Prefácio - Proclamar Libertação - Vol. 5

Artigo

20/12/1979

Há quase um ano o colega Baldur van Kaick assumiu o pastorado na Comunidade Evangélica de Taquara, RS, renunciando, por isso às suas funções de professor de Homilética, na Faculdade de Teologia da IECLB. Assim, também PROCLAMAR LIBERTAÇÃO se ressente da perda de seu coordenador. Todos quantos se valem destes auxílios homiléticos, no seu trabalho regular de pregação, sabem que devemos muito ao Baldur. Nós, que aqui tivemos a alegria de conviver com ele durante esses últimos anos, estamos cientes de quanto o contato com os colaboradores, a revisão dos manuscritos originais e a supervisão e correção do texto final dele exigiram. Paralelamente, registramos também sua satisfação com essa tarefa. Coordenando as edições dos primeiros quatro volumes de PROCLAMAR LIBERTAÇÃO, Baldur estabeleceu para estes auxílios homiléticos uma fisionomia bem definida e padrões bastante elevados, que, por um lado, facilitam bastante o trabalho deste seu sucessor, e, por outro, o tornam muito difícil. Ao Baldur, pela propriedade com que se conduziu como coordenador e por sua abnegada dedicação, o agradecimento de todos nós — dos colaboradores, dos professores da Faculdade de Teologia, do Conselho Editorial, meu particular, e, tenho certeza, de todos os usuários. Desejamos que Deus o abençoe ricamente em suas novas atividades.

Em fins de junho realizou-se o II Encontro de Colaboradores de PROCLAMAR LIBERTAÇÃO, o qual manteve as diretrizes básicas dos auxílios homiléticos, como vinham sendo observadas até aqui (cf. o prefácio ao volume IV). Tentamos avançar na reflexão sobre o significado da expressão proclamar libertação e sobre como fazer tal significado refletir-se mais claramente nos auxílios homiléticos apresentados. Precisamente este será o assunto principal do III Encontro, a se realizar em junho de 1980.

O volume V traz os textos da série II (a partir do lo Domingo de Advento, série III) da Ordem de Perícopes que vinha sendo seguida na IECLB. A partir do Advento de 1978, entrou em vigor, na Igreja Evangélica da Alemanha, uma ordem de perícopes revisada. Devido às vinculações da IECLB com aquela igreja, e tomando em conta os auxílios homiléticos recebidos daquele país, a maioria dos colegas por nós consultados é de opinião que PROCLAMAR LIBERTAÇÃO deveria acompanhar essa ordem revisada. Muitos pensam, porém, que nos caberia criar uma ordem própria, em nível brasileiro e ecumênico. O II Encontro - que também tomou conhecimento das ordens de perícopes aprovadas pela Igreja Católica e por diversas igrejas dos Estados Unidos (luteranos, presbiterianos, episcopais e outros) — decidiu solicitar à IECLB que se empenhe junto ao CONIC (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs), para que este promova com urgência a criação de uma ordem de perícopes brasileira e ecumênica. Enquanto esta não existir, PROCLAMAR LIBERTAÇÃO seguirá, por decisão do II Encontro, a partir do volume VI, a ordem revisada da Alemanha.

Atendendo ao pedido de muitos leitores, fizemos um grande esforço para preencher, neste volume, todos os domingos e datas especiais do ano eclesiástico. Como se pode ver, ainda não chegamos lá, mas prometemos redobrar nosso empenho para o próximo volume. Aproveitamos para pedir escusas aos nossos leitores por não trazermos, neste volume, um auxílio homilético para o Domingo de Pentecostes, o que representa uma grande lacuna. Até o último momento tentamos preenchê-la, mas uma série de imprevistos totalmente alheios à nossa vontade e ao nosso controle tornaram impossível nosso propósito.

Em compensação, além dos auxílios homiléticos para ocasiões como o Dia do Trabalhador, Dia da Independência e Dia da Colheita, que já vinham sendo considerados nos volumes anteriores, adicionamos, desta vez, colaborações para o Dia do Colono, para um culto em época de eleição, além de duas contribuições sobre o tema Terra. Conforme decisão dos encontros de colaboradores, todos os volumes terão, daqui para a frente, contribuições temáticas como esta.

Os primeiros trabalhos deste volume iniciam já no mês de janeiro. É nossa esperança podermos, a partir do volume VI, cobrir cada ano eclesiástico do seu início ao seu final, ou seja, do 1o Domingo de Advento ao Último Domingo do Ano Eclesiástico.

Em consideração a uma solicitação que nos veio sobretudo de colegas de outras denominações, e por uma questão de uniformidade, alteramos a pontuação das indicações de passagens bíblicas, seguindo o modelo utilizado na tradução de Almeida (Edição Revista e Atualizada no Brasil).

Gostaria, ainda, de chamar a atenção dos leitores para o seguinte:

a) ICo 15.50-58 (Domingo de Páscoa) já foi tratado no volume III (Dia dos Finados). Visto que aquele primeiro trabalho deu ênfase especial à situação do Dia dos Finados, resolvemos repetir o texto neste volume.

b) l Tm 2.1-8 (Domingo Rogate) já foi tratado no volume II (Dia da Independência). Por isso, trocamo-lo por Cl 4.2-6, uma epístola prevista para o mesmo domingo na série IV.

c) Por um lapso, trazemos, para o Domingo Cantate, Cl 3.12-17, que não pertence à série II antiga, mas à revisada.

Aproveitamos esta oportunidade para registrar que PROCLAMAR LIBERTAÇÃO está ultrapassando nossas fronteiras e vem sendo utilizado também por colegas no Chile. Para estreitar os laços que assim se desenvolvem, temos a grande alegria de contar com os trabalhos de dois irmãos da Igreja Evangélica Luterana no Chile (Jürgen Denker, Domingo Rogate, e Hans-Hartmut Hüfner, Domingo Laetare). Decidimos manter essas contribuições formuladas em espanhol, confiando que os leitores brasileiros não encontrarão maiores dificuldades em entendê-las. Alimentamos esperança de que, para o volume VI, esse intercâmbio se estenda também à Argentina.

Com satisfação comunicamos que, graças à crescente demanda, pudemos aumentar, mais uma vez, com este volume, a tiragem de PROCLAMAR LIBERTAÇÃO. Para quem não teve chance de adquiri-los antes de se esgotarem, informamos que os volumes I e II foram reeditados, este ano, em um só tomo.

Finalizo, agradecendo calorosamente a todos os colegas e amigos que contribuíram para este volume; sabemos o trabalho que isto significa, ao lado da sua labuta regular. Agradeço também ao Conselho Editorial por sua atuação na elaboração da lista de textos e colaboradores; ao colega Altmann, de modo especial, pelo seu empenho na divulgação e comercialização de PROCLAMAR LIBERTAÇÃO. Como disse Baldur, no prefácio ao volume IV, estes auxílios homiléticos, escritos por pastores e professores de teologia, querem ser parceiros no diálogo dos pregadores com os textos. Que possam cumprir a finalidade para a qual foram elaborados!

São Leopoldo, outubro de 1979
Nelson Kirst


Autor(a): Nelson Kirst
Âmbito: IECLB
Título da publicação: Proclamar Libertação / Editora: Editora Sinodal / Ano: 1979 / Volume: 5
Natureza do Texto: Artigo
ID: 18289
REDE DE RECURSOS
+
O Senhor guardará você. Ele está sempre ao seu lado para protegê-lo. Ele o guardará quando você for e quando voltar, agora e sempre.
Salmo 121.5 e 8
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br