Semana Cultural - 2003

14/09/2003

Semana Cultural 2003
Semana Cultural 2003
Semana Cultural 2003
Semana Cultural 2003
Semana Cultural 2003
Semana Cultural 2003
1 | 1
Ampliar


O mais recente projeto do departamento de música é a Semana Cultural que aconteceu nos dias 9 a 14 de setembro 2003.

Como já praticado no ano passado, a Festa da Comunidade começou na semana anterior com cinco concertos, organizados pelo Maestro Rodrigo Vitta (Diretor Artístico) e pelo Diretor do Depto. MusipaZ , Mario W. Schroeder.

O primeiro grupo vocal que se apresentou na terça-feira, dia 9 de Setembro, foi o Coral Exsultate com música sacra “Motetos de 5 séculos”. Sob regência de Hermes Coelho e acompanhado no órgão por Sérgio de Souza, esta “viagem musical” passou pelos séculos com obras de Rheinberger, Schütz e Mendelssohn, finalizando com compositores mais modernos, entre outros Otto Osson e Randall Thompson. O público apreciou e aplaudiu o variado repertório do conhecido e competente Coral Exsultate.

Os amantes da música chegaram também na quarta-feira, apesar da chuva, para ouvir o Coral do Collegium Musicum de São Paulo, sob regência de Juliano Suzuki e com o tema “Cantar de amor”. Da Idade Média ao Século XX, muitos compositores foram lembrados em conhecidas músicas, na maioria em arranjos por Abel Rocha (que é Regente Titular). Em várias línguas e com muita graça este bem treinado coral e vários solistas alegraram o público. Muito divertido “O casamento do Moacir”, teve muitos aplausos e pedidos de “bis”.

Um grande público apareceu na quinta-feira para a apresentação do Coral do Colégio Visconde de Porto Seguro, bem conhecido pelos membros da Comunidade. Com mais de 60 coralistas, no piano a jovem Claudia Elena Siste e regido pelo maestro Sérgio Eduardo Martinelli de Assumpção, este imponente coral apresentou sob o título “Música Sacra” obras clássicas de Vivaldi, Mozart, Bach, Händel, entre outros. Alegria e comoção de todos ouvintes bem como coralistas.

Modesto com seus 15 membros, mas com primor, conhecido e muito apreciado, o Coral Voz Ativa Madrigal teve sua apresentação na sexta-feira. Por varias vezes já cantou na Igreja da Paz , surpreendeu desta vez com um repertório diferente. Com o tema “Acepipes Musicais na Boca do Brasil” proporcionaram aos ouvintes uma noite bem alegre, cantando muitas peças bem conhecidas por todos (entre elas Tom Jobim, Pixinguinha, Vinicius de Moraes, Caetano Veloso, Ary Barroso e Dorival Caymmi). Os ritmos brasileiros tomaram conta das pessoas que retribuiram com intensos aplausos para este simpático grupo, treinado pela jovem soprana Regiane Martinez e conduzido pelo baixo Ricardo Barbosa. 

Foram, com certeza, guloseimas musicais que deram muito assunto e conversa animada entre coralistas e público depois da apresentação.
Já em clima de festa, muita gente lotou a Igreja no sábado para ouvir a Orquestra de Câmara MusipaZ. Presente inédito foi a primeira execução no Brasil da obra “Dedications for Strings” (Dedicações para Cordas) do compositor grego Dino Constantinides, radicado nos Estados Unidos. Muito simpático e prestativo ajudou com partituras e explicações. 

A peça “Paisagem Brasileira” de Rodrigo Vitta agradou igualmente – dos jovens aos mais experientes amantes de música clássica moderna.
Surpresa agradável : seis canções de Arnold Schoenberg, apresentação impecável do jovem barítono Fernando de Bona que brilhou com sua bela e bem colocada voz , colocando estes “Lieder” como se fosse ópera! Acompanhado por Regina Schlochauer no piano, teve calorosos aplausos. Com Danças Típicas de Siebenbürgen, composição de Bela Bartók, fechou-se a primeira parte de música moderna.

A segunda parte do concerto foi dedicada à música clássica. De Telemann um Concerto para Viola e Orquestra, tocada pela jovem Juliana Vertematti com muita habilidade. Seguiu um Concerto para Violoncelo e Orquestra de Joseph Haydn com a solista Laura Mac-Knight di Maule. Impecável e emocionante a habilidade de Laura. Parabéns a estas duas jovens solistas e votos e muito sucesso, sempre.

O concerto no. 4 (BWV 1055) de J.S. Bach para Cravo e Orquestra encerrou este evento musical. Com Regina Schlochauer no Cravo foi uma delícia! Regina, conhecida mundialmente, com sua vasta bagagem musical, discos gravados, e atuando constantemente no mundo da Música, representa para o depto. MusipaZ muito orgulho como integrante da nossa orquestra. A sua simpatia embeleza e coroa ainda mais a sua impecável apresentação. Longos aplausos!

Uma noite inesquecível - como sempre a precisa e sensível condução da orquestra e dos solistas pelo Maestro Rodrigo Vitta que impressiona com seu estilo jovem e marcante, exigindo e conseguindo perfeição dos músicos.

Aplausos e mais aplausos dos ouvintes que por muito tempo ainda permaneceram para conversar e elogiar esta noite maravilhosa.

No Culto Festivo do domingo, a Orquestra de Câmara, o Quarteto de Solistas MusipaZ e ainda o Coral Mensageiro da Paz marcaram presença e enriqueceram a linda celebração com muita música bonita e tocante. Quando o quarteto de solistas cantou “Andar com fé” (em um arranjo inusitado e com efeitos surpreendentes do maestro Rodrigo Vitta), a comunidade, espontaneamente aplaudiu muito. E quando o jovem tenor Ossiandro Brito cantou junto com o Coral “Se eu quiser falar com Deus”, o som elevou-se para o alto, como uma grande oração.

Foi muita emoção !
 

COMUNICAÇÃO
+
Tu és o meu Senhor. Outro bem não possuo, senão a ti somente.
Salmo 16.2
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br