Sínodo Mato Grosso



Rua Aristides Félix de Andrade , 840 - Araés
CEP 78005-605 - Cuiabá /MT - Brasil
Telefone(s): (65) 2129-6592 | (65) 9840-66020 | (65) 9846-83271
sinodomt@luteranos.com.br
ID: 10

Jeremias 14.7-10,19-22 - 23º Domingo após Pentecostes - 27.10.2013

Caderno de Cultos 2013

27/10/2013

27/10/2013 – 23° DOMINGO APÓS PENTECOSTES
Lc 18.9-14; 2Tm 4.6-8, 16-18 Pregação: Jr 14.7-10, 19-22
P. Cláudio Rieper – Sorriso MT

ACOLHIDA
Desejo a todos/as neste domingo que a benção de Deus, por meio do seu Espírito, nos ajude a experimentar o amor e o perdão de Deus, revelados em Jesus Cristo. Em Jesus Cristo encontramos a face amorosa de Deus que nos oferece a chance de nos reconciliar com o Pai e novamente encontrar  o descanso perdido que só podemos encontrar em Cristo. Que possamos sair deste culto, no sentindo carregado pelos braços de Deus.

Se houver visitantes entre nós, queremos saudar a todos/as que nos visitam, com o abraço amoroso do Pai, que nos recebe e nos acolhe de braços abertos em nossa comunidade, para que juntos sintamos que fazemos parte da Família de Deus.

CANTO DE ENTRADA
Nº 473 - HPD2 – Jesus em Tua presença

Ou: Nº ____________________________________________________

LITURGIA DE ABERTURA
SAUDAÇÃO
Reunidos por este Deus, celebramos mais um culto, aonde Deus vem nos encontrar como Deus triuno. Por isso realizamos este culto em nome de Deus que é Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!

CANTOS DE INVOCAÇÃO
Nº 85 - HPD1 – Vem Espírito Divino

Ou: Nº ____________________________________________________

CONFISSÃO DE PECADOS
Senhor, nosso Deus, diante de ti nos colocamos para restaurar o nosso relacionamento contigo e com o meu próximo. Queremos confessar nossas faltas, pois sabemos que na maioria das vezes não agimos como Tu esperas, pois seguimos nossos próprios caminhos, sofremos e ainda esperamos que nos abençoe em nossos maus caminhos. Por isso, agora silenciamos e colocamos nosso coração aos pés da tua cruz, para que cada um individualmente confesse as suas faltas diante de Ti (momento de silencio).

Pai querido, obrigado porque nos dás a oportunidade de nos apresentar diante de ti e buscar pela tua reconciliação. Tu conheces o nosso coração e sabe que não conseguimos expressar em palavras tudo aquilo que nos leva para longe de Ti. Por isso, em tua misericórdia, te pedimos nos perdoa e nos ajuda a seguir os Teus caminhos e reconhecer que os nossos caminhos nos levam para longe da Tua vontade.  Isto nós te pedimos em nome do nosso Senhor Jesus Cristo. Amém.

ANÚNCIO DO PERDÃO
Essa é a promessa de Deus (1João 1.9): “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça”. Promessa que se cumpre a cada um que sinceramente confessa os seus pecados ao Senhor. Amém.

KYRIE
E da mesma maneira como Deus se reconcilia conosco, queremos nós também nos colocar diante de Deus e clamar pelas dores deste mundo. Por isso, queremos cantar:

1. Pelas dores deste mundo, ó Senhor, imploramos piedade. A um só tempo geme a criação.
2. Teus ouvidos se inclinem ao clamor desta gente oprimida. Apressa-te com tua salvação.
A tua paz, bendita e irmanada com a justiça. Abrace o mundo inteiro. Tem compaixão!
O teu poder sustente o testemunho do teu povo. Teu Reino venha a nós! Kyrie eleison!

GLÓRIA IN EXCELSIS
Queremos glorificar o trino Deus cantando:
Nº 471 - HPD2 – Glória pra sempre ao Cordeiro

ORAÇÃO DO DIA
Senhor, nosso Deus, mais uma vez nos colocamos diante de ti, para te pedir que venhas sobre nós com teu Espírito e a tua palavra, como vieste aos Teus discípulos no passado. Para que a nossa fé em Jesus Cristo seja fortalecida e as nossos caminhos seja colocados sob a luz da Tua Palavra. Ajuda-nos a corrigir nossos caminhos e seguir os passos do Teu Filho Jesus Cristo. Isso nós te pedimos em nome do teu Filho Jesus Cristo. Amém.

LITURGIA DA PALAVRA
LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura Bíblica: Lucas 18.9-14
2ª Leitura Bíblica: 2 Timóteo 4.6-8
3ª Leitura Bíblica: Jeremias 14.7-10

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
Nº 379 - HPD2 – Estou pronto Senhor

PREGAÇÃO
Em Jeremias 14.7-10, 19-22, somos colocados diante do difícil caminho da fé, mesmo para os que se mantêm fiéis a Deus até o fim, como Jeremias. Ao Profeta Jeremias cabe a difícil tarefa de alertar o seu Povo da punição que Deus tem reservado a eles por sua insistente desobediência. Deus nos ensina assim, que o caminho do amor, quando preciso também passa pela punição e pela dor.

Num mundo governado pela ideia do amor, onde só existe o prazer, não existe lugar para a esperança, quando a vida nos leva pelo caminho da dor e do sofrimento. Para uma sociedade como à de nossos dias, muitas pessoas não aceitam que o sofrimento faça parte do caminho do amor. Mas por amor, muitas vezes os pais precisam se dispor, a corrigir e sofrer com a desobediência de seus filhos.

A Palavra de Deus nos mostra que também nós, muitas vezes precisamos ser corrigidos pela mão severa de Deus. Quem deseja ter a Deus como seu Pai, precisa estar disposto a ser repreendido por Ele e ser reconduzido ao caminho da vida. Por meio desta história também sou chamado a reconhecer que...

DEUS ME EDUCA COMO FILHO/A
Chama a atenção, que durante o capítulo 14, Jeremias se dirige três vezes a Deus para interceder pelo Povo de Israel para que não lance sobre eles, o castigo preparado por Ele por sua insistente desobediência.  Em sua oração, Jeremias se inclui como pecador e reconhece que todos se desviaram do Caminho de Deus. Ele mesmo declara que as maldades do Povo testemunham contra eles e que repetidas vezes se rebelaram contra a vontade de Deus, apesar de Sua promessa a eles, desde os tempos de Abraão, de que herdariam uma terra que mana leite e mel. No versículo 10, Deus declara o Seu desgosto com o Povo de Israel, que repetidas vezes escolheu seguir caminhos totalmente contrários aos que foram traçados por Ele. Por isso, nos versículos seguintes, Deus se nega a ouvir o seu clamor, a receber suas ofertas e agora promete corrigi-los. Agora, este Povo está prestes a sofrer as consequências de seus próprios atos. Foi por conta de sua insistente desobediência que o Povo de Israel caiu na mão de seus inimigos, foi para o exílio e deixou de ser uma nação. Contudo, Deus nunca rompeu Sua aliança com eles e eles nunca deixaram de ser o Povo de Deus.

Desta história queremos tirar pelo menos duas lições para a nossa caminhada de fé pessoal. A primeira delas, é que se realmente queremos andar com Deus, precisamos nos dar conta, que temos um Pai. E como tal, Ele também nos repreenderá quando for preciso. Pois também nós, não poucas vezes, nos desviamos dos caminhos de Deus, fazemos a nossa própria vontade e não damos ouvidos aos mandamentos de Deus. Insistimos em andar longe da Sua vontade e depois perguntamos a Deus, Pai, por que estou sofrendo? Exemplo muito comum em nossos dias, é ver famílias destruídas por não praticarem com seriedade o que ouvem na Palavra de Deus, quando esta nos ordena: a não adulterar, a honrar pai e mãe, a santificar o dia de descanso e a não mentir. Quantos casamentos desfeitos, marcados pela dor e pelo rancor, e por filhos abandonados ao longo do caminho, como se casar, descasar e casar novamente, fosse à coisa mais natural da vida. Onde está Deus na vida destas pessoas?

A segunda lição é que há uma grande diferença entre julgar e exortar. Exortar é chamar a atenção da pessoa amada, pois queremos que ela se corrija e seja feliz. Na exortação somos alertados a abrir os olhos para a consequência de nossos atos, como o Povo de Deus o foi pelo Profeta Jeremias. Enquanto Deus nos corrigir, podemos nos sentir felizes, pois Ele mesmo nos diz em Hebreus 12.5-6: “Filho meu, não menosprezes a correção que vem do Senhor, nem desmaies quando por ele és reprovado; porque o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe”. Diferente da exortação, no julgamento não há perdão, seremos expulsos da presença de Deus e já não o poderemos chamá-lo de Pai. Será como num tribunal, quando o juiz decreta a sentença ao culpado, este é excluído do convívio da sociedade. Assim será o dia, em que Deus vier para julgar as nações. Por isso, não demore, hoje é o dia para que você ouça a voz de Deus e se arrependa, pois em Jesus Cristo você recebe a chance de aceitar a disciplina de Deus como seu Pai e fazer do sacrifício do Seu Único Filho, o perdão dos seus pecados. É isto que nos da à certeza de que fazemos parte da família de Deus, e a esperança de que um dia, apesar da morte, seremos completamente restaurados para a vida eterna com Deus. Amém!

HINO
Nº 195 - HPD1 – Meu irmão tu precisas falar com Jesus

CONFISSÃO DE FÉ
Queremos nos unir aos cristãos ao redor de toda a terra e de todos os tempos. Confessar a nossa fé em nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que veio nos revelar a vontade de Deus de se reconciliar com todos aqueles que buscam a de Deus de todo seu coração. Queremos faze-lo por meio do Credo Apostólico, dizendo:

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
Nº 460 - HPD2 – Conta as bênçãos

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Destino da oferta: _________________________________________
Oferta último Culto: R$________ destinada ____________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

ANIVERSARIANTES
________________________________________________________
________________________________________________________

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
_______________________________________________________
_______________________________________________________
_______________________________________________________
_______________________________________________________

Senhor, nosso Deus, obrigado porque vieste até nós por meio do teu Filho Jesus Cristo, nos revelar a tua vontade e nos chamar a participar da Tua família. Obrigado porque vieste corrigir a minha vida e me chamar para junto de ti e não me deixaste no meu próprio erro, antes, usas-te da Tua misericórdia para nos perdoar e nos reconciliar Contigo. Neste momento, também queremos interceder por este mundo perdido, que carece da Tua presença e do Teu amor, que vive em meio a guerras e a destruição, vem com teu Espírito e renova a face da terra. Olha pelo nosso país e pela nossa cidade, ajuda-nos na tarefa de anunciar a Tua salvação por meio de nossas mãos, seja na oração ou no testemunho concreto de nossa fé em Jesus Cristo, para que as pessoas ao nosso redor também encontrem o caminho da salvação. Tudo o mais queremos colocar diante de ti e orar a oração que o teu Filho Jesus Cristo nos ensinou por meio dos apóstolos dizendo...

PAI NOSSO
Pai nosso...

LITURGIA DE DESPEDIDA
BÊNÇÃO
Queremos receber das mãos de Deus à bênção que ele nos oferece, toda vez que nos reunimos em culto. Que Deus Te abençoe e Te guarde, que Ele faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti, que ele sobre ti levante o Seu rosto e Te de a paz. Que assim Deus Pai, Filho e Espírito Santo Te conduza pelos caminhos de Deus, hoje e para todo o sempre. Amém.

ENVIO
Vão na paz do Senhor Jesus Cristo, na certeza de que ele vai adiante de todo o que se deixa conduzir por Suas mãos, e prepara lugar junto a Ele, para todo/a aquele/a que se coloca debaixo da Sua vontade. Que Deus os abençoe.

CANTO FINAL
Nº 463 - HPD2 – Caminhamos pela luz


Autor(a): Cláudio Rieper
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Natureza do Domingo: Pentecostes
Perfil do Domingo: 23º Domingo após Pentecostes
Testamento: Antigo / Livro: Jeremias / Capitulo: 14 / Versículo Inicial: 7 / Versículo Final: 22
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2013
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 23167

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

A Bíblia é uma erva: quanto mais se manuseia, mais perfume ela exala.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
As pessoas podem fazer seus planos, porém é o Senhor Deus quem dá a última palavra.
Provérbios 16.1
© Copyright 2022 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br