Semana Nacional da Pessoa com Deficiência - Comunidade São Lucas - Porto Alegre/RS

Pare, olhe, escute e siga: na sensibilidade, na empatia e em ações de acolhimento e de inclusão!

25/08/2020

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência

Por que contar com uma semana específica para esta temática? Pelo mesmo motivo que ainda precisamos ter o Dia Internacional da Mulher, o Dia do Índio, o Dia da Consciência Negra, entre outras datas semelhantes que têm o propósito de chamar à atenção da sociedade, de instituições (entre elas as comunidades cristãs) e dos indivíduos, de modo geral, para realidades que carecem de mudança de consciência e atitude.


Deparei-me com a menção a esse sinal de trânsito, que se encontra junto às linhas férreas, no relatório de uma instituição, referindo-se à conclusão da construção de um prédio para abrigar pessoas com deficiência. Utilizo-o aqui, ampliando o horizonte:

PARE: Pense a respeito da nomenclatura desta semana: o que são “pessoas com deficiência”? Você tem alguma deficiência? Que experiências você tem com esta temática?

OLHE: Olhe ao seu redor. No seu círculo de convivência, há pessoas com deficiências mais visíveis do que outras como, por exemplo:
- mobilidade reduzida;
- cadeirantes;
- mobilidade zero;
- deficiência auditiva;
- deficiência visual;
- síndromes diversas que necessitam de apoio permanente?

Como é o seu cotidiano com relação a sua deficiência ou como você percebe a rotina de quem lhe veio à mente? No que você ou essa(s) pessoa(s) precisa(m) de ajuda? Onde você percebe avanços com relação à inclusão em nossa Comunidade e o que nos falta para sermos uma comunidade ainda mais acolhedora e inclusiva com relação às pessoas com deficiência?

ESCUTE: Assim que possível, programe-se para conversar com uma ou mais pessoas com deficiência. Escute-as! Escute-as com o coração! Depois, pergunte como você pode ser útil.

Jesus disse ao cego Bartimeu: O que você quer que eu faça? (Marcos 10.46-52)

PARE, OLHE, ESCUTE! Feito isso, na linha férrea, é hora de atravessar os trilhos em segurança. Então, SIGA!

No que diz respeito a essa temática, é hora de avançar na SENSIBILIDADE, na EMPATIA e em AÇÕES DE ACOLHIMENTO E DE INCLUSÃO.

Um cartaz divulgado há muitos anos, trazia rostos de Cristo e a frase: “Christus hat viele Gesichter” - Cristo tem muitos rostos! De fato, “eu afirmo a vocês que isto é verdade: quando vocês fizeram isso ao mais humildes dos meus irmãos [e das minhas irmãs], foi a mim que fizeram – disse Jesus (Mateus 25.40).

Pa. Scheila dos Santos Dreher – 25.08.2020
Comunidade Evangélica de Confissão Luterana São Lucas em Porto Alegre/IECLB
 

REDE DE RECURSOS
+
Meu Deus e meu Rei, eu anunciarei a tua grandeza e sempre serei grato a ti. Todos os dias, te darei graças e sempre te louvarei.
Salmo 145.1-2
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br