Vento que anima

Comentário e Reflexão

29/06/2012

Hino 321 - Vento que anima

Reflexão – por Elfriede Rakko Ehlert, Artista plástica em Curitiba/PR

O que é isto diante de mim? Uma coisa redonda, movida pelo vento. Era uma folha que me levou a pensar. Uma fraca brisa movimenta uma folha leve e ela obedece. Mas o vento é capaz de muito mais. Penso no mar. Pode formar ondas enormes que derrubam não só os surfistas, mas são capazes de destruir barreiras e diques que os homens construíram para se proteger.
Como as ondas do mar a nossa vida também está sujeita ao eterno sobe e desce. Pensamos por exemplo na época de férias, de lazer. Com os nossos familiares vivemos a euforia, a liberdade de compromissos. Desejaríamos que essa onda do bem-estar fosse duradoura, mas virá de novo a monotonia do dia-a-dia. E uma onda de tristeza ameaça invadir-nos.
Mas eu acho que os dias livres, quando bem aproveitados, nos dão forças para encarar com mais ânimo o nosso trabalho. O que seria uma vida sem ele? Acho que os aposentados conhecem o vazio, quando as tarefas fazem falta. Sei de gente que não aguenta ficar sem fazer nada. Nunca os consultórios dos terapeutas estiveram tão lotados. Todo mundo fazendo terapia. Algo deve estar errado. O jeito será, levar esta onda de alegria para a rotina diária (depois das férias).
Fato é que frequentemente nos falta harmonia e satisfação. Nem sempre conseguimos aproveitar e trabalhar os benefícios que os ventos diariamente nos trazem. Os ventos que podem ser uma vez suaves e outras violentos a ponto de sacudir-nos até as raízes.
Uma pessoa que passou férias na Tailândia e que por pouco escapou de um tsunami narrou numa reportagem o acontecido, como ventos levantaram ondas gigantes que tudo arrastavam, mas sua vida foi poupada. Não falou que Deus a salvou, mas afirmou que depois dessa experiência repensou sua vida e que tomou um outro rumo. Por que as pessoas são tão tímidas para confessar a ajuda divina?

Nós cristãos sabemos de onde vem a ajuda. Por isso, quero terminar com um hino do nosso hinário (HPD 321 - Vento que anima), que sempre me impressionou :

Fonte: Jornal O Caminho de Jan./Fev.2012, pág 5 (www.jornalocaminho.com.br)


Autor(a): Leonhard Creutzberg
Âmbito: IECLB
Hino: 321. Vento que anima
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Comentário ou reflexão sobre hino
ID: 18564
REDE DE RECURSOS
+
Servi ao Senhor com alegria, apresentai-vos diante dele com cântico.
Salmo 100.2
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br