Sínodo Mato Grosso



Rua Aristides Félix de Andrade , 840 - Araés
CEP 78005-605 - Cuiabá /MT - Brasil
Telefone(s): (65) 2129-6592
sinodomt@luteranos.com.br
ID: 10

Jr 14.7-10,19-22 - 23º Domingo após Pentecostes - 23.10.2016

Caderno de Cultos 2016

23/10/2016

23/10/2016- 23° Domingo após Pentecostes
Pregação: Jeremias 14.7-10, 19-22; Leituras: Lucas 18.9-14 e 2 Timóteo 4.6-8,16-18
P. Osmar Diesel – Rondonópolis - MT

LITURGIA DE ABERTURA
ACOLHIDA
Um bom dia / boa noite a todos. Somos amados por Deus. Isso experimentamos a cada dia pelas nossas necessidades que Ele satisfaz. Por isso é bom estarmos reunidos e louvá-lo. Mas também muitas vezes erramos em nossas decisões e escolhas, isso nos faz sofrer e também traz sofrimento para os que estão ao nosso redor. É bom chegar a Deus para pedir perdão. Que hoje experimentemos em conjunto a alegria do comunhão uns com os outros e com Deus. Sintam-se bem nesta casa de Deus. Por isso, quero acolhe-los com palavras de Daniel 9.9: Ao Senhor, nosso Deus, pertencem a misericórdia, e o perdão; pois nos rebelamos contra ele. Que a graça e o amor do Bondoso Deus esteja conosco!

Acolher os/as visitantes
CANTO DE ENTRADA
N° 473 – HPD II – Em tua presença
Ou: Nº ____________________________________________________
SAUDAÇÃO
Estamos reunidos neste culto não em nosso nome, mas em nome e na presença do Deus que é Pai, criador dos céus e da terra, do seu filho Jesus Cristo, nosso querido salvador, e do Espírito Santo que nos congrega e nos impulsiona a vivermos em comunidade. Amém.
CANTOS DE INVOCAÇÃO
N° 469 – HPD II – Bendito o cordeiro
Ou: Nº ____________________________________________________
CONFISSÃO DE PECADOS.
Deus, no seu amor paternal e maternal, deseja que todos os pecadores voltem para junto Dele. Deus quer que nos afastemos dos nossos pecados, que nos convertamos a uma vida nova. Cada um é convidado a fechar os olhos e pensar nos seus erros, nas suas falhas e em tudo aquilo que nos desvia do bom caminho de Deus.
Oremos: Bondoso e misericordioso Deus, estamos aqui reunidos e reunidas para te louvar e te adorar, mas também para confessar os nossos pecados, nossas falhas, nossas omissões e clamar por perdão e compaixão. Confessamos que nem sempre confiamos na tua palavra. Nem sempre acreditamos em Ti, muitas vezes nos voltamos contra a tua vontade, para o mal. Por isso, dizemos: perdão, Senhor, quando não percebemos que a tua vontade é santa e boa. Achamos que nossas decisões são melhores que as tuas. Perdão, Senhor, quando Como pais deixamos de ensinar teus caminhos e tua vontade aos nossos filhos. Perdão, Senhor, quando utilizamos os outros apenas para satisfazer nosso sonhos e vontades. Assim não queremos servir, mas ser servidos. Na família fazemos isso. No local de trabalho ou estudo fazemos isso. Com amigos fazemos isso. Perdão, Senhor quando deixamos de orar, quando deixamos de entregar nossas vidas em tuas mãos. Te pedimos: conceda-nos confiança. Acolhe-nos quando cairmos e transforma nossos corações. Por Jesus Cristo, teu Filho amado. Amém.
ANÚNCIO DO PERDÃO
O amor gracioso de nosso Deus, sempre acolha a nossa confissão sincera e por sua graça e misericórdia possamos recomeçar nossa vida, perdoados e perdoando, pois assim nos diz a sua palavra em Atos 13.38: “Portanto, meus irmãos, quero que saibam que mediante Jesus lhes é proclamado o perdão dos pecados.” Amparados nesta palavra podemos crer que nossos pecados foram perdoados em nome de deus Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.
KYRIE
Nem sempre deixamos o Espírito Santo atuar e comandar nossas vidas. Exemplos negativos disto temos, tanto nos relacionamentos mais chegados como nos mais distantes. Com nosso pecado sofremos e causamos dor a outros. Ouve Senhor, quando juntos com toda a criação, expressamos verbalmente Kyrie eleison cantando: Envia teu espírito, Senhor, e renova a face da terra. (367 – HPD II)
GLÓRIA IN EXCELSIS
Deus é fiel. Ele nos enviou seu Filho, Jesus Cristo, para lavar nossos pecados. Enviou o Espírito Santo para nos consolar, animar e capacitar. Ele escuta o nosso clamor, pois através de jesus fomos feitos seu povo. Ele vem a nós através da Sua palavra e da Ceia. Por esta boa notícia nós o louvamos, cantando glória a Deus.
N° 346 – HPD II – Glória, glória, glória a Deus nas alturas
Ou: Nº ____________________________________________________

ORAÇÃO DO DIA
Deus, Todo Poderoso, Tu que enviaste teu filho, Jesus Cristo, e o Espírito Santo para transformar e encher de esperança e justiça este mundo, em todos os tempos e em todos os lugares, nós te pedimos: capacita-nos com este espírito para proclamarmos a reconciliação entre todas as pessoas, e ilumina nosso coração e nossa mente para reconhecermos tua palavra orientadora também aqui entre nós. Por teu filho, Jesus Cristo, que contigo e com o Espírito Santo vive e reina eternamente. Amém.
LITURGIA DA PALAVRA
LEITURAS BÍBLICAS
A palavra de Deus é orientação no caminho da vida. Por isto a ouçamos com devoção.
ACLAMAÇÃO DO EVANGELHO
Convido os que puderem que se coloquem de pé para aclararmos o
Evangelho de Jesus Cristo.cantando.
Aleluia,,,,,,,,,,,
1ª Leitura Bíblica: Lucas 18.9-14
2ª Leitura Bíblica: 2 Timóteo 4.6-8,16-18

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
N° 480 – HPD II - Se o senhor não edificar a casa
Ou: Nº ____________________________________________________

3ª Leitura Bíblica: Jeremias 14. 7-10,19-22
PREGAÇÃO
Que a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus, o Pai, e a comunhão do Santo Espírito sejam conosco. Amém.
Jeremias 14.7-10, 19-22

Que Deus nos dê a graça de termos entre nós pessoas como Jeremias. Jeremias teve uma tarefa muito difícil. Falar a um povo que misturou a fé em Deus com a fé em outros deuses. Misturou a adoração a Deus com a adoração a outros deuses. E esqueceu a justiça. Dizer que alguém está errado é muito complicado. Dificilmente as pessoas estão dispostas a ouvir críticas.
Jeremias tinha que dizer arrependam-se. Abandonem os outros deuses que vocês adoram. E adorem somente o Senhor. Algumas vezes foi preso e espancado e por último, segundo a tradição antiga, foi morto pelo povo a quem falou.
Hoje algumas seitas também estão falando da existência de deuses. Até o Salmo 82 é usado para justificar isso. Esse salmo fala de deuses, mas na verdade lá se refere a juízes, pessoas, que tinham autoridade para julgar o povo. Essa autoridade vinda de Deus os fazia como deuses entre o povo. Decidiam sobre castigos que os infratores deveriam sofrer. Decidiam inclusive sobre a vida e a morte. Coisas que Deus faz. Por isso frente ao povo eles eram como deuses.
Porém tais juízes estavam condenando inocentes e absolvendo culpados por dinheiro. O Salmo diz: “Vocês são ‘deuses’, mas vão morrer como homens sob meu julgamento.” Durante todo a história da humanidade isso esteve presente. Hoje entre nós infelizmente também vemos culpados sendo liberados e inocentes sendo condenados.
Voltemos ao tema de Jeremias. O povo estava adorando outros deuses e se aproveitando uns dos outros. Então veio uma seca terrível. Até as cisternas e poços secaram. Os animais silvestres morrendo. O povo pedindo aos deuses chuva e nada.
Jeremias apregoara que este castigo seria decorrente da ruptura da aliança. Em Judá, Jeremias só via rebeldia contra Iahweh, levando o povo a maldades e crimes sem conta. Não havia o mínimo conhecimento de Deus, que só é possível através da prática do direito, da justiça, da solidariedade. Os poderosos tramavam sistematicamente contra o povo, todos buscavam desesperadamente a riqueza e não a paz. A mentira domina, desde o ensinamento dos profetas até a lei dos sacerdotes, levando o país ao caos. Todos se tornam inimigos de todos. Impera a idolatria. O fim será trágico, segundo os capítulos 8 e 9 de Jeremias.
Assim aqui em nosso texto uma grande seca é vista como juízo de Deus contra toda a nação que confiou em outros deuses para trazer chuva e assim ter boas colheitas. A nação deturpou tudo que Deus tinha determinado sobre a justiça. Deus quis mostrar que os outros deuses não trazem chuva e que o povo precisava se arrepender.
Jeremias então clama a Deus perguntando: “O Senhor está só de passagem como um viajante? Não é este teu povo e esta tua terra? Tem misericórdia de nós.”
Ele reconhece que Deus tem razão em sua ira contra o povo, mas clama por perdão. É difícil para nós dizermos que algo é castigo de Deus por causa de um pecado. Muitas vezes se tem falado isso de maneira muito irresponsável. Como se nós simples mortais pudéssemos saber e dizer a opinião de Deus sobre tudo.
Nós temos que ser humildes e cuidar quando julgamos outros. Jeremias não julga o povo como se ele estivesse sem pecado. Ele se coloca junto aos pecadores. Se sente igualmente responsável por tudo de ruim que acontece. E clama por perdão.
Mas também temos que lembrar que toda maldade feita tem suas consequências. Um exemplo simples: Desrespeitar as regras de trânsito traz acidentes e até morte. Deus quis? Ou foi consequência de um pecado. Assim também Deus tem sido acusado de tantas coisas ruins que acontecem, que no fundo foram consequências de escolhas erradas. As mudanças climáticas pelo mundo atual não são consequências da irresponsabilidade com o meio ambiente? A maldade pelo mundo afora não é uma consequência de ter outros valores que Deus nos ensina? Deus poderia evitar tais mudanças climáticas? Creio que sim, Ele é o Senhor todo poderoso.
Mas lembro de histórias de crianças que insistiam em ir perto do fogo. Havia pais que permitiam que seus filhos chegassem perto do fogão à lenha e colocassem a mão na porta dele para aprender que aquilo queima, claro que tendo o cuidado dos limites. Assim podemos lembrar que Deus tem todo o poder, mas quer que nós aprendamos com os erros para evitá-los.
Concluindo. Poderíamos dizer que Jeremias na verdade faz um duplo clamor. Clama para o povo reconhecer seus erros e pecados, mas também clama à Deus por misericórdia.
Que nós possamos ouvi-lo e imitá-lo. Ouvir para olharmos nossa vida e enxergarmos as coisas ruins que fizemos e o mal que elas trouxeram. Imitá-lo no reconhecimento de que fazemos parte de um povo que muitas vezes se volta contra Deus e convidar outros para o arrependimento. E imitar Jeremias no clamor, na oração pela misericórdia de Deus para nós e nossos semelhante.
Que Deus não seja um visitante em nosso país e lar. Que nosso lar e país possam ser de fato propriedade de Deus. Deus já é dono de nosso país? Deus já é nosso dono. Você já pertence a Ele? De fato que Ele seja nosso dono, nosso Senhor.
CONFISSÃO DE FÉ
Coloquemo-nos de pé, e professemos a nossa fé no Deus triúno, com as palavras do Credo Apostólico; Creio em Deus Pai….
Creio em Deus Pai, ...
CANTO PÓS-CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
Nº 327 – HPD II – No Espírito unidos somos um no Senhor
Ou: Nº ____________________________________________________

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________

Querido e amado Deus! Achegamo-nos a Ti com alegria e esperança, pois, Tu mesmo crias, sustentas e impulsionas a Igreja com teu Santo Espírito. Tu nos redimiste de nossos pecados através de Jesus Cristo e nos acolhe como Teus filhos e filhas, através do batismo. Suplicamos, nosso Deus, para que nunca nos esqueçamos de Tua misericórdia e bondade. Ouve nossa oração e atende a nossa súplica.
Canto: Ouve nossa oração e atende a nossa súplica....
Senhor, Te pedimos pela nossa Igreja, para que seus membros estejam sempre firmes na fé verdadeira. Que teus obreiros possam ensinar com clareza a Tua palavra e exercer tuas atividades de forma justa e honesta para com o Teu povo. Ouve nossa oração e atende a nossa súplica.
Canto: Ouve nossa oração e atende a nossa súplica
Senhor, intercedemos pelo mundo e por suas autoridades. Esteja com elas nos momentos de dificuldades, angústias e temores. Coloca Tua mão protetora sobre cada uma, para que, quando tomarem suas decisões, não seja em benefício próprio, mas, para o bem de todos. Senhor desejamos o fim das guerras em todo o mundo, assim como o Senhor mesmo deseja. Sentimos que enquanto o ser humano estiver contra tua vontade isso não acontecerá. Por isso pedimos pelas missões no mundo, que as pessoas se convertam a Ti, único e verdadeiro Deus. Intercedemos para que seja feita a Tua vontade por primeiro, ó Senhor, e não a nossa. Ouve nossa oração e atende a nossa súplica.

Canto: Ouve nossa oração e atende a nossa súplica
Pedimos-te por todos os pais. Ilumina-os e concede-lhes sabedoria para que possam educar os seus filhos de acordo com a sua santa vontade.
Senhor, Te pedimos pelas pessoas enfermas, com dificuldades e privações, para que, pela nossa presença diaconal, a Tua mão bondosa ampare cada uma e restaure suas forças e suas esperanças, dando ânimo para continuar a vida, mesmo diante das dificuldades e privações. Tudo mais que está em nossas mentes e corações queremos te entregar através da oração que Jesus Cristo nos ensinou a dizer. Pai nosso.......
PAI NOSSO
LITURGIA DE DESPEDIDA
AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta do último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
BÊNÇÃO
Deus quer nos acompanhar nos próximos dias com Sua benção: Que a bênção do Deus Senhor da história de vida de todos os irmãos que nos antecederam nos acompanhe. Que a bênção de Jesus que venceu todo o mal nos acompanhe. Que a benção do Espírito Santo nosso auxiliador nos acompanhe.
ENVIO
Vamos em paz e sirvamos ao Senhor com alegria.

CANTO FINAL

N° 160 – HPD II - Se Deus está comigo
Ou: Nº ____________________________________________________
 


Autor(a): Osmar Diesel
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Tempo Comum
Natureza do Domingo: Pentecostes
Perfil do Domingo: 23º Domingo após Pentecostes
Testamento: Antigo / Livro: Jeremias / Capitulo: 14 / Versículo Inicial: 7 / Versículo Final: 22
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2016
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 38287

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Cantarei de alegria quando tocar hinos a ti, cantarei com todas as minhas forças porque tu me salvaste.
Salmo 71.23
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
Que ninguém procure somente os seus próprios interesses, mas também os dos outros.
Filipenses 2.4
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br