram naquele lugar,
com ofertas preciosas, de muito valor.
Ouro, mirra e incenso vieram lhe dar.

/:Natal! Natal! Natal! Natal! ...

6. E com eles vamos nós, com sincero fervor,
dar louvores ao nosso divino Senhor,
que, deixando os altos céus, a este mundo chegou
e, morrendo na cruz, nossas almas salvou.

/:Natal! Natal! Natal! Natal! ...


Autor da Tradução: Ruth See

Comentário e Reflexão: Leonhard Creutzberg


Âmbito: IECLB
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Hino: 313. Proclamam anjos mil
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Hino
ID: 19657
MÍDIATECA
REDE DE RECURSOS
+
Deus nos conhece completamente.
2Coríntios 5.11
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br