Culto e Liturgia



ID: 2653

Liturgias para batismo de emergência

O batismo é um meio da graça. Através dele Deus nos oferece a salvação. Mas a graça de Deus não está presa ao batismo, não depende do batismo. Em sua liberdade e soberania, Deus também pode oferecer seu amor a pessoas que não foram batizadas. Por isso, a circunstância de uma criança vir a falecer antes de ter sido batizada não deveria ser motivo de desespero para seus familiares. No entanto, em vista da angústia que se instala em tais situações, a Igreja admite, por razões pastorais, o batismo de emergência.

Na ausência de uma pessoa ordenada, o batismo de emergência pode ser executado por qualquer pessoa cristã, com os seguintes elementos litúrgicos: oração, ato batismal (lavagem e fórmula batismal) e Pai Nosso. Impõese que, posteriormente, esse batismo seja registrado. Em caso de restabelecimento, a criança será levada por seus pais e padrinhos a um culto regular da comunidade, onde será realizado um ato litúrgico complementar contendo, no mínimo, os seguintes elementos: apresentação, perguntas sobre o batismo de emergência realizado, compromisso, profissão de fé, imposição das mãos, unção com óleo e selagem, vela batismal e recepção pela comunidade. Esse ato litúrgico pode ocorrer logo após a oração do dia, num culto regular.

O ato litúrgico complementar será precedido da devida preparação de pais e padrinhos.

Ato batismal

Este ato litúrgico é realizado no lugar onde se encontra a criança. Providencie-se um recipiente com água.

ORAÇÃO
L Ó Deus, Pai amoroso. Batizamos esta criança porque queremos obedecer a ordem que nos deste por teu amado Filho, e porque confiamos nas tuas promessas. Rogamos-te: inscreve esta criança no livro da vida, recebe-a bondosamente como herdeira do teu reino eterno. Por Jesus Cristo, teu Filho, nosso Senhor. Amém.

ATO BATISMAL
A criança é designada pelo(s) seu(s) prenome(s), que antecede(m) o nome de família.

L N., eu batizo você em nome do Pai,
L derrama água ou submerge a pessoa pela primeira vez.

e do Filho,
L derrama água ou submerge a pessoa pela segunda vez.

e do Espírito Santo. Amém.
L derrama água ou submerge a pessoa pela terceira vez.
Caso as condições da criança o exigirem, pode-se realizar no ato batismal apenas uma única aspersão.

PAI NOSSO

Ato litúrgico complementar

Este ato litúrgico é realizado em um culto regular da comunidade, em caso de restabelecimento da criança batizada emergencialmente. Ela é trazida por seus pais e padrinhos e pela pessoa que a batizou.

CANTO COMUNITÁRIO BATISMAL
Durante o canto, o grupo batismal se aproxima da fonte batismal. É importante que a comunidade possa ver plenamente todo o transcurso da liturgia do batismo.

APRESENTAÇÃO
Neste elemento litúrgico a criança é apresentada à comunidade.

L (apresenta a criança, seus pais e padrinhos à comunidade, explica as circunstâncias do batismo de emergência e conclui com uma oração de gratidão pelo seu restabelecimento)

COMPROMISSO
Trata-se do compromisso de pais e mães, de padrinhos e madrinhas e da comunidade.

L (dirigindo-se aos pais) Prezados pais! Cabe a vocês conduzir seu (sua) filho(a) à fé em Jesus Cristo e ensiná-lo(a) a orar. Se vocês estão dispostos a assumir esse compromisso, respondam: Sim, com o auxílio de Deus.
Pais Sim, com o auxílio de Deus.

L (dirigindo-se a padrinhos e madrinhas) E vocês, madrinhas e padrinhos, estão assumindo, com os pais, o compromisso de conduzir esta criança à fé, a fim de que possa viver o seu batismo no dia-a-dia. Se vocês estão dispostos a assumir esse compromisso, respondam: Sim, com o auxílio de Deus.
Padrinhos e madrinhas Sim, com o auxílio de Deus.

L (dirigindo-se à comunidade) E vocês, comunidade cristã, membros da igreja de Jesus Cristo, vocês prometem orientar e sustentar N., através de suas palavras e dos seus atos, para que siga a Jesus Cristo e se torne um membro fiel de sua Igreja? Se vocês estão dispostos e dispostas a assumir esse compromisso, respondam: Sim, com o auxílio de Deus.
C Sim, com o auxílio de Deus.

PERGUNTAS SOBRE O BATISMO DE EMERGÊNCIA
As perguntas são dirigidas à pessoa que realizou o batismo ou aos pais. A cada pergunta segue-se a resposta, que é dada de forma espontânea. Este elemento litúrgico faz as vezes de uma anamnese batismal.

L Quem administrou o batismo? – Quem estava presente ? – Esta criança foi batizada com água? – Ela foi batizada em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo?

PROFISSÃO DE FÉ
L Então, confessemos em conjunto a fé, na qual esta criança e nós fomos batizados.
T Creio em Deus, Pai todo-poderoso, Criador do céu e da terra. E em Jesus Cristo, seu Filho unigênito, nosso Senhor, o qual foi concebido pelo Espírito Santo, nasceu da virgem Maria, padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado, desceu ao mundo dos mortos, ressuscitou no terceiro dia, subiu ao céu, e está sentado à direita de Deus, Pai todopoderoso, de onde virá para julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na santa Igreja cristã, a comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição do corpo e na vida eterna. Amém.
(Sentar)

IMPOSIÇÃO DAS MÃOS E ATO DE SELAR
L impõe as mãos e executa o ato de selar.

L Todo-poderoso Deus, nós te agradecemos por haveres libertado este(a) teu(tua) servo(a) dos poderes do pecado, ressuscitando- o(a) em Cristo para uma nova vida. Derrama sobre ele(ela) o teu Espírito Santo: o espírito de sabedoria, de entendimento, de conselho, de fortaleza, de conhecimento, de temor do teu nome e de alegria da salvação. Por Jesus Cristo, teu Filho, nosso Senhor.
C Amém.

Em seguida, L traça o sinal da cruz, com óleo apropriado, sobre a fronte da criança e diz:

L N., filho(a) de Deus, você foi selado(a) pelo Espírito Santo e marcado(a) com a cruz de Cristo, para sempre.
C Amém.

RITO DA LUZ
A vela batismal é um presente da comunidade à criança batizada. Um(a) representante da comunidade acende a vela batismal no círio pascal ou numa vela que se encontre sobre o altar e a entrega a um dos pais ou padrinhos, com as palavras que seguem, dirigidas à criança. A vela batismal permanecerá acesa até o final do culto.

Representante da comunidade Você foi vocacionado(a) para irradiar a luz de Cristo para o mundo. N., que a sua luz brilhe de tal maneira diante das pessoas que elas vejam as suas boas obras e glorifiquem a Deus (Mt 5.16).

RECEPÇÃO PELA COMUNIDADE
O grupo batismal volta-se para a congregação. Um(a) representante da comunidade
dirige-se a ela dizendo:

Representante da comunidade N. foi recebido(a) pelo batismo para dentro da igreja cristã. Deus o(a) fez membro do seu povo. Deus nos presenteou com esse(a) irmã(o) para que compartilhe conosco o sacerdócio que temos em Cristo. Por isso, vamos dar-lhe, calorosamente, as boas-vindas.

A comunidade dá as boas-vindas da maneira que for mais adequada aos seus costumes.

ENTREGA DO CERTIFICADO DE BATISMO
Aos pais da criança batizada, por representante da comunidade. A data a constar no certificado é a da realização do batismo de emergência.

CANTO COMUNITÁRIO BATISMAL
Durante o canto, o grupo batismal retorna a seus lugares.
 

Fonte: Livro de Batismo da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil
- Portal Luteranos
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

A Palavra de Deus é a única luz na escuridão desta vida. É Palavra da vida, de consolo e da toda bem-aventurança.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Orar é a obra mais primorosa, por isto é tão rara.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br