Celebração 25 Anos de Caminhada

Dia Nacional de Diaconia - 2013

14/04/2013

 

DIA NACIONAL DA DIACONIA
CELEBRAÇÃO 25 ANOS DE CAMINHADA
14 DE ABRIL DE 2013

Material e orientações 

- Preparar, com antecedência, figuras de pombas, recortadas em cartolina (conforme o desenho anexo), perfurá-las e colocar um cordão, providenciar canetas.

- Distribuir as figuras das pombas no início do culto.

- Para a Confissão de pecados utilizar os seguintes elementos simbólicos: uma toalha branca ou lilás, uma jarra com água e bacia, um galho seco de tamanho que dê para pendurar as figuras de pombas (com pedidos de oração), vela apagada.

- Sugerimos a música “Nos campos do mundo” (de José Acácio Santana, do CD “Nas asas do vento”, Grupo Ânima). Esta poderá ser cantada pelo coral da comunidade na Acolhida e instrumentalizada durante a Oração de intercessão

- Se possível, projetar o logo da Diaconia em power-point, ou usar um cartaz, banner ou cartões impressos, chamando atenção para a “pomba”. 

(PS: explicação sobre a pomba do logotipo da Diaconia - A pomba é símbolo de esperança, de vida nova e de uma nova criação. No logotipo, a pomba parece estar em movimento. Ela carrega uma semente no bico e se encontra dentro e fora do símbolo que representa a IECLB. A figura da pomba quer indicar que a Palavra de Deus, baseada na justiça e vida digna para todas as pessoas, é levada para os quatro cantos do mundo (João 10.10). Somos como a pomba, “não fomos feitos para ficar e sim para partir e caminhar...”, diz o canto “Pelos campos afora”. “Deus nos espalha nos campos do mundo pra sermos um sinal do seu poder criador”. Cada pessoa é desafiada a lançar sementes de vida, de justiça e fé.)

LITURGIA DE ENTRADA

Prelúdio

Instrumental ou coral: Nos campos do mundo

Acolhida 

L Bem-vindos e bem-vindas a este culto que hoje é dedicado ao Dia Nacional da Diaconia. E neste dia, lembramos e celebramos com muita gratidão os 25 anos de existência do chamado Departamento de Diaconia da IECLB, criado em 1988, sendo instalado junto da administração central da IECLB, em Porto Alegre, RS. A coordenação inicial deste departamento ficou sob a responsabilidade da diaconisa, Irmã Hildegart Hertel, falecida em dezembro de 2012. Ao longo de 15 anos, a Irmã Hildegart realizou um trabalho exemplar no Departamento de Diaconia da IECLB, coordenando, articulando e acompanhando a tarefa diaconal da igreja, no âmbito da IECLB. Somos profundamente gratos e gratas a ela por tudo o que ela realizou. Mas, somos especialmente gratos e gratas a Deus por ter colocado esta mulher entre nós, por ter despertado nela a vocação diaconal, assim como por ter dado a ela um carisma todo especial para lidar com as pessoas e motivá-las ao serviço diaconal. Que o testemunho e o protagonismo da Irmã Hildegart seja exemplo e motivação diaconal para todos e todas nós.

C Hino 130 HPD 1 ou 274 HPD1

Saudação Trinitária

L Reunimo-nos em nome e na presença de Deus que é Pai, Filho e Espírito Santo (+) Amém.

Confissão de Pecados
L Deus nos conhece e sabe dos nossos pecados. Confessemos os nossos pecados e a nossa culpa, conforme as palavras do Salmo 51. 1 – 6. Cada versículo será intercalado com símbolos e o refrão: Perdão, Senhor, perdão!

L Oremos! Por causa do teu amor, ó Deus, tem misericórdia de nós. Por causa da tua grande compaixão apaga os nossos pecados. Purifica-nos de todas as nossas maldades e lava-nos do nosso pecado. (Enquanto a comunidade canta, alguém leva uma jarra com água e uma toalha branca ou lilás até a pia batismal e derrama a água dentro da pia e coloca a toalha, dobrada, sobre a pia)

C Perdão Senhor, perdão!

L Pois conhecemos bem os nossos erros, e o nosso pecado está sempre diante de nós. Contra ti pecamos – somente contra ti – e fizemos o que detestas. Tu tens razão quando nos julgas e estás certo quando nos condenas. (Enquanto a comunidade canta, alguém leva um galho seco e o coloca ao lado da pia batismal)

C Perdão Senhor, perdão!

L De fato, temos sido maus desde que nascemos; temos sido pecadores e pecadoras desde o dia em que fomos concebidos e concebidas. O que tu queres é um coração sincero; enche o nosso coração com a tua sabedoria. (Enquanto a comunidade canta, alguém leva um a vela apagada e a coloca junto da pia batismal)

C Perdão Senhor, perdão!

Anúncio da graça

L “Se dissermos que não temos pecado nenhum, a nós mesmos nos enganamos, e a verdade não está em nós. Se, porém, confessarmos os nossos pecados, Deus é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça”.
(Acendendo a vela, L diz) Ó Deus, cria em nós um coração puro e dá-nos uma vontade nova e firme! Não nos expulses da tua presença, nem tires de nós o teu Santo Espírito. Dá-nos novamente a alegria da tua salvação e conserva em nós o desejo de sermos obedientes.

Kyrie

L Pelo batismo nós nos tornamos diáconos e diáconas de Cristo neste mundo, ou seja, nos tornamos testemunhas do amor de Deus. Como diáconos e diáconas temos um olhar sensível e atento para as dores do mundo. Através do Kyrie, vamos trazer diante de Deus as nossas dores e as dores do mundo. São muitas as dores que nos afligem. Há carência de solidariedade, desrespeito entre pessoas e nações, vidas feridas e corações afastados por falta de perdão e diálogo. Pensemos, em silêncio, nas pessoas que sofrem e as coloquemos nas mãos de Deus (silêncio!). Cantemos: “Pelas dores deste mundo”

C Pelas dores deste mundo, ó Senhor, imploramos piedade!
A um só tempo geme a criação. Teus ouvidos se inclinem ao clamor
desta gente oprimida. Apressa-te com tua salvação.
A tua paz, bendita irmanada com a justiça, abrace o mundo inteiro.
Tem compaixão. O teu poder sustente o testemunho do teu povo.
Teu Reino venha a nós. Kyrie eleison!

Oração do dia

L Oremos: Deus, que ama e serve, tu que acompanhaste tantas pessoas que nos antecederam no caminho da fé e do serviço. Nós te pedimos que nos orientes no nosso servir, para que ele não seja um meio de buscarmos elogios, projeção ou méritos. Dá que o nosso serviço seja fruto da fé e do amor que de ti recebemos. Por Jesus Cristo, que contigo e com o Espírito Santo vive e reina de eternidade a eternidade. Amém.

LITURGIA DA PALAVRA

Leituras Bíblicas

L A ação solidária da Igreja tem sua fonte e inspiração no evangelho. Ouçamos o que diz a palavra de Deus, lida na Escritura:

Primeira leitura 

Apocalipse 5.11-14


Segunda leitura

C Aleluia

L Leitura do evangelho, conforme João 10. 22-30

L Palavra do Senhor.

C Louvado seja Cristo.

Prédica 

Confissão de fé

Recolhimento das ofertas 

Hino Diaconia 

1. Aprendamos de Maria a ouvir com devoção. Ter de Marta a energia, pressa e dedicação. Acontece diaconia na ação com oração. Ser uma Marta Maria: que bonita vocação!

2. Refrão Vamos juntos trabalhar na seara do Senhor, pois o povo está a vagar, qual ovelhas sem pastor. Libertados pela graça, nos dispomos a servir. Sirvamos com alegria, exaltando o Deus do amor.

3. Do pequeno ser amigo, ao faminto dar o pão. Com o nu buscar abrigo, com o doente comunhão. Acolher o forasteiro, ao sedento saciar. Libertar o prisioneiro e os mortos sepultar.

4. Todos nós somos chamados para este mutirão. Venham, pois, muito animados, integrar a comunhão! Vivenciar diaconia com os mais pobres deste chão. Resgatar a cidadania, superar a escravidão!

Oração de intercessão 

L Assim está escrito no Plano Ação Missionária de nossa igreja (PAMI): “Deus nos serve, por isso servimos. O nosso servir e todas as nossas ações são frutos do amor de Deus em nós. A comunidade missionária é aquela que serve às pessoas e ao mundo em gratidão a Deus pelo seu amor e acolhimento, e porque o próprio Cristo chama para dar continuidade a este serviço. Todas as pessoas, a partir do batismo, são chamadas a fazer parte da missão de Deus através do amor e do serviço” (PAMI).

L Há muitas formas de servir. No culto, através da oração de intercessão, prestamos serviço aos nossos irmãos e irmãs em necessidade, ao nosso país, ao mundo e a própria igreja. 

Convido vocês a escreverem na figura da pomba os seus pedidos de oração. Em seguida, traga a sua figura e a pendure no galho seco que aqui está. (Enquanto a comunidade escreve suas orações, ouve-se, como fundo musical, o canto “Nos campos do mundo” (em CD) ou outro hino conhecido da comunidade). 

Hino Nos campos do mundo

(Os pedidos de oração da comunidade podem ser lidos ou se faz as intercessões que seguem)

L Intercedemos, ó Deus, pelas atividades diaconais de nossas comunidades e pelos movimentos, dentro e fora da igreja, que visam dar apoio e solidariedade a pessoas em necessidade. Em tua bondade, ouve-nos, Senhor!

C Ouve-nos, Senhor!

L Intercedemos pelo trabalho da coordenação de diaconia de nossa igreja, pelas lideranças diaconais nas comunidades e nos sínodos e pelas organizações diaconais da igreja na ecumene. Em tua bondade, ouve-nos, Senhor!

C: Ouve-nos, Senhor!

L: Senhor, pedimos-te que a igreja assuma o desafio de investir na formação ministerial para a diaconia. Que nossos sínodos e comunidades acolham e convoquem ministros e ministras diaconais para atuar em seu meio. Que cada ministro e ministra desta igreja seja sustentado e sustentada por teu amor, para que, fortalecidos, possam ir ao encontro das pessoas que necessitam de misericórdia e justiça. Em tua bondade, ouve-nos, Senhor!

C: Ouve-nos, Senhor!

L: Intercedemos pelo trabalho que é realizado com pessoas idosas, pessoas com deficiência, crianças e adolescentes, trabalhadores e trabalhadoras da agricultura familiar, lideranças voluntárias que acompanham pessoas doentes e em fase terminal. Que essas pessoas não desanimem diante das dificuldades, mas façam delas possibilidades para servir, segundo o exemplo de Jesus. Em tua bondade, ouve-nos, Senhor!

C: Ouve-nos, Senhor!

L: Intercedemos pelo nosso país, por nossos estados e municípios e suas lideranças políticas, para que as pessoas que governam desenvolvam um trabalho honesto, decente e em favor da dignidade para todas as pessoas. Em tua bondade, ouve-nos, Senhor.

C: Ouve-nos, Senhor!

L: Intercedemos pelas tantas pessoas enfermas e acamadas. Envia a elas pessoas cuidadoras e amorosas que as acompanhem em sua enfermidade. Dá que os gestos de partilha sejam abençoados e frutifiquem. Em tua bondade, ouve-nos, Senhor!

C: Ouve-nos, Senhor!

L: Pedimos pelas pessoas enlutadas para que encontrem pessoas sensíveis e acolhedoras que as acompanhem em seu luto. Em tua bondade, ouve-nos, Senhor!

C: Ouve-nos, Senhor!

L: Confiantes de que tu, Senhor, nos ouve porque te importas conosco, oramos em nome de Jesus Cristo que nos ensinou a orar: Pai Nosso...

LITURGIA DE DESPEDIDA

Avisos comunitários

Hino

Bênção

L Que o Senhor te abençoe e te guarde que o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti, que o Senhor sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz. Amém.

Envio

L Vão em paz e sirvam ao Senhor com alegria.

C Demos graças a Deus!

Diác. Telma Merinha Kramer
Paróquia Evangélica de Conventos
Lajeado - RS


Anexos:

Modelo da pomba para os pedidos de intercessão

REDE DE RECURSOS
+
Toda obra que não tenha por objetivo servir aos demais não é uma boa obra cristã.
Martim Lutero
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br