Sínodo Vale do Itajaí



Rua Amazonas , 131 2o. andar - Centro
CEP 89020-001 - Blumenau /SC - Brasil
Telefone(s): (47) 3322-1364
sinodovi@terra.com.br
ID: 21

O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro

03/07/2018

O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
O cuidado com as pessoas cuidadoras foi tema de seminário em Blumenau Centro
1 | 1
Ampliar

Na noite do dia 03 de julho, na Paróquia Luterana Blumenau Centro, 85 pessoas participaram do seminário “A importância do cuidar-se. Cuidar de quem cuida”, conduzido pela diaconisa Arlete Adriana Prochnow, assessora teológica diaconal do Sínodo Norte Catarinense. Em sua exposição, ela lembrou que o grande diácono foi Jesus Cristo, que veio ao mundo para servir e não para ser servido. O grupo compartilhou seus anseios, experiências, inquietudes e motivações. Arlete ainda complementou que a tarefa do cuidador de pessoas não é simples, não tem uma fórmula. “A motivação precisa ser o amor ao próximo, baseado na fidelidade ao evangelho”. Ela ainda observou que a IECLB é uma igreja de comunidades, grupos que se fortalecem, e esta precisa ser a base de um grupo de pessoas cuidadoras.

A diácona Valmi Ione Becker, fundadora do primeiro grupo de cuidado com pessoas cuidadoras, em Joinville/SC, no Sínodo Norte Catarinense, deixou seu testemunho. Ela enfatizou que o cuidado com as pessoas é algo necessário, que é preciso ouvir e apoiar em momentos de fraqueza e luto. Duas integrantes do grupo formado na cidade vizinha, as senhoras Ana Maria Roettger e Verena Kortmann, também deixaram seus depoimentos. “Nos preocupamos com as pessoas que estão doentes ou que tem alguma deficiência e muitas vezes esquecemos das pessoas que cuidam, que precisam de carinho, atenção, estímulo. Muitas vezes precisamos de um espaço aonde podemos desabafar, chorar, trocar informações com pessoas que vivem dramas parecidos”, relatou Ana Maria.

A pastora Márcia Helena Hülle, ministra na Paróquia Blumenau Centro e coordenadora do grupo de visitação Ágape, destacou que a partir das visitações aos membros da paróquia, observou-se que as pessoas cuidadoras estão fragilizadas e que a partir disto foi constatado o interesse em criar um grupo do cuidado. “Este espaço é um momento de espiritualidade, oração, trocas de experiências e fortalecimento”. No final do encontro, a pastora Márcia motivou as pessoas para darem continuidade a esta proposta e convidou para uma primeira reunião deste grupo, no dia 11, na Paróquia Blumenau Centro.
  


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Ajuda-nos, Senhor, nosso Deus, porque em ti confiamos.
2Crônicas 14.11
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
O maior erro que se pode cometer na cristandade é não zelar corretamente pelas crianças, pois, se queremos que a cristandade tenha um futuro, então, precisamos preocupar-nos com as crianças.
Martim Lutero
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br