Mateus 4.12-23 - 3º Domingo Após Epifania - 26/01/2020

Caderno de Cultos 2020 - Sínodo Mato Grosso

26/01/2020

26/01/2020 - 3º DOMINGO APÓS EPIFANIA
Pregação: Mateus 4.12-23
Leituras: Isaías 9.1-4 * Salmo 27.1, 4-9 * 1 Coríntios 1.10-18
Pa. Bruna Schneider Belard – Sinop - MT

ACOLHIDA
Bom Dia. Boa noite. Sejam bem-vindos e bem-vindas. Quero acolher a comunidade aqui reunida com as palavras: Percorria Jesus toda a Galileia, ensinando nas sinagogas, pregando o Evangelho do reino e curando toda sorte de doenças e enfermidades entre o povo. Mateus 4.23.
Os domingos após a Epifania servem para lembrar que Deus já se fez presente entre nós na pessoa de seu Filho e que por isso a comunidade pode viver uma relação bem próxima a Ele. Isso se reflete na forma como Deus se comunica conosco, ou seja, por meio do Verbo encarnado, que torna a Palavra clara e perceptível, de modo que possa ser compreendida e obedecida.
Acolher os/as visitantes

CANTO DE ENTRADA
15 – LCI Em tuas mãos
Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO
Celebramos este culto em nome do Deus Criador, em nome do Filho, Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador, e em nome do Espírito Santo, que nos encoraja e anima a crer nas promessas de Deus. Amém.

CONFISSÃO DE PECADOS
Senhor Deus, nós confessamos que temos pecado contra ti; muitas vezes temos negligenciado o ministério que nos deste. Não temos sido, na verdade, um só corpo em Cristo, cumprindo com fidelidade a função que nos foi dada, colocando a serviço do teu povo os dons que nos concedeste. Nem sempre temos exercido, com integridade, a missão de sermos teus discípulos e discípulas no mundo por meio da palavra da reconciliação. Não temos atendido, de todo o coração e mente, as palavras daqueles que visam a nossa edificação, a nossa unidade e o conhecimento de Cristo. Reconhecemos que temos pecado e nos afastado da tua luz. Perdoa-nos e concede-nos a luz do teu Espírito. Por Jesus Cristo, nosso Senhor. Amém.

ANÚNCIO DO PERDÃO
Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Por isto, alegrem-se, e recebam o perdão em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

KYRIE
Por ainda haver tanta injustiça neste mundo, por ainda haver pessoas que se afastam da presença de Deus é que vemos tanta violência, guerras, discriminação, tanta pobreza e miséria. Jesus disse que veio ao mundo para que nós tenhamos vida, e a tenhamos em abundância. Por isso, vamos pedir a Deus que tenha pressa em enviar o Reino que será justo a todos.
56 – LCI – Pelas dores desse mundo

GLÓRIA IN EXCELSIS
Cantem louvor a Deus, o SENHOR, vocês, o seu povo fiel! Lembrem do que o Santo Deus tem feito e lhe deem graças. (Salmo 30. 4). Deus perdoa o nosso pecado e ouve o nosso clamor. Por isso podemos render Glórias a Deus e ao seu Santo Nome cantando:
526 – LCI – Glória pra sempre

ORAÇÃO DO DIA

Deus de amor e cuidado! Rendemos graças a ti por estarmos hoje reunidos e reunidas em tua casa. Graças porque ao longo da história sempre de novo tu te voltas para o teu povo com misericórdia e compaixão. Graças porque podemos receber novamente de ti a tua boa e santa palavra. Que teu Espírito Santo abra nossos corações e mentes para recebe-la como terra fértil recebe boa semente. Oramos em nome de teu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor e salvador, que contigo e com o Espírito Santo vive e reina de eternidade a eternidade. Amém!

LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura: Isaías 9.1-4
2ª Leitura Bíblica: 1 Coríntios 1.10-18

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
150 – LCI – Buscai Primeiro

PREGAÇÃO: Mateus 4.12-23

Prezada Comunidade!
Você já fez mudanças em sua vida? Você sempre viveu no mesmo lugar e da mesma maneira?
É provável que a maioria de nós já passou por mudanças, seja de cidade, casa, estado civil, estilo de se vestir, partido político, forma de pensar entre outros exemplos.
Os textos que ouvimos tratam de uma grande mudança ou melhor uma grande transformação. Os textos bíblicos afirmam que quem vive nas trevas pode passar a viver na luz.
O povo, para quem Isaías falava, passava por momentos muito difíceis, pois ocorria a ascensão do império assírio com uma cruel política de conquista, no qual a espada e a destruição estavam em primeiro lugar. A boa notícia que o profeta anunciou foi que veriam uma grande luz. Essa profecia se cumpre com a vinda do Messias, que celebramos a poucas semanas atrás no dia de Natal. A luz de Cristo resplandeceu aos que viviam nas trevas e aos que viviam na sombra da morte.
A vinda do Messias trouxe consigo a manifestação do reino de Deus, e a chegada do Reino traz implicações para todas as pessoas, isto é, requer mudanças de atitudes. Primeiramente, a exortação de que todos precisam colocar a sua vida em dia, e, portanto, a chamada é: “Arrependei- vos!” (Mt 4.17). Mas, ao mesmo tempo, surge a convocação de que cada um e uma precisa seguir o Messias e entregar-se totalmente a Ele, como fizeram os discípulos de Jesus (Mt 4.18-22). Finalmente, é necessário que aqueles que experimentaram a luz de Cristo possam proclamar essa mensagem a todos aqueles e aquelas que ainda não a conhecem. Paulo tinha isso como sua missão: Cristo não me enviou para outra coisa, senão para proclamar o Evangelho, a mensagem da cruz (1Co 1.10-18).
O texto do Evangelho, relata um momento difícil: João Batista, o profeta que veio para preparar o caminho do Senhor e que praticava o batismo de arrependimento de pecados, estava preso, por conta da mensagem que ele anunciava. Jesus, que veio para cumprir essa mensagem e para continuar o anúncio do Reino de Deus, resolveu se mudar, ir embora. Jesus foi para Cafarnaum, uma cidade à beira mar, nos confins de Zebulom e Naftali, como profetizou Isaías.
Percebemos aqui como Jesus não é ingênuo e acompanha os acontecimentos, tomando as decisões com sabedoria. O fato do seu primo, João Batista, ter sido preso indicava que havia risco de perseguição na Judéia, e, que o mistério de João no plano de Deus estava cumprido. Era hora de Jesus iniciar seu próprio ministério.
A sábia decisão de Jesus, nos mostra que, por vezes, mudanças em nossas vidas se tornam necessárias.
Jesus, andando na beira do mar da Galileia, encontrou, primeiramente, dois pescadores chamados Pedro e André e os convidou para mudar totalmente de vida. Jesus disse que lhes ensinaria a pescar gente, ao invés de peixes. O texto nos diz que eles largaram logo as redes e foram com Jesus, o mesmo aconteceu com os irmãos Tiago e João que deixaram para trás não só a profissão como a companhia de seu pai.
Será que eles realmente refletiram que a vida deles nunca mais seria a mesma?
Jesus provoca enormes mudanças e transformações em nossas vidas, certamente nenhum dos pescadores se arrependeu de ter aceito o convite de seguir a Jesus. Com o Mestre aprenderam a amar as pessoas e, com as redes do Evangelho, a resgatar vidas da morte eterna.
Jesus deixa muito claro que o caminho do discipulado não é simples e nem fácil, mas é necessário.
Os ensinamentos de Jesus motivaram homens e mulheres ao longo dos séculos para principal missão confiada a todos os crentes em Jesus: ser pescador de gente.
O mesmo convite feito aos pescadores da Galileia se estende também a nós. Pelo batismo, somos chamados filhos e chamadas filhas de Deus, logo somos seus discípulos e discípulas. O Evangelho pregado, anunciado e vivido por Jesus, nos mostra como lançar as redes para pescar gente.
Que possamos sempre deixar que a luz de Cristo mude e transforme as nossas vidas. Que essa luz também possa brilhar através de nós, para que muitas outras vidas sejam transformadas e não vivam na escuridão. AMÉM

CONFISSÃO DE FÉ
Em resposta a pregação da palavra de Deus, confessemos a nossa fé com as palavras do credo apostólico.

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
581 – LC – Deus sempre me ama

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO

Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________

Deus de amor! Nosso coração se alegra por ouvir novamente a tua palavra. Nosso coração se alegra porque através das ofertas destinadas para ................................. podemos contribuir para tua missão e para a promoção do teu reino aqui na Terra. Graças pelos aniversariantes e por cada motivo de gratidão expressado neste culto.
Senhor Deus, nós te agradecemos pelos céus e terra que criaste; nós te agradecemos por todos os seres vivos que criaste; nós te agradecemos pela ordem e pelo equilíbrio que tu mesmo estabeleceste na tua criação.
Nós te pedimos: concede-nos o espírito de reconhecimento de que tudo o que somos e podemos vem das tuas mãos, que tudo é dádiva tua para que vivamos felizes e em harmonia neste mundo que tu colocaste a nossa disposição.
Intercedemos por nossa Igreja, por teus ministros e ministras e por tuas lideranças. Permita que tenham um ouvido aberto e atento para a tua palavra e que assim como os discípulos possam seguir-te com convicção e responsabilidade. Dessa forma, poderão proclamar a tua palavra e realizar a tua vontade junto as pessoas que necessitam dela.
Intercedemos pelas autoridades de nossa nação. Dá que possam ouvir a tua voz, teu chamado, e possam governar e legislar com justiça e ética, sem interesses pessoais e visando o bem comum.
Intercedemos por todas as pessoas que sofrem por doença e pelas famílias enlutadas. Lembramos de cada pedido de oração feito nesse dia........................................................................................................ e entregamos tudo em tuas mãos quando oramos conforme teu Filho Jesus Cristo nos ensinou:

PAI NOSSO
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Que o Senhor te abençoe e te guarde. Que ele faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti. Que o Senhor sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz. Assim te abençoe o Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!

ENVIO
Vamos na paz do Senhor e sirvamos a ele com alegria.

CANTO FINAL
287 – LC – Cuida bem.
 


Autor(a): Pastora Bruna Schneider Belard
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Natureza do Domingo: Epifania
Perfil do Domingo: 3º Domingo após Epifania
Testamento: Novo / Livro: Mateus / Capitulo: 4 / Versículo Inicial: 12 / Versículo Final: 23
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2020
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 54843
REDE DE RECURSOS
+
A lei inteira se resume em um mandamento só: ame os outros como você ama a você mesmo.
Gálatas 5.14
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br