Sínodo Mato Grosso



Rua Aristides Félix de Andrade , 840 - Araés
CEP 78005-605 - Cuiabá /MT - Brasil
Telefone(s): (65) 2129-6592
sinodomt@luteranos.com.br
ID: 10

Lucas 24.1-12 - Domingo da Páscoa - 27.03.2016

Caderno de Cultos 2016

26/03/2016

Domingo de Páscoa: 27/03/16
Is 65.17-25; 1Co15.19-26; Prega ção: Lc 24.1-12
P. Valdir Hobus – Sinop – MT

ACOLHIDA
Bom dia, sejam bem-vindos. Hoje celebramos a Páscoa. A Páscoa vai muito mais além do ovo de chocolate ou coelho. Páscoa é simplesmente pra nos lembrar do que Deus foi capaz de fazer por amor a nossas vidas, mesmo sem nós merecermos. Que este culto nos conduza em uma profunda reflexão do verdadeiro sentido dessa data especial. Sejam todos bem vindos ao nosso culto de páscoa.

Acolher os/as visitantes

CANTO DE ENTRADA
333HPD – Estamos aqui Senhor

LITURGIA DE ABERTURA
SAUDAÇÃO
Não nos reunimos aqui por mérito ou força nossa. Estamos aqui porque fomos criados, chamados e amados por Deus. Por isso, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo é que nos reunimos aqui. Amém.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
309 – HPD2 Então se verá.

CONFISSÃO DE PECADOS
(Deixar um tempo de silêncio)
Oremos:
Gracioso Deus, Graças te damos por mais uma vez podermos nos encontrar aqui. Obrigado pela tua presença e por teu amor. Confessamos nossos pecados, cientes de nossa culpa. Pedimos-te, tem misericórdia de nós, e nos perdoe. Por teu Filho amado, Jesus Cristo, Que ressuscitou e vivo está, Amém!

ANÚNCIO DO PERDÃO
A Palavra de Deus nos diz em 1Jo 1.9: “Se confessarmos nossos pecados, Ele é fiel e Justo para nos perdoar os pecados e purificar de toda a injustiça”. A todos que com sinceridade confessaram seus pecados, lhes é dado o perdão. Amém.

KYRIE
Como Pessoas agraciadas por Deus com seu perdão, nos voltamos para as dores do mundo no qual vivemos. Olhamos em volta e observamos o sofrimento, a dor, a angustia de toda a criação. Por isso queremos rogar juntos para que Deus tenha piedade. Assim também nos comprometemos a sermos instrumentos de transformação, que Deus quer usar no mundo. Cantemos: Tem Senhor piedade (3x).


ORAÇÃO DO DIA
Obrigado Pai Celeste, pela ressurreição de teu Filho Jesus. Hoje queremos mais uma vez ouvir a tua Palavra, e nela meditar. Dá-nos Senhor, ouvidos atentos, e corações abertos. Que tua Palavra cresça e produza muitos frutos. Amém.

LITURGIA DA PALAVRA
LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura Bíblica: Isaias 65.17-25

2ª Leitura Bíblica: 1Corintios15.19-26

3ª Leitura Bíblica: Lucas 24.1-12

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
380 – HPD II – A tua Palavra é semente

PREGAÇÃO

Conta-se que o soldado G.R. Tweed olhou pelas águas de Pacífico para o navio americano no horizonte. Limpando o suor de selva dos seus olhos, o jovem oficial naval engoliu profundamente e tomou sua decisão. Esta poderia ser a única chance dele para fugir.
Tweed estava se escondendo na ilha de Guam durante três anos. Quando o exército japonês ocupou a ilha em 1941, ele se escondeu no denso matagal tropical. Sobreviver não havia sido fácil, mas ele preferiu o pântano a um campo de prisioneiros de guerra.
Tarde naquele dia, 10 de julho de 1944, ele percebeu o navio aliado. Ele correu para cima de uma colina e se posicionou em um precipício. De dentro da sua mochila, ele tirou um espelho de mão. Às 18:20 ele começou a enviar sinais em código Morse. Segurando a extremidade do espelho nos dedos, ele o inclinou de um lado para outro, refletindo os raios do sol em direção ao barco. Três sinais curtos. Três longos. Três curtos novamente. Ponto-ponto-ponto. Traço-traço- traço. Ponto-ponto-ponto. S-O-S.
O sinal chamou a atenção de um marinheiro a bordo do USS McCall. Uma equipe de resgate embarcou num bote motorizado e passou despercebido na angra além do alcance das armas do litoral. Tweed foi salvo.
Hoje nos encontramos aqui para celebrar o acontecimento mais importante da história: a Páscoa, dia em que nos lembramos da ressurreição de nosso salvador.
Assim como aquele sinal do espelho salvou a vida do soldado, também a história relatada em Lucas nos mostra alguns sinais que podem nos ajudar em nossas próprias ilhas. Vejamos alguns sinais:
A pedra removida.
No domingo de manhã, antes de o dia clarear, as mulheres já chegavam ao sepulcro de Jesus. Por que elas foram tão cedo? Porque elas amavam muito o seu Senhor. O que elas queriam ali há essa hora? Queriam estar perto de Jesus. Também queriam servi-lo, pois dos outros evangelhos sabemos que pretendiam embalsamar o seu corpo. Havia, porém, um obstáculo: a grande pedra que tinha sido rolada na entrada do túmulo. As mulheres não teriam forças suficientes para removê-la. Era um obstáculo intransponível. Mesmo assim, elas deram um passo de fé. Não desistiram diante da enorme pedra que lhes barrava o caminho. Esse é o caminhar da fé, que vai apesar dos obstáculos. É o caminhar do amor, pois o amor enfrenta as pedras do caminho. É um caminhar no escuro, na esperança de encontrar uma luz.
Que surpresa ao chegarem lá. A primeira coisa que elas veem é a pedra removida. A pedra, o selo da morte de Jesus, tornou-se o primeiro sinal de sua ressurreição. A pedra da sepultura não resistiu diante da Pedra Angular e Pedra Viva. Não há pedra capaz de trancar Jesus, nem pedra de sepultura.
Olhemos para nossa vida. Quais são as pedras que nos impedem de chegar até Cristo? Quantas vezes o desânimo, a tristeza, o descontentamento nos travam, e impedem de caminhar? Ficamos estagnados, parados, sem reação.
O texto de hoje nos ajuda a olharmos com os olhos da fé, mesmo quando não conseguimos enxergar do outro lado da pedra. Como aquelas mulheres, também nós podemos nos deixar surpreender pela fé. Cristo é aquele que nem mesmo a morte segurou, então, confiantes nele, podemos seguir, mesmo com pedras no caminho.
O túmulo vazio.
Ainda que as mulheres não o perceberam até este momento, elas consideravam que Jesus estava morto e pensavam que tiraram o Senhor do sepulcro. A morte e o túmulo são realidades que nos entristecem, deixando-nos abalados e confusos. Jesus, porem, ressuscitou. Não é uma ilusão dos cristãos, mas fato histórico que o túmulo vazio sustenta. E porque Jesus ressuscitou também nós, os que nele cremos, iremos ressuscitar. Naquela manhã, os discípulos deviam estar sozinhos, trancados em casa por medo de também serem presos e mortos. A notícia do túmulo vazio, porém, faz Pedro superar o medo de sair de casa. Ele corre até o túmulo. Ele se abaixa e olha para dentro do túmulo vazio. Vazio? Não exatamente. Lá estavam os panos de linho nos quais o corpo de Jesus tinha sido enrolado para o seu sepultamento.
A ressurreição do Senhor foi decisiva não apenas para as mulheres e os discípulos, e não só naqueles dias traumáticos para os seguidores de Jesus. Ela também foi decisiva para mim e para você. Se ele não tivesse ressuscitado não haveria esperança para nós, por maior que fosse a nossa fé. Lemos em l Co 15.17,20: E, se Cristo não ressuscitou, inútil é a fé que vocês tem, e ainda estão em seus pecados. Mas de fato Cristo ressuscitou dentre os mortos, sendo ele as primícias dentre aqueles que dormiram. Vi o Senhor! é a grande notícia da Páscoa. Nesta mensagem está contida a essência da fé cristã.
Há pedras no seu caminho que querem impedir você de estar com Jesus e de servi-lo? Parece que não há luz no seu caminho? Siga em fé. Jesus ressuscitou e vive. Não permita que as lágrimas ofusquem seu olhar, a ponto de não ver mais Jesus ao seu lado. Não fixe o olhar no túmulo. Olhe em direção a Jesus, o Ressurreto. Que ELE te abençoe. Amém.


HINO
Chegou a Páscoa, que alegria (ou algum canto de páscoa conhecido da comunidade)


CONFISSÃO DE FÉ
Motivados pela Palavra de Deus vamos juntos confessar nossa fé com as palavra do Credo Apostólico:

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO
249 – HPD I – Graças, Senhor eu rendo

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Destino da oferta: __________________________________
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada
para ______________ ______________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

ANIVERSARIANTES
________________________________________________________
________________________________________________________

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
Oração de Intercessão
Senhor, agradecemos-te por tua Palavra, que nos chama, motiva e fortalece. Agradecemos também pelas ofertas levantadas. Que elas sirvam para edificação do teu Reino e propagação do teu amor. Queremos assumir o compromisso sincero contigo. Ensina-nos a vivermos uma fé autêntica, motivados pelo que Cristo fez na Cruz por nós. Assim, faze-nos olhar também para o nosso semelhante com amor e compaixão. Colocamos em tuas mãos todas as pessoas que passam por dificuldades, em especial as que foram lembradas aqui (nomes). Assim também colocamos em tuas mãos nossa vida, nossa semana e tudo o que vamos fazer, para que tu nos guies com tua poderosa mão. Assim oramos juntos a oração que Cristo nos ensinou:

PAI NOSSO
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA
BÊNÇÃO
Querida comunidade, amigos e visitantes: Que o Senhor te abençoe e te guarde, que o Senhor faça resplandecer seu rosto sobre ti. Que o Senhor tenha misericórdia de ti e te de a paz. Amém.

ENVIO
Ide na Paz de Cristo, servindo a Ele com amor, fidelidade e alegria. Amém.

CANTO FINAL
184 – HPD I – Vamos nós trabalhar.


Autor(a): Valdir Hobus
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo da Páscoa
Testamento: Novo / Livro: Lucas / Capitulo: 24 / Versículo Inicial: 1 / Versículo Final: 12
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2016
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 36433

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Orar é a obra mais primorosa, por isto é tão rara.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
O Senhor guardará você. Ele está sempre ao seu lado para protegê-lo. Ele o guardará quando você for e quando voltar, agora e sempre.
Salmo 121.5 e 8
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br