Espírito, Deus, ó santo Senhor

Comentário e Reflexão

29/06/2012

HPD 081 - Espírito, Deus, ó santo Senhor

Texto: Johannes Niedling [?] 1651

Melodia: Samuel Scheidt, 1650

Referências bíblicas: Isaías 11,1+2; Lucas 11,13; João 14,16 e 26

O hino “Espírito Deus, ó santo Senhor” é uma oração pela dádiva do Espírito Santo. Apesar de contar já com mais do que 360 anos de idade, podemos usar suas palavras e fazer delas a nossa oração. A 1ª estrofe acentua que o ES é a terceira pessoa da Divina Trindade; ele é chamado de “Consolador”, como Jesus o fez em João 14,16 e 26. Depois, cada estrofe faz um pedido específico: 2ª – “acende em nós o amor”; 3ª – “aumenta a fé”; 4ª – ajuda-nos a vencer; 5ª – “conforte-nos em toda a dor” (inclusive na dor final).

A existência deste hino é comprovada somente a partir de meados do séc. 17, quando foi publicado pelo professor ginasial Johannes Niedling de Altenburg (“Baccalaureus Superior”) na 3ª edição do seu “Lutherisch Handbüchlein” (Manualzinho luterano). Após dois hinos da autoria de Johannes Niedling segue “O heiliger Geist, o heiliger Gott” sem indicação do autor, e depois, igualmente anônimo, segue um hino de Páscoa “Oheiliger Gott, almächtiger Held” , cujas estrofes tem a mesma construção como o hino de Pentecoste “O heiliger Geist, o heiliger Gott”. Este fato permite a conclusão de que Johannes Niedling é o autor do texto original do HPD nº 81; porém, provas convincentes não existem.

A melodia, que se encontrou no Brachels Gesangbuch, editado em 1623 em Köln (Colônia), recebeu um novo arranjo pelo compositor e organista Samuel Scheidt em seu Livro de Corais para Órgão Görlitzer Tabulaturbuch, editado em 1650.

Fonte: Alexander Völker em “Liederkunde zum Evangelischen Gesangbuch, Ed.11, pág.77


Autor(a): Leonhard Creutzberg
Âmbito: IECLB
Hino: 81. Espírito, Deus, ó santo Senhor
Título da publicação: Hinos do Povo de Deus Comentados / Ano: 2012
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Comentário ou reflexão sobre hino
ID: 15423
REDE DE RECURSOS
+
A Palavra de Deus é a única luz na escuridão desta vida. É Palavra da vida, de consolo e da toda bem-aventurança.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br