Culto e Concerto Sacro - Santo André/SP

Celebração

01/10/2017

Sola Scriptura 5
Sola Scriptura 1
Sola Scriptura 7
Sola Scriptura 2
Sola Scriptura 3
Sola Scriptura 11
Sola Scriptura 8
Sola Scriptura 10
Sola Scriptura 9
1 | 1
Ampliar

     No Culto deste 1º de outubro deu-se sequência aos festejos do jubileu dos 500 anos da Reforma, na Paróquia do ABCD. O tema da celebração foi Sola Scriptura. Para tanto foram expostos exemplares das Bíblias grega e hebraica na porta de entrada do templo. Também em frente ao altar foi formada uma cruz com bíblias em português. Esta dinâmica teve como objetivo recordar a tradução feita por Lutero, bem como acentuar a centralidade da cruz/do evangelho na leitura bíblica.

Durante a pregação tivemos “uma entrevista com Lutero”, interpretada pelo Mestre em Teologia Paulo Sérgio Macedo dos Santos e pelo P. Alberi Neumann. O conteúdo da entrevista destacou que, para o Reformador, a Bíblia não era testemunho disso ou daquilo, mas sim de Jesus Cristo, o Verbo feito carne, o conteúdo central do evangelho, Senhor também da Escritura. Disse Lutero: “Este é o verdadeiro critério para julgar todos os livros da Bíblia: se a gente vê, se tratam de Cristo ou não, uma vez que toda a Escritura mostra Cristo. O que não ensina Cristo, isto também não é apostólico, ainda que Pedro ou Paulo o ensinassem. Por sua vez, o que prega Cristo, isto seria apostólico, ainda que Judas, Anás, Pilatos ou Herodes o fizessem”.

Uma das senhoras presentes no Culto carinhosamente escreveu: “A entrevista sintetizou muito bem a centralidade de Jesus na Bíblia. Bíblia como regra de fé e prática. Foi uma aula completa”.

A seguir, fomos brindados com um emocionante concerto sacro do Coro A Tempo, sob a regência do maestro Walter Chamun e da pianista Sin Ae Lee. O programa foi formado pelas seguintes músicas: Quão Magnífico (Tom Fettke – Adap. Fred Spann); Pai-Nosso (Albert Mallot); Kyrie – Glória – Sanctus (Wolfgang Amadeus Mozart); e As riquezas de Deus (David Danner – Adap. Fred Spann).

A escolha por um concerto de abertura do mês da Reforma visou rememorar também o alto apreço que o Reformador tinha pela música. Foi uma manhã memorável!!!     

No próximo domingo (08 de outubro) seguirão os festejos com uma celebração ecumênica entre a IECLB e a ICAR.

COMUNICAÇÃO
+
Um cristão não pode ser ofendido a tal ponto que não possa mais perdoar.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br