Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil e Ecumene



ID: 2676

Presença ecumênica no Sínodo dos Bispos para a Amazônia

21/09/2019

 

O Vaticano divulgou, no último sábado, 21 de setembro, a lista de todos os participantes da Assembleia do Sínodo dos Bispos para a Amazônia, que será realizado em Roma, entre os dias 6 e 27 de outubro. Ao todo, 118 brasileiros foram convocados pelo papa Francisco, incluindo o relator-geral, cardeal dom Cláudio Hummes, e um dos três presidentes-delegados, o cardeal dom João Braz de Aviz.

A grande alegria do movimento ecumênico foi ver que, entre os bispos católicos, também estarão presentes irmãos e irmãs de outras igrejas cristãs, incluindo protestantes históricos, evangélicos, anglicanos, entre outros. Eles participarão como membros fraternos. Pelo Brasil, os nomes são: o historiador Moab César Carvalho Costa, evangelista da Igreja Assembleia de Deus em Imperatriz (MA); o pastor Nicolau Nascimento de Paiva, ligado à Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB) e ao Conselho Amazônico de Igrejas Cristãs (CAIC); e dois nomes da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB), Daniel dos Santos Lima, da Comunidade Anglicana de Manaus (AM), e o reverendo Cláudio Correa de Miranda, também integrante do CAIC.

Religiosos indígenas

Também estarão lá três religiosos indígenas amazonenses, da região do Alto Rio Negro: o padre e cacique do povo Tuyuka, Justino Sarmento Rezende; a freira Mariluce dos Santos Mesquita, do povo Bará, ambos Salesianos; e a irmã Francinete Galvão Noronha, do povo Tuyuka, catequista Franciscana.

Sociedade civil

Além dos religiosos e religiosas, a delegação brasileira contará com a participação da professora da Universidade Federal de Roraima, Marcia Maria de Oliveira; da coordenadora do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), Judite da Rocha; e da agrônoma Ima Célia Guimarães Vieira, representante da comunidade científica no CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente).


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Muitos bens não nos consolam tanto quanto um coração alegre.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Um coração puro é aquele que observa e pondera o que Deus diz e substitui os seus próprios pensamentos pela Palavra de Deus.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br