Quão inglória e transitória

LCI 326

24/01/1649

 

1. Quão inglória e transitória
é a nossa vida!
Como a névoa levantada
pelo vento é dispersada,
Nossa vida é apagada.

2. Quão inglória e transitória 
é a nossa vida! 
Pois qual água, se escoando, 
no fluir jamais parando, 
nossos dias vão passando.

3. Quão inglória e transitória 
é a nossa vida! 
Pois, como as mais belas flores
murcham, perdem suas cores, 
vão-se nossos esplendores

4. Quão inglória e transitória 
é a nossa vida! 
Quem na vida é muito honrado, 
bem depressa é olvidado; 
morto, não mais é lembrado.

5. Quão inglória e transitória 
é a nossa vida! 
Mas, quem verdadeiramente 
ama a Deus, com alma crente,
viverá eternamente.


Autor da letra e da melodia: Michael Franck 

Comentário e Reflexão: Leonhard Creutzberg
 

 


Autor(a): Michael Frank
Âmbito: IECLB
Hino: 293. Quão inglória e transitória
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Hino
ID: 24485
REDE DE RECURSOS
+
A Palavra de Deus é a única luz na escuridão desta vida. É Palavra da vida, de consolo e da toda bem-aventurança.
Martim Lutero
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br