Diaconia - A fé ativa pelo amor



ID: 2660

O Nascimento da Diaconia

Atos 6,1-4

07/10/2014

… os que tinham sido criados fora de Israel começaram a se queixar dos que tinham sido criados em Israel. A queixa deles era que as viúvas do seu grupo estavam sendo esquecidas.... Então os doze apóstolos reuniram todo o grupo de seguidores e disseram: - Não está certo nós deixarmos de anunciar a palavra de Deus para tratarmos de dinheiro. Por isso, irmãos, escolham entre vocês sete homens de confiança, cheios do Espírito Santo e de sabedoria, e nós entregaremos esse serviço a eles. Assim nós poderemos continuar usando todo o nosso tempo na oração e no trabalho de anunciar a palavra de Deus.

I. A diferença da fé cristã: Desde o início os cristãos diferenciam-se pelo amor ao próximo. Ajudam-se mutuamente, dividem suas posses com todos. Estas são as marcas da primeira comunidade. Pode parecer idílico demais, mas a Comunidade é cristã quando vai além do puro serviço religioso e oferece algum tipo de serviço às pessoas que precisam. Podemos nos sentir confirmados em nossa comunidade Vila Campo Grande onde temos um engajamento para além das quatro paredes da Capela de Cristo desde 1979. Hoje chama Centro Social e Educacional Sal da Terra.

II. Confusão no cuidado: Quem conhece um pouco daqui sabe que a relação entre o serviço religioso e o serviço prático por vezes é delicado. A dinâmica é diferente, o espaço é limitado. Conflitos já existiam na comunidade de Jerusalém. Precisa de organização e responsáveis para que as coisas possam funcionar. É escolhida uma diretoria com o nome “Diáconos” (servos).
É o nascimento da Diaconia!
Faz parte também da nossa história: No início tudo era da comunidade. Tratavam-se na reunião do presbitério os assuntos do Centro Social o que gerava conflitos por causa da complexidade e do tamanho das pautas. Ficava prejudicada a atenção a comunidade. Criamos então a entidade do Centro Social com responsáveis próprios.
Após anos ainda aparece quem quer separar o Centro Social da Igreja. Para mim o texto mostra como são equivocados. Veja os critérios da escolha dos diáconos: “...homens de confiança, cheios do Espírito Santo e de sabedoria...”
Para cuidar do Social precisa ter ética, fé, dignidade, decência. Tudo isto aqui funciona há tantos anos porque a igreja tem, temos pessoas que preenchem os requisitos. Entidades livres normalmente viram propriedade de alguém e dos seus interesses...

III. Escolher quem cuida da grana: Bem claro é o aspecto prático: Não é bom pregar e cuidar da grana ao mesmo tempo. Precisa ter pessoas que se responsabilizem das despesas e das receitas. Senão nada anda.
Por fim não há intenção de criar especialistas: Estevão e Filipe são pregadores engajados e Pedro e Tiago continuam cuidando de questões práticas. Ministério compartilhado e corresponsabilidade, conceitos da nossa igreja IECLB 2014 – para o bem do reino de deus e todos nos.

Mãos a obra! Amém

 


Autor(a): P.Guilherme Nordmann
Âmbito: IECLB / Sinodo: Sudeste
Área: Missão / Nível: Missão - Diaconia
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 30145

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Meu filho, escute o que o seu pai ensina e preste atenção no que a sua mãe diz. Os ensinamentos deles vão aperfeiçoar o seu caráter.
Provérbios 1.8-9
REDE DE RECURSOS
+
Fé e amor perfazem a natureza do cristão. A fé recebe, o amor dá. A fé leva a pessoa a Deus e o amor a aproxima das demais. Por meio da fé, ela aceita os benefícios de Deus. Por meio do amor, ela beneficia os seus semelhantes
Martim Lutero
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br