Culto e Liturgia



ID: 2653

Cordeiro como símbolo litúrgico

A figura do cordeiro, bem antes do símbolo da cruz, foi uma das principais representações de Cristo, o cordeiro sem mácula, imolado para salvar-nos do pecado.

A cor branca do cordeiro, ou ovelha, está relacionada à meiguice, inocência e pureza.

Em João 1.29, Jesus é explicitamente designado “cordeiro de Deus”.

Fonte: A Linguagem dos Símbolos no Culto Cristão


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Assim, outros carregam o meu fardo, a força deles é a minha. A fé da minha Igreja socorre-me na perturbação. A oração alheia preocupa-se comigo.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Se reconhecemos as grandes e preciosas coisas que nos são dadas, logo se difunde, por meio do Espírito, em nossos corações, o amor, pelo qual agimos livres, alegres, onipotentes e vitoriosos sobre todas as tribulações, servos dos próximos e, assim mesmo, senhores de tudo.
Martim Lutero
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br