João Wilson Faustini (*1931)

Obra e Biografia

29/06/2012

João Wilson Faustini (*1931) – HPD 327

Simplificou a melodia e traduziu o texto do hino de Peter Scholtes “We Are One in the Spirit” para o português e, sob o pseudônimo “J.Costa”, o publicou 1970: “No Espírito unidos somos um no Senhor” (HPD nº 327).

O Maestro João Wilson Faustini é Pastor Presbiteriano, músico: regente de coral, organista, cantor, compositor, tradutor, arranjador e editor da maior coleção de Música Evangélica Religiosa da língua portuguesa.

Natural de Barirí, no centro do estado de São Paulo, onde nasceu em 20 de novembro de 1931. Desde menino foi muito interessado em hinologia, música sacra e música coral. Aos 13 anos era o único organista da Igreja Presbiteriana Independente de Pirajuí, SP. Em 1948 foi para o Instituto “José Manuel da Conceição” em Jandira, SP, onde estudou regência coral, deu aula de órgão e integrou o coral regido por sua mentora e professora, Evelina Harper, uma missionária americana. Em 1952, após substituir a sua professora por um ano na regência do coral e no ensino de música na mesma instituição, ela o encaminhou, com bolsa de estudos, para o Westminster Choir College, em Princeton, New Jersey, nos Estados Unidos, onde em 1955 adquiriu o seu Bacharelato em Musica, com ênfase em órgão e canto. Nessa universidade estudou regência coral, e apresentou-se em recitais de canto. Em diferentes épocas apresentou-se também como solista em diversas igrejas de New Jersey, Pennsylvania, Massachussets e New York. De volta ao Brasil em 1955, formou-se em Canto Orfeônico e Canto, pela Faculdade Paulista de Música. - Seu Mestrado em Música (SMD) com especialização em composição foi adquirido em 1966 na Escola de Musica do Union Theological Seminary de New York, sendo o seu professor o compositor Joseph Goodman.

De 1955 a 1964 dirigiu o Departamento de Música do Instituto “José Manuel da Conceição”, onde promoveu anualmente Seminários de Música, Festivais, Encontro Corais. Em 1958 o coral do Instituto J.M.C, sob sua regência, ganhou 1º lugar em concurso promovido entre as escolas secundárias do estado de São Paulo. Na mesma época foi regente do coral e organista na Catedral Evangélica de São Paulo. Fez diversas gravações com os corais do Instituto e da Catedral Evangélica, acompanhados de orquestra. Traduziu e apresentou diversas Cantatas de Buxtehude, de J.S. Bach, de Handel e obras de outros grandes mestres europeus. Em 1959 preparou o coral da Catedral Evangélica de São Paulo e organizou um Festival de Corais de mil cantores acompanhados da Orquestra Sinfônica de São Paulo. No mesmo ano regeu um coral de mais de mil vozes em uma cruzada evangelística de Billy Graham.

Como autor de textos, tradutor e compositor, tem produzido uma grande quantidade de hinos evangélicos e peças corais, que tem publicado desde 1957. Muitos dos seus hinos foram incorporados nos hinários das igrejas Batista, Presbiteriana, Presbiteriana Independente, Luterana, Mormom e Exercito da Salvação. Muitos deles estão traduzidos para outras línguas, e aparecem em hinários da América Latina, Estados Unidos e Europa. Além da vasta série de músicas avulsas e hinos que compôs, algumas coleções de musica coral, como “Os Céus Proclamam” em 5 volumes, “Ecos de Louvor”em 10 volumes, “Louvemos a Deus”, em 3 volumes, e Ciclo do Advento têm sido usados extensivamente por corais no Brasil e no exterior.

Fez parte da comissão que organizou o Hinário Evangélico1 , e coordenou a comissão que preparou o hinário Cantai Todos os Povos, da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil. Publicou um livro intitulado “Musica e Adoração”, com orientação para regentes, cantores, instrumentistas e pastores, um livro de Técnica Vocal para Coro. Publicou outras obras nos Estados Unidos.

Em 1976 foi ordenado Ministro de Música e pastor, pelo Presbitério de São Paulo da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil. De 1982 a 1996 foi pastor titular da “St Paul’s Presbyterian Church”, em Newark, NJ, nos Estados Unidos, de onde é pastor emérito. De 1997 a 2006 foi organista e regente do coral da “Second Presbyterian Church” de Elizabeth, NJ, onde fundou a “Millenium Presbyterian Church” que abriga hoje a comunidade brasileira e portuguêsa nas cidades de Elizabeth e Hillside, NJ.
Fonte: Informações do próprio J.W.Faustini por e-mail (em junho de 2010).

Hino: Celebremos o Natal


JOÃO WILSON FAUSTINI

Músico polivalente, tornou-se, em l3 de abril de l975, o primeiro ministro de música ordenado pela Igreja Presbiteriana Independente do Brasil. Sua grande influência sobre a música evangélica brasileira faz-se sentir nas publicações (Música e adoração, O Estandarte, Louvor Perene, Louvor), nos hinários, nas coletâneas, audições e gravações de música sacra, no ensino (Instituto José Manuel da Conceição) realizados no Brasil, estendendo-se, desde 1982, aos Estados Unidos da América (New Jersey).

http://www.nassau.mus.br/galeria.htm#71

Nota:

1  Editado em 1962 pela Confederação Evangélica do Brasil


Autor(a): Leonhard Creutzberg
Âmbito: IECLB
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Autor Letra
ID: 18111
REDE DE RECURSOS
+
Ninguém pode louvar a Deus a não ser que o ame.
Martim Lutero
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br