Isaías 63.7-9 - 2º Domingo após Natal - 05/01/2020

Caderno de Cultos 2020 - Sínodo Mato Grosso

05/01/2020

05/01/2020 - Segundo domingo após Natal
Pregação: Isaías 63.7-9; Leituras: Salmo 147.12-20;
Hebreus 2.10-18 e Mateus 2.13-23.
Autor: Pastor Emérito Ivo Schoenherr – Paróquia: Cuiabá - MT


LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
Bom dia / Boa noite. Sejam todos e todas bem-vindos ao nosso encontro de hoje. Queremos louvar e agradecer a Deus, reconhecer os nossos pecados e receber o perdão de Deus. Queremos ouvir a sua palavra. Queremos também orar e pedir que Deus venha nos socorrer e nos motivar para a solidariedade. Saudamos todos vocês com o lema deste domingo: “Cantem ao Senhor com alegria, povos de toda a terra! Louvem o Senhor com canções e gritos de alegria. Salmo 98.4
Temos visitantes? (Após apresentação). Sejam todos bem-vindos.

CANTO DE ENTRADA
Nº 69 – Livro de Canto da IECLB – Povos da terra.

Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO
Celebramos este culto em nome de Deus, Criador e mantenedor de tudo que existe, em nome de Jesus Cristo, Filho de Deus, nosso Senhor e Salvador e em nome do Espírito de Deus, Unificador e Consolador.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
Nº 5 – Livro de Canto da IECLB – Aqui chegando, Senhor.

Ou: Nº ____________________________________________________

CONFISSÃO DE PECADOS

Motivação: Conforme nos transmite o profeta Isaías 1.18: “O Senhor diz: Venham, pois, vamos discutir a questão. Ainda que os pecados de vocês sejam como o escarlate, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, eles se tornarão como a lã”. Isto significa que Deus nos purifica de todos os pecados quando nos achegamos a Ele com toda a humildade e sinceridade, reconhecendo, confessando e pedindo perdão pelos nossos pecados. Então vamos fazer isto neste momento. Primeiramente uma confissão pessoal e silenciosa.

Confissão de pecados pessoal: momento de silencio.

Confissão comunitária: Misericordioso Deus! Tu tens nos conduzido, amparado e protegido. Fizeste de nós membros do teu povo. Por nós vieste a este mundo, a fim de oferecer-nos salvação. Foste fiel às promessas que fizeste a teu povo. Nós, porém, não fomos capazes de corresponder à tua fidelidade. Ignoramos a tua presença entre nós, trilhamos nossos próprios caminhos e achamos que somos autossuficientes. Quando temos saúde e um pouco de dinheiro, nós te dispensamos. Perdoa-nos, Senhor, e acolhe-nos outra vez em tua comunhão. Não te escondas de nós, nem nos deixes viver sem perceber a tua presença, que assegura mais beleza, justiça e misericórdia nas relações entre nós. Escuta-nos, ó Deus, quando te pedimos: perdoa-nos e vivifica-nos. Em nome de Jesus Cristo, nosso Senhor. Amém. (Proclamar Libertação 32, página 50).


ANÚNCIO DO PERDÃO
— “Filho, os seus pecados estão perdoados”. (Marcos 2.5) Assim Jesus falou ao paralitico em Cafarnaum. Assim, Ele fala para cada um e cada uma de nós que confessou os seus pecados com fé. Por isso, anunciamos a todos vocês que confessaram os seus pecados com humildade e sinceridade, o perdão dos pecados em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

KYRIE

Motivação: “Tu, Senhor, ouves a súplica dos necessitados; tu os reanimas e atendes ao seu clamor”.
Salmos 10:17 Deus ouve e atende ao clamor dos necessitados. Vamos clamar a Deus por todos os necessitados e sofredores na certeza que vai nos ouvir e atender ao clamor dos sofredores. Vamos fazê-lo com uma oração cantada.

Oração de clamor: Nº 56- Livro de Canto da IECLB – Pelas dores deste mundo.

GLÓRIA IN EXCELSIS

Motivação: O autor do Salmo 147.12-20 traz o seguinte convite: “Louve o SENHOR, ó Jerusalém! Louve o seu Deus, ó Sião! 13. Pois ele reforçou as trancas dos seus portões e abençoou os que habitam em seu meio. 14. Estabeleceu a paz em seu território e farta você com o melhor do trigo.15. Ele envia as suas ordens à terra, e sua palavra corre velozmente.16. Faz cair a neve como lã e espalha a geada como cinza. 17. Faz cair o seu gelo como se fossem migalhas; quem pode resistir ao seu frio? 18. Manda a sua palavra e o gelo se derrete; faz soprar o vento, e as águas correm. 19. Anuncia a sua palavra a Jacó, as suas leis e os seus preceitos, a Israel. 20. Não fez assim com nenhuma outra nação; todas ignoram os seus preceitos. Aleluia! ”
Somos convidados a louvar a Deus pela proteção, paz, alimentação e pela sua palavra que nos concedeu durante mais um ano. Vamos fazê-lo com uma oração cantada:
Oração de glorificação: Nº 70 – Livro de Canto da IECLB – Glória.

ORAÇÃO DO DIA
Misericordioso e bondoso Deus. É bom podermos trazer-te nosso louvor. É bom que possamos ser orientados por tua Palavra. Sentimo-nos bem em tua companhia. Tu nos consolas, pois, mesmo sendo pecadores e pecadoras, em vez de condenados, recebemos de ti graça e paz. Permite, Senhor, que nosso louvor te agrade e que tua palavra nos ponha de pé. Em nome de Jesus Cristo, na unidade do Espírito Santo. Amém (Proclamar Libertação 32, página 50).


LITURGIA DA PALAVRA

(Anunciar e efetuar a leitura)
LEITURA BÍBLICA: Hebreus 2.10-18.

(Depois da leitura acolher a Palavra com um canto)
CANTO: Nº 165 - Livro de Canto da IECLB – Estou pronto, Senhor

(Anunciar a leitura do evangelho e preparar para a leitura com um canto)
CANTO: Nº 187 - Livro de Canto da IECLB – aleluia

(Efetuar a leitura do Evangelho)
LEITURA DO EVANGELHO: Mateus 2.13-23.

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
Nº 121 – Livro de Cantos da IECLB – Salmo 98.

PREGAÇÃO:

Bom dia / boa noite! As festas de mais um natal e de mais uma passagem de ano já aconteceram. Como foram as festas lá nas suas casas e famílias? Fizeram muitas festas? Ainda sobraram forças e energias para mais algumas festas? Quais foram os motivos que levaram vocês a fazer estas festas? Foi o reencontro com a família e os amigos? Foi o término de um ano bom? Ou foi o término de mais um ano difícil, na esperança de mudanças? Certamente os motivos são muitos e diferentes. Cada um de nós e cada uma de nós tem os seus motivos para festejar. Com certeza muitos motivos são justificados e bem festejados.

Os textos de hoje nos motivam para festejarmos. O texto indicado para motivar a pregação começa e diz: celebrarei. O que é celebrar? É um termo pouco usado no dia a dia da nossa vida. Dificilmente ouvimos alguém usando a palavra celebrar. É uma palavra mais usada dentro da igreja. Mas ela significa festejar. Muitos de nós têm dificuldades com a palavra festejar porque ligam ela logo de forma negativa a excessos que são cometidos. Mas festejar é alegrar-se e celebrar a vida. Festejar momentos importantes na vida fazem bem para nós. É disso que queremos falar hoje. Vamos ouvir o texto de Isaías 63.7-9:

7. Celebrarei as misericórdias do SENHOR e os seus atos gloriosos, segundo tudo o que o SENHOR nos concedeu e segundo a grande bondade para com a casa de Israel, bondade que usou para com eles, segundo a sua compaixão e segundo a multidão das suas misericórdias. 8. Porque ele dizia: “Certamente eles são o meu povo, filhos que nunca me trairão. ” E ele se tornou o Salvador deles. 9. Em toda a angústia deles, também ele se angustiava; e o Anjo da sua presença os salvou. Por seu amor e por sua compaixão, ele mesmo os remiu, os tomou e os conduziu todos os dias da antiguidade.

Somos convidados hoje para festejarmos a misericórdia, a bondade, o amor e a compaixão de Deus. Somos convidados para festejarmos a salvação e remissão que Deus realizou em seu Filho Jesus Cristo. Somos convidados para festejarmos a presença de Deus em momentos de nossas angústias. Somos lembrados hoje que fazemos parte do povo de Deus desde o nosso batismo. Desde lá somos filhos de Deus que, por amor, cuida de nós. Mas, nós realmente sentimos nos gratos a Deus por tudo que Ele já fez por nós em Cristo? Ou nós temos mais motivos para nos lamentar diante de Deus? Olhando para o ano que passou o que percebemos? As dificuldades enfrentadas, os momentos de angústia? Certamente houveram muitos momentos difíceis de muita angustia pelos mais diversos motivos. Sentimo-nos abandonados por Deus?

Olhando para o contexto do texto acima vamos descobrir que ele faz parte de um culto realizado pelo povo de Israel no período de exilio na Babilônia. Nesta época as pessoas viviam momentos angustiantes diante de dificuldades e sofrimentos de toda ordem: dominados e explorados por povo estrangeiro, muito trabalho escravo, pouco dinheiro, muita doença, proibição de viver a sua fé, saudades da pátria, da terra natal. Isaías 63.7-64 na verdade é uma celebração de lamentação e questionamento da presença de Deus. Há um sentimento de que Deus tenha abandonado o seu povo. E isso é expresso neste culto com a pergunta onde está aquele Deus que fez tudo por seu povo no passado. Diante deste lamento é lembrado do amor, da bondade e da misericórdia de Deus já experimentados anteriormente na história do povo de Deus como no êxodo e motivo para confiança e esperança no Deus da misericórdia, bondade, amor e compaixão.

Olhando para o ano que passou, como nós nos sentimos? Certamente muitos dirão: ainda bem que acabou esse ano, esperamos que este novo ano seja melhor. Muitos até poderão expressar sentimento de abandono de Deus. Muitos até dirão: onde está esse Deus bondoso no meio de tanta violência, ódio e mentira. Outros já dirão: foi um ano muito bom. Alguns poucos até poderão expressar sentimentos de gratidão a Deus. Outros provavelmente nem lembrarão de Deus e sentirão tudo como resultado do seu esforço e, quem sabe, até dirão, que os outros que tiveram dificuldades foram preguiçosos. Mas sabemos que não bem assim. Com certeza temos que fazer a nossa parte. Mas nada é resultado apenas do nosso esforço. Sabemos que tudo provem de Deus que nos ama, tem um coração aberto para os miseráveis e é bondoso. Este Deus cuida de nós especialmente em meio aos sofrimentos e angustias.

Somos chamados para festejar o amor de Deus mesmo diante de dificuldades e sofrimentos. Deus sempre está conosco e cuida de nós. Assim como Ele já o fez sempre. Hoje somos lembrados da história da família de José e Maria e do menino Jesus. O evangelho nos mostra que diante da perseguição de Herodes Deus conduziu a família até o Egito e depois também conduziu para retorno a terra natal. Deus acompanhou José, Maria e Jesus com amor também nos momentos difíceis da vida. Por isso, foram gratos.
Por isso, vamos em 2020 nos confiar inteiramente nas mãos cuidadoras de Deus, pois mesmo em meio as dificuldades e aos sofrimentos Ele estará conosco cuidando de nós com muito amor, muita misericórdia e bondade. Isso Deus demonstrou para nós claramente em seu Filho Jesus Cristo. Amém.


HINO
Nº 626 – Livro de Cantos da IECLB – Conta as bênçãos.

CONFISSÃO DE FÉ
Motivação para Confissão de fé.

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
Nº 605 – Livro de Cantos da IECLB – Momento Novo.


ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________

Amado, misericordioso e bondoso Deus.
Nós queremos te agradecer por que vieste ao nosso encontro em teu Filho Jesus Cristo. Nele trouxeste-nos o perdão dos nossos pecados, libertação do mal e da morte, enfim a nossa salvação. Nós te agradecemos por todas as dádivas que Tu nos concedes todos os dias da nossa vida: alimento, moradia, trabalho, estudo, família, amigos e comunidade.
Amado, misericordioso e bondoso Deus.
Nós te pedimos: ajuda-nos a viver a nossa fé no dia a dia da nossa vida. Ajuda-nos a amar os outros assim como eles são. Ajuda-nos a defender e garantir o direito dos mais pobres e excluídos. Ajuda-nos a percebermos a tua bondade e o teu amor no dia a dia da nossa vida. Ajuda-nos a sermos gratos a ti e também uns aos outros. Ajuda-nos a aliviar as dores dos nossos semelhantes. Ajuda-nos a sermos solidários e partilharmos os bens que recebemos de ti. Assim te pedimos por todos os doentes, desempregados, envolvidos em conflitos na família. Ajuda-nos a combater qualquer forma e pratica de violência. Ajuda-nos a trabalhar pela paz. Nós te pedimos por todos aqueles que exercem liderança para que vivam e governem de acordo com a tua vontade. Nós te pedimos pela comunidade e igreja. Que possamos dar testemunho através de nossa vida, em palavras, em pensamentos e em ações. Por Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador, Ele que nos ensinou a orar .....

PAI NOSSO
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Sacerdotal (Números 6.24-26)

ENVIO
Vão na paz e no amor de Deus. Sirvam com alegria e com amor.

CANTO FINAL
Nº 472 – Livro de Cantos da IECLB – Graças, Senhor, eu rendo.


Autor(a): Pastor Emérito Ivo Schonherr
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Natureza do Domingo: Natal
Perfil do Domingo: 1º Domingo após Natal
Testamento: Antigo / Livro: Isaías / Capitulo: 63 / Versículo Inicial: 7 / Versículo Final: 9
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2020
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 54840
REDE DE RECURSOS
+
Todas as nossas orações devem fundamentar-se e apoiar-se na obediência a Deus.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br