Presidência da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil


Rua Senhor dos Passos , 202 V andar - Centro
CEP 90020-180 - Porto Alegre /RS - Brasil
Telefone(s): (51) 3284-5400
presidencia@ieclb.org.br
ID: 2275

Carta Pastoral sobre Migração e Imigração

21/01/2016

Caras irmãs e caros irmãos em Cristo!

Uma das imagens impactantes da mensagem natalina, presente, por exemplo, nos presépios que muitas famílias colocam, são as figuras de Maria, José e o menino Jesus na estrebaria, em Belém. Ali, no lugar originalmente destinado para acolher animais, ali Maria e José encontraram abrigo. Ali o Salvador nasceu!

Quando completou-se o tempo
de Maria dar à luz,
não havia na cidade
um lugar para Jesus.

Encontrou porta fechada,
pouso não havia mais,
e Jesus nasceu humilde
num abrigo de animais.

(HPD 311,1 e 3)

O Bispo luterano Munib Younan, Presidente da FLM - Federação Luterana Mundial, na sua mensagem de Natal enviada às Igrejas, relaciona a peregrinação de José e Maria em busca de abrigo com a realidade das pessoas que hoje no mundo migram, fogem e peregrinam, buscando um lugar seguro de acolhida. Escreve o Bispo, ao referir-se à mulher e o menino que ilustram o cartão natalino da FLM ( Mensagem de Natal 2015 da Federação Luterana Mundial): O relato do nascimento de Jesus começa com o decreto de César Augusto, ordenando o censo em todo o mundo. Mas a mulher na imagem do cartão não tem onde registrar-se. Ela foi obrigada a deixar sua casa; é uma refugiada expulsa com violência por sua fé, porque é diferente. Nela vemos alguém que já não poderá encontrar um lugar em seu país natal. Mas, acima de tudo, como em Maria, vemos uma mãe amorosa que encontrou um lugar aconchegante e seguro onde seu filho pode nascer.

Quando vejo os rostos de pessoas refugiadas, enxergo em cada uma o rosto de Jesus. Posso ouvir os anjos proclamando a elas as boas novas, proclamando que o mundo necessita do Príncipe da Paz, inclusive neste Natal.

E o Bispo Munib fala da sua experiência pessoal: Essa imagem [das pessoas refugiadas] me é muito familiar e me toca o coração, pois inclusive eu, que sou Bispo, também sou refugiado. Minha família teve de fugir de Beer Sheva em 1948. Se a Igreja não me tivesse acolhido em seus braços e oferecido comida, educação e espiritualidade evangélica, hoje eu não seria quem sou.

Em setembro passado, aconteceu a Consulta entre a IECLB e a Igreja Evangélica Luterana na Baviera. O tema dessa Consulta foi o fenômeno atual da migração/imigração/refugiados. A representação da IECLB nessa consulta partiu, levando uma pergunta instigante:

terá a IECLB um coração para pessoas imigrantes e refugiadas?

Já na Consulta, mas também posteriormente, na reunião com Pastores e Pastoras Sinodais, em diálogo com a FLD - Fundação Luterana de Diaconia e com o CONIC - Conselho Nacional de Igrejas Cristãs, ouvimos que há iniciativas significativas - em nível de Sínodo e em nível comunitário -, buscando acolher, apoiar, acompanhar pessoas refugiadas no Brasil. Portanto, há, sim, ações que revelam corações na IECLB que são sensíveis diante da realidade das Marias e dos Josés que hoje buscam abrigo!

Acompanha esta carta o relatório da Oficina Imigrantes e Refugiados, realizada em São Paulo nos das 8 e 9 de dezembro de 2015. (Veja anexo) A IECLB esteve representada pelo colega P. Carlos A. Radinz e pela colega Pa. Romi Bencke, que é Secretária-Geral do CONIC. Recomendamos a leitura atenta desse relatório. Ali encontramos análises, relatos, depoimentos, perguntas, expectativas, sugestões, etc com vistas ao trabalho de acolhida e amparo (Diaconia!) a pessoas migrantes e refugiadas. Trata-se de um relatório que pode orientar e animar grupos e comunidades da IECLB que já agora acompanham pessoas migrantes e refugiadas, mas também pode estimular quem pretende abrir corações e portas para irmãs e irmãos que peregrinam em terra estrangeira.

Através desta carta, levamos às nossas comunidades um convite. Considerando que há iniciativas comunitárias no seio da IECLB em apoio a pessoas imigrantes e refugiadas, vamos informar, divulgar, compartilhar essas experiências! Compartilhando, poderemos não somente divulgar, mas sobretudo aprender, incentivar, apoiar-nos mutuamente. O Portal Luteranos está aí para proporcionar esse compartilhamento!

Desce Deus em sua glória
e entre a gente quer viver,
não fechemos nossa porta
ao Senhor que vai nascer.

Fraternalmente,

Nestor Paulo Friedrich
Pastor Presidente


 


Autor(a): Nestor Paulo Friedrich
Âmbito: IECLB
Área: Missão / Nível: Missão - Sociedade / Instância Nacional: Presidência
Natureza do Texto: Vários
Perfil do Texto: Carta
ID: 38031

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Deus enxerga as profundezas do coração, enxerga mais profundamente que nós.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
Que a graça e a paz estejam com vocês e aumentem cada vez mais, por meio do conhecimento que vocês têm de Deus e de Jesus, o nosso Senhor.
2Pedro 1.2
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br