Reforma: 500 Anos Depois

24/09/2015

1908152_640310296111962_7654303529211041374_n
11229824_640310182778640_20410211173339032_n
12043042_640309789445346_1912313346677766436_n
12043181_640309866112005_2929317845994232322_n
12047044_640310072778651_1925362142952675212_n
12074505_640310029445322_3213678092051396150_n
12074843_640310232778635_2431915880937979378_n
12074985_640310379445287_8362267121790738680_n
12088337_640310459445279_5983070811348627241_n
12096481_640310489445276_7760943221065206215_n
12108807_640309792778679_8173192244607318413_n
12109202_640309876112004_5424631890045990183_n
12118850_640310346111957_4541323359331037825_n
1 | 1
Ampliar

No dia 24 de setembro, um dia chuvoso, mas que não tirou a disposição das mulheres do núcleo Vale do Jacuí, de sairem cedo de casa para se reunirem em Arroio do Tigre no encontro Interparoquial da OASE.

Após, uma boa acolhida e um gostoso café, seguiu-se a programação com um momento de boas-vindas, meditação e palestra sob o tema: “REFORMA: 500 ANOS DEPOIS”, conduzida pelo pastor Martin Dietz.

A Reforma aconteceu num período de profundas mudanças. A sociedade moderna também sofre constanstes mudanças, e a pergunta que surge é, de que forma essas mudanças afetam a vida e o testemunho da fé cristã? Como nos identificamos em nosso contexto multireligioso e cultural? Evangélicos? Luteranos? Protestantes? Cristãos?

Além, do tema da identidade, também aspectos teológicos da Reforma foram relembrados: a teologia da cruz; os cultos na língua do povo; ênfase na pregação da Palavra; Escritura X Tradição; Santa Ceia não como um sacrifício apresentado a Deus, mas compreendida como agir e serviço de Deus em nosso favor e ministrada com ambos os elementos (pão e vinho); redução no número de sacramentos; mudanças na assistência aos pobres...

À tarde, as apresentações artísticas foram diversificadas: canto, teatro e danças gauchescas.

Durante o momento de devocional de encerramento foi recolhida uma oferta que será destinada para os projetos definidos pela Semana Nacional da OASE, e após a oração do Pai Nosso, cantou-se o hino “Jesus Cristo é Rei e Senhor”.

Ministros e Ministras do Núcleo Vale do Jacuí.

COMUNICAÇÃO
+
ECUMENE
+
Tenham entre vocês o mesmo modo de pensar que Cristo Jesus tinha.
Filipenses 2.5
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br