Missão - acompanhamento e consolação



ID: 2876

Mensagem do 1º Encontro Nacional de Capelanias da Saúde - IECLB

31/03/2016

Mensagem do 1º Encontro Nacional de Capelanias da Saúde da IECLB

Às Comunidades, Paróquias, Sínodos, Instituições da IECLB
e sociedade em geral

O 1º Encontro Nacional de Capelanias da Saúde, realizado no município de Colombo/PR, foi uma oportunidade para compartilhar as alegrias, as dificuldades, os desafios e as esperanças que permeiam o trabalho na área das capelanias da saúde no âmbito da IECLB.

Lembrou-se de homens e mulheres, das irmãs Diaconisas, dos grupos de OASE e das Ministras e dos Ministros que fizeram história na criação de hospitais, casas de acolhida e cuidado e instituições de longa permanência, na gestão e na administração destas instituições. Ali, pessoas cansadas e sobrecarregadas foram consoladas e assistidas em suas vulnerabilidades.

O presente resgate histórico das significativas trajetórias de cuidado, olhar diaconal e de amor ao próximo, no decorrer desta caminhada, enquanto Igreja de Jesus Cristo, chamada e vocacionada pela graça de Deus, nos convida a assumir, tal qual Cristo em seu ministério, o cuidado para com a vida e a criação de Deus.

Entendemos que as pessoas envoltas numa vivência da espiritualidade Pascal (que experimentam a graça de Deus) sentem-se fortalecidas a enfrentar as suas crises, dores, saudades e desesperança na busca por restabelecer e restaurar sua saúde, no sentido mais amplo, e a aceitar a sua condição humana enquanto pessoas com limites e cientes de sua finitude.

Convence-nos que as atitudes de cuidado, através do trabalho de capelanias na área da saúde, são sinais concretos, de graça e de paz, da missão de Deus no mundo. Por conseguinte, são oportunidades missionárias que carecem de apoio, capacitação, aprofundamento e sustentabilidade. Como IECLB, somos desafiados e desafiadas a sair de nossa timidez e a contribuir na construção desse trabalho com as nossas ricas experiências. Somos pessoas inspiradas pela palavra de Jesus: “estive enfermo e me visitaste” (Mt 25.43).

Colombo/PR, 31 de março de 2016.

Participantes

P. Deolindo Feltz - Sínodo Mato Grosso
Diác. Vanderlei Boldt e P. João Paulo Auler – Sínodo Espírito Santo a Belém
Pa. Ma. Neusa Tetzner e Pa. Joice Aline Klein - Sínodo Sudeste
P. Rui Schneider, P. Wagner Tehzy e P. Vernei Hengen – Sínodo Rio Paraná
Pa. Vera Immich, P. Dr. Marcos Armange e P. Telmo Emerich - Sínodo Paranapanema
Pa. Mayke M. Kegel, P. Ivanildo Laube e Diác. Angela Lenke - Sínodo Norte Catarinense
Pa. Christiane Plautz e Pa. Mirian Ratz - Sínodo Vale do Itajaí
Pa. Vera Weissheimer e P. João Bartsch - Sínodo Centro-Sul-Catarinense
P. Rodrigo Dreissig e Pa. Adriane Lorenz Cassen - Sínodo Planalto Riograndense
Pa. Ana Paula Genehr - Sínodo Vale do Taquari
P. Cleber Fontinele Lima - Sínodo Nordeste Gaúcho
P. Dr. Daniel A. Hoepfner - Sínodo Rio dos Sinos
P. Vilmar Abentroth e Pa. Haidi Madeira - Sínodo Centro-Campanha-Sul
P. Samuel Armbrust - Sínodo Sul-Rio-Grandense
P. Dr. Nilton Herbes - Faculdades EST
Dr. Rolf Krüger - Faculdade Luterana de Teologia – FLT
P. Dr. Pedro Puentes - Secretário de Missão
P. Sinodal Odair Braun - Sínodo Paranapanema
P. Dr. Mauro Souza - Secretário da Ação Comunitária


Âmbito: IECLB
Área: Missão / Nível: Missão - Acompanhamento e consolação
Natureza do Texto: Manifestação
Perfil do Texto: Mensagem
ID: 37388

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Um cristão não pode ser ofendido a tal ponto que não possa mais perdoar.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Mal tenho começado a crer. Em coisas de fé, vou ter que ser aprendiz até morrer.
Martim Lutero
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br