Sínodo Mato Grosso



Rua Alberto Velho Moreira , 48 - Bandeirantes
CEP 78010-180 - Cuiabá /MT - Brasil
Telefone(s): (65) 9846-83271 | (65) 9840-66020 | (65) 9846-83271
sinodomt@outlook.com
ID: 10

1 Tessalonicenses 3.9-13 - 1º Domingo de Advento - 28/11/2021

Caderno de Cultos 2021 - Sínodo Mato Grosso

28/11/2021

28/11/2021 - 1º Domingo de Advento
Pregação: 1 Tessalonicenses 3.9-13; Leituras: Jeremias 33.14-16; Salmo 25.1-10; Lucas 21.25-36
P. Isaías Steinmetz – Paróquia dos Chapadões/MS

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
Estimada comunidade, com grande alegria nos reunimos mais uma vez em culto. Damos nossas boas-vindas à todas as pessoas, especialmente as que estão conosco pela primeira vez. Esperamos que você se sinta bem no nosso meio e que a paz de Cristo esteja contigo!
Assim nos diz o Salmista: “Mostra-nos, Senhor, a tua misericórdia e concede-nos a tua salvação”. (Salmo 87.5)
Que possamos nos achegar a Deus, buscando seu consolo e orientação, aguardando ansiosamente pela Sua salvação!

CANTO DE ENTRADA
Hino 06 LCI – Aqui você tem lugar

SAUDAÇÃO
Nos reunimos em culto no nome e na presença do Trino Deus: o Deus que é Pai, que é Filho e que é Espírito Santo (+) amém.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
Hino 164 LCI – Seu nome é maravilhoso

CONFISSÃO DE PECADOS
Quando reconhecemos a presença e a grandeza de Deus reconhecemos também nossa natureza pecaminosa. Reconhecemos que precisamos da graça e da misericórdia de Deus. Por isto confessemos os nossos pecados diante de Deus. Oremos: Justo e Eterno Deus, nos achegamos diante de ti com tremor e com temor. Calmamos por tua presença e misericórdia em nossas vidas. Reconhecemos que temos pecado em palavras, ações e pensamentos. Com humildade pedimos que conceda o teu perdão e que pelo sangue de Cristo, derramado na cruz do calvário, possamos experimentar a reconciliação contigo e uns com os outros. Agradecemos por demonstrar tamanha misericórdia para conosco. No nome de Jesus oramos, amém.

ANÚNCIO DO PERDÃO
Com o coração aberto diante de Deus podemos nos apresentar sem medo. Podemos receber a absolvição e o fortalecimento para a caminhada. “Todas as veredas do Senhor são misericórdia e verdade para os que guardam a sua aliança e os seus testemunhos” (Sl 25.10). Assim nos abençoe o Trino Deus: Pai, Filho e Espírito Santo (+) amém.

KYRIE
Em tempos de espera, nos unimos em comunidade para clamar a Deus Diante de tantos acontecimentos, de tantas tragédias, especialmente de tanto descaso com o ser humano. Por isto nos unimos para pedir que o Senhor tenha piedade do nosso mundo cantando:
Hino 56 LCI – Pelas dores deste mundo


ORAÇÃO DO DIA
Oremos: Amado Deus e Pai, nos achegamos a Ti esperando receber-te em nossos corações. Vivemos tempos de angústias, de ansiedades e inseguranças. Por isto clamamos a Ti que venha nos encher do Teu amor, da Tua Fé, da Tua Esperança. Ensina-nos, mais uma vez, a viver confiantes em Ti. Vem nos conduzir de acordo com Tua Vontade, nos motivando a ter a ousadia de ir ao encontro de quem precisa. Que o nosso coração seja como terra fértil, onde a Tua Palavra seja a semente e que possa germinar, florescer e dar muitos frutos. No nome precioso de Jesus oramos, amém.

LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura Bíblica: Salmo 25.1-10

2ª Leitura Bíblica: Jeremias 33.14-16

3ª Leitura Bíblica: Lucas 21.25-36

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
Hino 75 LCI – Como água cristalina

PREGAÇÃO
1 Tessalonicenses 3.9-13
Que a graça do Senhor Jesus, o amor de Deus, o Pai, e a comunhão do Espírito Santo estejam conosco, amém.
Querida comunidade. Chegamos no tempo de advento. Tempo muito especial para toda a Igreja Cristã, afinal estamos nos preparando, esperando, para celebrar o nascimento do nosso Salvador. E esta data é tão importante que celebramos o natal em nossos lares, comunidades e no mundo inteiro.
Por ser um tempo de espera talvez seja uma grande oportunidade para exercitar como está a nossa ansiedade. Em trazer à mente como foi o nosso ano, como foram nossas metas e realizações pessoais, como nossa família se manteve durante este período, ou mesmo de chorar com as pedras, por nossos queridos que infelizmente nos deixaram.
A ansiedade nos leva a viver num mundo do futuro, que ainda não está aqui, e faz com que nossas preocupações nos coloquem lá e, com isto, deixamos de viver preciosos momentos do presente, da dádiva de viver um dia de cada vez.
Os textos de hoje nos falam de espera. O salmista aguarda ansiosamente pela Salvação do Senhor. Já o profeta Jeremias nos lembra que virá o dia do Senhor, o dia em que ele cumprirá a sua justiça e salvação do seu povo. Jesus fala no texto de Lucas sobre a vinda do Filho do Homem, sobre vigiar e ter atenção às coisas que estão por vir.
O que estes textos podem nos ensinar sobre a relação entre espera e ansiedade?
1. Esperar é confiar.
Quando lemos o texto que o apóstolo Paulo escreveu as Tessalonicenses percebemos que ele também desejava estar com estas pessoas da comunidade. Mas ele orava a Deus não para que o tempo se aproximasse mais depressa. Antes Paulo orou pedindo pelo fortalecimento da fé e do amor de Deus entre as pessoas.
Paulo entendeu que o tempo de Deus é precioso e que a fé nos leva a confiar que também o tempo está nas mãos do Senhor.
Existe uma expressão do filósofo francês René Descartes que é muito utilizada, especialmente em contextos filosóficos: Cogito, ergo sum, que traduzida do latim significa “penso, logo existo” ou “penso, portanto sou”. Esta expressão remete que o fato de pensarmos nos faz perceber a nossa própria realidade e nos entendermos como seres vivos.
Quero propor uma adaptação desta expressão para o nosso contexto de fé: “Creio, portanto confio”.
Percebam como isto pode ser profundo em nossas vidas: assim o apóstolo Paulo creu e, consequentemente, confiou em Deus toda a sua vida, também nós recebemos este convite. Enquanto esperamos o Dia do Senhor manifestamos a nossa fé em Deus confiando nEle.
Confiar é justamente viver esta espera crendo que Deus fez, fará e continua fazendo sua obra em toda época.
2. Esperar é agradecer
Assim como Paulo perguntou aos Tessalonicenses sobre motivos para agradecer também nós, hoje, podemos fazer este exercício de fé.
Um coração grato consegue perceber as oportunidades e bençãos que Deus coloca em nosso caminho. Um coração aberto à gratidão consegue perceber que o tempo é realmente um presente precioso e, por isto, podemos vive-lo com sabedoria.
Talvez, na tua infância, você já ouviu uma expressão semelhante a esta: “na volta a gente compra”. A ali aprendemos a esperar por algo bom que estava por vir. Para algumas pessoas também era um exercício de aprender a lidar com a frustração de perceber que não passariam por aquele cominho novamente na volta.
Jesus preparou seus discípulos para que estivessem prontos para sua ida, logo após sua morte e ressurreição, mas também deu vários sinais de que Ele voltaria.
E a comunidade cristã cresceu muito com este impulso: de que Cristo irá voltar.
No início é bem verdade que venderam todos seus bens porque Cristo disse que não demoraria e estas pessoas não estavam esperando um sinal de frustração. Elas aprenderam a agradecer os milagres que viram e experimentaram, mas tinham dificuldades para agradecer o que não aconteceu. Sim. O fato de Jesus falar da sua volta estimula a agradecermos por sua obra completa. Agradecer por sua morte e ressurreição, mas também agradecer por todas as suas promessas de que Ele virá novamente, assim como confessamos no Credo Apostólico.
Por isto também incentivamos que o tempo de advento seja um tempo para exercitar a gratidão: para que nosso coração percebe os sinais de Paz e de Graça que vem da parte de Jesus Cristo.
3. Esperar é interceder
Por fim, temos um convite bem interessante. Paulo intercedeu pelos cristãos de Tessalônica, mesmo sabendo das suas próprias dificuldades ele optou em dirigir-se a Deus pedindo que faça crescer o amor e a santidade entre aquelas pessoas.
Se confiamos em Deus, crendo que a Ele pertence toda a criação, todo o tempo e até mesmo nossas vidas. Se agradecemos a Deus, com um coração aberto a ver tudo aquilo que Ele já fez e faz na vida de tantas pessoas.
Então também podemos renunciar às lamentações e aos nossos próprios sofrimentos para interceder por outras pessoas.
Enquanto esperamos a volta do Senhor, clamamos uns pelos outros. Entregamos a vida de nossos irmãos e irmãs na fé nas mãos de Jesus Cristo, especialmente pedindo que Ele conceda amor, fé e esperança.
É tempo de advento. E você, o que faz enquanto espera? Que tal crer, agradecer e interceder?
Que Jesus esteja contigo na caminhada e que te conceda um coração confiante, grato e disposto a servir em amor. Amém.

HINO
Hino 614 LCI – Em nada ponho a minha fé

CONFISSÃO DE FÉ
Motivação para Confissão de fé.

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
Hino 84 – Te agradeço


ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Em comunidade nos unimos em oração. Oremos:
Deus de graça e misericórdia, te agradecemos pelo tempo. Te agradecemos, pois, tens sido generoso para conosco. Com humildade e, e com o coração grato, nos achegamos para interceder por tantas situações que acontecem em nosso mundo. Venha manifestar a tua vontade na vida das pessoas que lutam com enfermidades, que elas sintam-se seguras em tuas mãos e que possam encontrar fortalecimento em ti. Esteja com equipes médicas e de enfermagem para que sintam-se amparadas por ti e encontrem refúgio em ti. Pai amado, oramos também por nossas lideranças, tanto da Igreja quanto do governo, para que possam aprender de ti a misericórdia, a sabedoria e a compaixão. Dê a elas também o discernimento para que possam governar bem, acima dos próprios interesses, especialmente.
(Também trazemos diante de ti estes motivos que foram apresentados...)
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________


E tudo o que temos em nosso coração, os pedidos e motivos de gratidão, trazemos diante de ti com as palavras que teu filho, Jesus, nos ensinou dizendo:
PAI NOSSO
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Que Deus te abençoe e te conceda um coração disposto a esperar, a confiar, a agradecer e a interceder;
Que Jesus Cristo te conceda paz e ousadia para viver a partir da sua obra redentora na cruz;
Que o Espírito Santo te santifique e te motive a ir ao encontro da reconciliação com outras pessoas.
Assim nos abençoe o Trino Deus: Pai, Filho e Espírito Santo (+) Amém.

ENVIO
Vamos em paz, confiantes no tempo e na graça do Senhor. Que tenhamos uma sema repleta do tempo de Deus nas nossas vidas, famílias e comunidade.
CANTO FINAL
Hino 288 LCI – Vem derrama a paz
 


Autor(a): Pastor Isaías Steinmetz
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Natureza do Domingo: Advento
Perfil do Domingo: 1º Domingo de Advento
Testamento: Novo / Livro: Tessalonicenses I / Capitulo: 3 / Versículo Inicial: 9 / Versículo Final: 13
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2021
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 63518

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Deus é um forno ardente repleto de amor, que abraça da terra aos céus.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
O que o Senhor planeja dura para sempre. As suas decisões permanecem eternamente.
Salmo 33.11
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br