Luteranos em Contexto


Martim Lutero - hinos

A música é a maior das dádivas de Deus. Ela tem tão frequentemente me estimulado e inspirado, que sinto o desejo de pregar.

A música teve um papel muito importante no desenvolvimento da Reforma. Lutero escreveu vários hinos que se tornaram verdadeiras prédicas musicadas. Ele entendia que a música deveria estar a serviço da proclamação do Evangelho.


Veja os hinos de Martim Lutero inseridos no Hinário Hinos do Povo de Deus:


HPD nº 15 Eu venho a vós dos altos céus. = Vom Himmel hoch da komm ich her, (EG nº11), letra de 1535, melodia em 1539. O próprio Lutero deu a este hino o título Ein Kinderlied auf die Weihnacht Christi (Uma canção para crianças a respeito do Natal de Cristo). No Natal de 1534 a família Lutero já contou com 5 filhos: Hans, Lene, Paul, Martin e a recém-nascida Margarete (*17/12/1534).


HPD nº 18 Louvado sejas, ó Jesus 5 estrofes, = Gelobet seist du, Jesus Christ, dass du Mensch geboren bist(EG nº 10). A 1ª estrofe deste hino já existia por volta de 1380 em Medingen. Lutero acrescentou 1524 as 2ª até 7ª estrofes deste lindo hino de Natal.


HPD nº 49 Ó Jesus, Cordeiro, tiras o pecado e o mal = Christe du Lamm Gottes (EG nº 36). A melodia deste Agnus Dei provavelmente é de Lutero (1525?).


HPD nº 57 Cristo entregou-se à morte, = Christ lag in Todesbanden (EG nº 57), de 1524, um hino para Páscoa baseado, em parte, na Seqüência: Victimae paschali laudes de Wipo von Burgund (do séc.11).


HPD nº 82 Ó Santo Espírito do Senhor, dá-nos fé e verdadeiro amor = Nun bitten wir den Heiligen Geist (EG nº 76), Lutero acrescentou (em 1524) as 2ª até 4ª estrofes ao Kyrie-eleison de Pentecoste, que existia já no século 13.


HPD nº 88 Nós cremos todos num só Deus, Criador de céu e terra = Wir glauben all an einen Gott (EG nº 85) de 1524, a confissão de fé (Credo) baseado numa estrofe em latim de Breslau 1417, e Zwickau por volta de 1500.


HPD nº 90 Deus, o teu Verbo guarda a nós = Erhalt uns Herr, bei deinem Wort (EG nº 91) letra e melodia de Lutero em 1543. 


HPD nº 97 Deus é castelo forte e bom = Ein feste Burg ist unser Gott (EG nº 90) Letra e melodia de Lutero, que se tornou o hino principal dos cristãos luteranos. O poeta Heinrich Heine chamou o hino Castelo Forte é o Nosso Deus de a Marselhesa da Reforma. Era a canção marcial da Igreja Militante, em seu terrível conflito com a hierarquia de Roma. A data em que foi escrito não se sabe ao certo; tem-se como provável o ano de 1529, ano em que o famoso Protesto, que deu lugar ao nome Protestantes aos evangélicos, foi apresentado na dieta de Espira.


HPD nº 106 Clemência dá-nos, ó Senhor = Es wolle Gott uns gnädig sein (EG nº 92) baseado no Salmo 67. Letra de Lutero em 1524; melodia do séc.15, arranjo de Ludwig Senfl, 1522, adaptado por Matthäus Greiter, 1524. Recomendado por Lutero como hino para o final do culto, pedindo a bênção do Pai e do Filho e do Espírito Santo na terceira estrofe.


HPD nº 147 Das profundezas clamo a ti. Senhor, meu Deus,ó escuta = Aus tiefer Not schrei ich zu dir (EG nº 140) baseado no Salmo 130. Letra e melodia de Lutero, em 1524; (existe uma outra melodia da autoria de Wolfgang Dachstein, de 1524).


HPD nº 155: Cristãos, alegres jubilai = Nun freut euch, lieben Cristen g'mein... (EG nº 148) de 1523, com todas as 10 estrofes traduzidas. E´ um bom resumo da nossa confissão evangélica.


HPD nº 185 Deus Pai, no Reino celestial = Vater unser im Himmelreich (EG nº 159) Letra e melodia de Lutero em 1539. Ilustra as preces da Oração Dominical, e explica, na última estrofe, o significado da palavra Amém. (Pode ser cantado também pela melodia mais viva do HPD nº 161).


HPD nº 291 A paz nos queiras conceder = Verleih uns Frieden gnädiglich (EG nº 298). Letra e melodia de Lutero, em 1529, baseado na antífona Da pacem, Domine do século 9.


Traduções de mais outros 8 hinos de Lutero encontram-se no antigo Hinário da IECLB editado em São Leopoldo, em 1964:


Nº 25 – O hino de Natal Vom Himmel kam der Engel Schar (EG nº 12) Letra de Lutero em 1543. Tradução: A voz dos anjos vem dos céus.


Nº 83 - A antífona do século 11 Veni Sante Spiritus, reple cerca de 1480 foi adaptado ao alemão por Ebersberg: Komm, Heiliger Geist, Herre Gott.(EG nº 75) Lutero acrescentou (em 1524) mais duas estrofes. Espírito Santo de Deus, os corações dos crentes teus preenche com teu sagrado ardor.


Nº 92, baseado no Salmo 124: Wo Gott der Herr nicht bei uns hält, (EG nº 93). Texto das 3ª e 4ª estrofes de Lutero (1524 sob título de Wär Gott nicht mit uns diese Zeit), sendo as demais estrofes da autoria de Justus Jonas (1524). Se Deus não nos fortalecer.


Nº 110, baseado no Salmo12: Ach Gott, vom Himmel sieh darein, (EG nº 89). Letra e melodia das 1ª - 4ª estrofes em 1524; a 5ª estrofe foi acrescentada em 1545. Dos céus contempla, ó Pai e Deus, e vê, compadecido.


Nº 139 - O Kyrieleison para Santa Ceia Gott sei gelobet und gebenedeiet (EG nº 133) já existiu por volta de 1350. Em 1524 Lutero acrescentou as 2ª e 3ª estrofes. Tradução: Louvado seja Deus, seja bendito, pelo pecador aflito. Seu santo corpo e sangue nos tem dado,...


Nº 207 - Letra e melodia de de Lutero em 1529 Herr Gott, dich loben wir (EG nº 242), baseado na litania Te Deum laudamus do séc.4: Senhor, louvamos-te – e agradecemos-te.


Nº 221 - Um hino sobre morte e vida eterna Mit Fried und Freud ich fahr dahin in Gottes Wille (EG nº 304) com melodia e letra de Lutero, baseado no cântico de Simeão: nunc dimitis (Luc.2,29-32). Tradução: Do mundo parto alegre e em paz, Deus o ordena;...


Nº 266 - Da Antífona do século 11 Media vita in morte sumos já em 1456 se conhecia a 1ª estrofe em alemão em Salzburgo: Mitten wir im Leben sind mit dem Tod umfangen (EG nº 305). Lutero acrescentou em 1524 as 2ª e 3ª estrofes. Dia e noite, sem cessar, nos rodeia a morte.



 

MÍDIATECA

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Vivemos rodeados da bênção de Deus e não nos damos conta disso.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Ó Senhor Deus, o teu amor chega até o céu e a tua fidelidade vai até as nuvens. A tua justiça é firme como as grandes montanhas e os teus julgamentos são profundos como o mar.
Salmo 36.5-6
© Copyright 2016 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br