Ezequiel 2.1-5 - 6º Domingo após Pentecostes - 04/07/2021

Caderno de Cultos 2021 - Sínodo Mato Grosso

04/07/2021

04/07/2021 – 6º Domingo após Pentecostes
Sl 123; 2Co 12.2-10; Mc 6.1-13 Pregação: Ezequiel 2.1-5
Missª Tatiane F. Ertmann Stele – Nova Mutum/MT

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
Bom dia (ou boa noite) a todos. Sejam todos bem-vindos a este culto, neste 6º domingo após Pentecostes. Quero acolhe-los com a Palavra do nosso Deus, conforme o Evangelho de Lucas 8.15 que diz: “A semente que caiu na boa terra são os que, tendo ouvido de bom e reto coração, retém a Palavra, estes frutificam com perseverança”. O presente de Deus enviado em Pentecostes, O Espírito Santo de Deus, quer atuar, esclarecer, animar nossa vida. Que, ouçamos de bom e reto coração o que o Espírito Santo quer nos ensinar neste tempo em culto, para que também possamos frutificar.
Agradecemos a todos e a todas que nos visitam. Sejam também muito bem-vindos/as. É uma alegria tê-los/as conosco. O nosso desejo é que vocês sintam, por meio da nossa comunidade, o amor do próprio Deus. E que desejem estar conosco muitas outras vezes.

CANTO DE ENTRADA

Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO
Celebramos este culto em nome do Deus Triuno, que é Pai, Criador de tudo o que há, que é Filho, Jesus, o Salvador que vem a nós, que é Espírito Santo, nosso Ensinador e Inspirador.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
14 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Deus está presente!

Ou: Nº ____________________________________________________

CONFISSÃO DE PECADOS
Misericordioso Deus, reconhecemos nossa culpa diante de Ti. Ao nos colocarmos em oração queremos te dizer que dependemos de Ti, e que nada somos sem tua presença nas nossas vidas. Reconhecemos que somente tu és Deus soberano, o único Senhor de nossas vidas. Constrangidos pela tua oferta de amor precisamos reconhecer nosso pecado, e pedir Deus de amor que Tu nos perdoe. Perdoe nossa indiferença, nosso egoísmo, nossa prepotência. Perdoa-nos quando não queremos silenciar e ouvir tua Palavra. Perdoa quando nosso coração se torna vazio e não consegue ir ao encontro do próximo. Perdoa nosso distanciamento. Perdoa as palavras mal ditas, as ações impensadas e pensadas que causaram sofrimento, os pensamentos que se desviram da tua vontade boa e perfeita. Ouve o Deus o nosso pedido, e perdoa-nos. Precisamos do teu abraço e da tua presença. Tu, nos conhece completamente, sabes nossos segredos, nossas dores, nossos pecados, cada detalhe de nós. Sabes todos os nossos pecados, mesmo aqueles que tentamos esconder no mais íntimo do nosso ser, Tu sabes tudo de nós. Diante desta nossa situação, aceitamos Deus tua exortação e correção e pedimos, ouve o Deus o clamor dos teus servos e servas, que com sinceridade se colocam diante de Ti e confessam seu pecado, age com misericórdia mais uma vez e perdoa-nos. Que daqui possamos sair alegres, e transformados para viver e testemunhar o teu amor. Pedimos pelo nome santo do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Amém.

Por tudo isso, Deus de amor e misericórdia, pedimos teu perdão, clamando que tua mão nos guie cantando o hino:
627 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Por tua mão me guia
Ou: Nº ____________________________________________________

ANÚNCIO DO PERDÃO
Assim como o salmista clama: “Cria em mim, ó Deus um coração puro” (Salmo 51.16), anuncio pelo poder da Palavra que todo aquele que também busca um coração puro diante de Deus, confessando o seu pecado, recebe de Deus perdão, e fica mais limpo que a alva neve (cf. Salmo 51.7). Que o perdão e a paz do triuno Deus, Pai, Filho e Espírito Santo se manifeste em cada coração. Amém.

KYRIE
Como filhos e filhas de Deus não queremos ser indiferentes aos sofrimentos deste mundo, por isso queremos clamar a Deus por piedade, cantando:

58 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Tem piedade, Senhor.

GLÓRIA IN EXCELSIS
Por tudo o que Deus já realizou em nós, por nós e através de nós, por tudo o que Ele ainda fará, cantemos alegremente, dando glórias a Deus:
73 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Ontem, hoje e para sempre.

ORAÇÃO DO DIA
Bondoso e amado Deus, nós te agradecemos pela oportunidade que tu nos dás de sermos teus filhos e filhas, agradecemos pelo teu cuidado, pelo teu perdão. Pelas vezes que mesmo não percebendo, tu estás conosco e nos guarda dos perigos. Agradecemos que neste dia, pudemos abrir os nossos olhos, e recebemos de ti, mais um dia de vida. Obrigada Senhor pelas tuas bênçãos infinitas. Agradecemos Senhor, que também no sofrimento, tu estás conosco, nos consola e fortalece. Pedimos que tu abençoes também este momento de receber a Tua Palavra. Que sendo lançada, ela caia em nossos corações e encontre terra fértil, ou seja, que encontre corações receptivos ao teu amor. Em nome de Jesus. Amém.

LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura Bíblica: Salmo 123
2ª Leitura Bíblica: 2 Coríntios 12.2-10
3ª Leitura Bíblica: Marcos 6.1-13

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
165 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Estou pronto Senhor

PREGAÇÃO

Leitura: Ezequiel 2.1-5
Queridos irmãos e queridas irmãs na fé!
Um profeta conta a história de sua vocação. Diz que certo dia ouviu uma voz que o mandou colocar-se em pé. Foi um acontecimento estranho. Ezequiel sente que o Espírito de Deus toma conta dele. Há certo mistério em torno desse episódio que foge à nossa compreensão. Mas para Ezequiel o significado não deixa dúvidas. Filho do homem, eu te envio aos filhos de Israel. É isso o que ele ouve, é isto o que ele entende, é isto o que ele deve fazer. Deus o manda aos filhos de Israel para lembrá-los de seus compromissos. Ezequiel recebe o mandato de ser um enviado de Deus, sim, de ser um vigia como se lê um pouco mais adiante. Ele deve cuidar para que o povo não desvie do caminho, caia na armadilha de outras divindades e acabe se esquecendo de seu Deus e Senhor. Ezequiel é chamado para ser profeta.
As circunstâncias eram estas: Ezequiel atuou entre os anos de 593 a 571 antes de Cristo, mais ou menos – 22 anos de ministério. Naquele tempo existia uma comunidade judaica na Babilônia composta por pessoas deportadas para aquele lugar pelo rei Nabucodonosor. Este havia conquistado a Judéia e sua capital Jerusalém e levado cativo um forte contingente da população. O exílio era o castigo para a rebelião contra o jugo babilônico. A este povo que vive em terra distante Deus envia seu profeta. É claro que o mundo pagão representava um perigo para a fé dos filhos de Israel. A tentação de abraçar outros credos era grande. O pluralismo religioso confundia as mentes e levantava a pergunta pela utilidade da fé tradicional. Vale a pena continuar crendo no Deus criador de céus e terra, libertador da escravidão do Egito? O exílio significava para o povo de Israel uma enorme crise. E Ezequiel recebe a incumbência de ser vigia dessas pessoas e de conduzi-las nos trilhos da verdadeira e autêntica fé.
A nossa situação é outra. Nós não vivemos em exílio, e são outros os desafios com os quais nos defrontamos. Qual é o interesse que temos na vocação de Ezequiel tanto tempo depois? O que os acontecimentos daquela época têm haver conosco, comunidade cristã dos dias atuais?
Ora, porque Deus necessita de profetas também no Brasil, no mundo globalizado, em pleno século 21. Ele precisa de pessoas que se sabem comprometidas com a tarefa de divulgar sua palavra, de fazer valer a sua vontade, de ser seu porta-voz. E Ele continua chamando gente para tanto. Isto nem sempre acontece de forma espetacular como no caso da vocação de Ezequiel. As vocações de Deus podem ser sigilosas, acontecer sob circunstâncias absolutamente normais, atingir todas as pessoas. Sim, este último aspecto me parece ser particularmente importante: Não é necessário aguardar um convite especial de Deus à semelhança daquele que foi dirigido a Ezequiel. Também tais vocações acontecem, sim. Mas elas serão exceções. Será que estamos aguardando o convite. Pois eu digo que o convite é feito todas as vezes que você pisa dentro da sua igreja. Normalmente Deus chama as pessoas pelo evangelho que ouvimos no culto. Ele chama pelo batismo, pelo ensino, pela leitura e entendimento da Bíblia. Jesus nos convoca para sermos seus discípulos, assim como ele chamou os discípulos no texto de Marcos que acabamos de ler. E todo discípulo de Jesus não deixa de ser a seu modo um profeta. Ser discípulo, profeta, não é ficar de braços cruzados. A incumbência de todos nós cristãos é anunciar a vontade de Deus e de propagar a sua palavra. Nós já sabemos isso! Nós já ouvimos isso! Mas porque não fazemos isso?
Filho do homem... Homem mortal... Filha de Deus... eu te envio como minha mensageira. É isto o que esse texto do livro de Ezequiel nos diz. Vai, fazer valer os direitos de Deus neste mundo, lembra a todas as pessoas as maravilhas divinas, insiste na responsabilidade que o ser humano tem perante o Senhor do universo. Espalha a fé, planta o amor, semeia esperança. Ser profeta não é privilégio de uns poucos. É mandato da igreja de Jesus Cristo em seu todo e de cada um de seus membros.
Profetizar, ou seja, assumir a causa do evangelho e dar testemunho dele é tarefa inerente ao ser cristão como tal.
É claro que é preciso admitir que esse encargo às vezes é ingrato. O próprio Ezequiel é alertado quanto a isto. Essa gente para a qual Deus o manda é obstinada de coração, é gente rebelde contra Deus, teimosa, cabeçuda, desrespeitosa. O pessoal não quer ouvir falar de Deus. Viver sem ele é bem mais cômodo. Hoje se afirma: Não creio em Deus e sou feliz. Claro! Deus só atrapalha. É muito mais fácil não se importar com ele e com os seus mandamentos. Então somos os donos do nosso nariz, somos donos do mundo. Como reagir ao flagrante desinteresse pela religião que parece estar crescendo na sociedade secularizada? É tanta coisa mais importante que Deus tem sido esquecido. Seja dentro ou fora da igreja. Meus assuntos precisam ser resolvidos, se sobrar tempo eu dedico a Deus. É isso que passa na nossa cabeça. Se sobrar dinheiro, eu faço minha contribuição (ou como alguns entendem, pago minha mensalidade). Quantas vezes é assim que numa roupa da moda eu posso pagar caro, mas para a igreja, eu dou o que sobra, reclamando ainda. Gente, nós vivemos num mundo onde as pessoas só pensam nos seus próprios interesses. Mas nós somos chamados a ser diferentes. Nós somos chamados a fazer diferente.
No jogo dos interesses, profetas têm a tarefa de manifestar os interesses de Deus. Nesse mesmo sentido ele não pode faltar lá em casa, Ele não pode faltar lá no meu trabalho, Ele não pode faltar nos meus negócios pessoais, também não pode faltar nos governos que temos. Se observarmos o meio em que vivemos, vamos perceber a falta de muitas coisas. Precisa-se de melhorias em muitos setores: saúde, educação, administração, segurança e policiamento. O que nós luteranos temos feito pra mudar isso com o nosso testemunho? Em nenhuma esfera os interesses de Deus deveriam ser ignorados.
Por isso a função profética é fundamental para a saúde da sociedade humana. Não raro os profetas têm dúvidas quanto ao sentido de sua vocação. Eu já disse que a tarefa às vezes é ingrata. Às vezes profetas sofrem sob o seu mandato. Assim aconteceu com Jeremias, Amós, além dos tantos outros, inclusive Ezequiel. O próprio Jesus Cristo sofreu por causa disto. Creio que também nós compartilhamos às vezes deste mal estar. Faz sentido ser cristão, faz sentido ser profeta? As pessoas não gostam de ser contrariadas em seus interesses. São teimosas, de duro coração, às vezes, nós também somos. Deus nem sempre é lembrança cômoda. A lembrança de Deus incomoda. Mas como testemunhas de Deus, deveríamos saber que Deus sempre tem em vista o bem da criatura. Assim o povo de Israel o experimentou no exílio milênios atrás, assim a igreja de Jesus Cristo o viu confirmado em sua história, assim creio que também nós individualmente o podemos testificar. A palavra de Deus pode doer. Mas ela sempre faz bem, assim como um bom remédio. Ser profeta é tarefa às vezes ingrata, sim. Mas eu não hesito em acrescentar que ela sempre é gratificante. Ela traz alegria pelos efeitos positivos que produz. Andar e testemunhar a Deus, por mais dolorido que as vezes seja, não deixa de ser também gratificante.
Filho do homem, filha de Deus, eu te envio ao meu povo. São palavras dirigidas também a nós, membros da IECLB, cristãos, cidadãos brasileiros. Lugar para testemunhar não falta. É grande a necessidade que o mundo atual tem de profetas. Ou para dizê-lo em outros termos: É grande a necessidade que o mundo tem de gente engajada na causa de Deus.
Que a Palavra toque nossos corações, e que nos engajemos a ser benção levando a mensagem da salvação as pessoas ao nosso redor. Amém.

HINO
320 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Senhor se Tu me chamas

CONFISSÃO DE FÉ
Em resposta à Palavra, confessemos a nossa fé com as palavras do Credo Apostólico:

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
624 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Canta, minha alma.
ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________


Senhor Deus, nós te agradecemos por este culto e pela Palavra revelada a nós. Ajuda-nos a perceber o nosso chamado! Ajuda-nos a nos engajar mais pela tua causa. Ajuda-nos a perceber que nascemos com um propósito muito maior do que o simples fato de viver para garantir sustento e bem estar nesta vida, mas que fomos feitos para reconhecer quem Tu és e anunciar a tua vontade. Ajuda-nos a perceber que o bem estar se concretiza de forma plena quando nossa vida esta nas tuas mãos e quando Tu, através das nossas vidas, pode fazer a diferença na vida de tantos outros e outras. Querido Senhor, ensina-nos e motiva-nos, pelo teu Santo Espírito, a ser profetas anunciando o teu amor. Deus de amor, também queremos lembrar com carinho de todos os aniversariantes, clamando o Deus que tua bondade se manifeste na vida de cada um deles e pedimos que os guarde em teu amor. Intercedemos pelos doentes, os enlutados, os que sofrem, se sentem preocupados, em situações difíceis. Tu és o Senhor de cada um/a deles/as! Tu podes curar, consolar, dar paz, fortalecer e animar a cada um e a cada uma. Os confiamos em tuas mãos Senhor bondoso, mãos seguras e poderosas! E que eles/as não esqueçam de cada um dos teus benefícios em seu favor, mas que os percebam para que teu nome seja exaltado. Que acima de tudo, nenhum destes queridos lembrados, e nenhum de nós aqui reunidos perca a esperança em Ti, mas que esteja aberto para que seu amor, Deus querido, seja experimentado e transmitido. Intercedemos ainda pelas autoridades do nosso país, estado e cidade. Que eles governem para o bem do teu povo. Cuida e orienta também a nossa IECLB em todo o âmbito nacional, também os trabalhos em nossa paróquia/comunidades. Que todos trabalhem para honra e glória do teu nome. Que sempre possamos em unidade caminhar, visando o que de fato é essencial. Assim Deus Salvador, entregamos tudo nas tuas mãos, na certeza que tu ouves a nossa oração, e que irá respondê-la conforme a tua santa vontade. Assim oramos em nome de Jesus que nos ensinou a dizer:

PAI NOSSO
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Que o Senhor te abençoe e te guarde, que o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti, que o Senhor levante o seu rosto sobre ti e te dê e acompanhe com a sua paz. Amém

ENVIO
Vamos todos na paz do nosso bondoso Deus, e que sejamos profetas com alegria. Amém. Abençoada semana.

CANTO FINAL
466 – LIVRO DE CANTO DA IECLB – Vento que anima
 


Autor(a): Missionária Tatiane Fick Ertmann Stele
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Tempo Comum
Natureza do Domingo: Pentecostes
Perfil do Domingo: 6º Domingo após Pentecostes
Testamento: Antigo / Livro: Ezequiel / Capitulo: 2 / Versículo Inicial: 1 / Versículo Final: 5
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2021
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 63465
REDE DE RECURSOS
+
Eu anunciarei a tua fidelidade e te louvarei o dia inteiro.
Salmo 35.28
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br