Fé, Gratidão e Compromisso


ID: 2756

RENOVAÇÃO E CHAMADO AO COMPROMISSÃO COM A MISSÃO BAHIA-MINAS

Fé, Gratidão e compromisso em Mês da Mordomia

19/07/2015

“Estamos vivendo duas situações muito especiais enquanto Projeto, Área Missionária e Comunidades na Missão aqui no Extremo Leste de MG, Extremo sul da Bahia e Costa do Descobrimento: 1º é a pergunta se queremos que este projeto continue. E 2º, a pergunta com quanto (Tempo, Tesouro e Talento) estamos dispostos a colaborar para que este projeto continue?” Assim foi a abertura da pregação em cada um dos cultos do MÊS DA MORDOMIA CRISTÃ nas Comunidades da Área Missionária.

“Mordomia” foi tema muito presente na IECLB nos idos dos anos 60. Mas ele ainda tem seu significado, simbolismo e foco muito presente no universo de muitos luteranos hoje. Ou seja: MORDOMIA trata da questão da nossa contribuição à igreja. Hoje o “mote” que prepondera na IECLB quando se trata de caminhos para a sustentabilidade financeira da Igreja é o trinômio “FÉ, GRATIDÃO E COMPROMISSO”. Na verdade já é trabalhado e utilizado por muitas comunidades como um programa e estratégia de ação nas questões ligadas às finanças na IECLB. Juntando estas duas frentes e aproveitando que em julho sempre acontece a distribuição dos carnês de contribuição voluntária aos membros da CETO (Comunidade Evangélica em Teófilo Otoni) realizamos o MM=Mês da Mordomia.

Aconteceram 4 cultos temáticos. Os textos de pregação foram Marcos 4.35-41, quando Jesus acalma a tempestade e desafia à fé e confiança na sua presença; Marcos 6.1-6 quando Jesus, rejeitado em Nazaré, muda de estratégia e chama e envia seus discípulos, em duplas, para a missão pelas aldeias; e Marcos 6.30-34, quando os discípulos voltam da missão e a multidão desesperadamente os segue como “ovelhas sem pastor”.

Também os Estudos Bíblicos do mês de julho aprofundaram o tema FÉ, GRATIDÃO E COMPROMISSO a partir de trechos das cartas de Paulo aos Coríntios e de subsídios do Fórum Nacional da IECLB sobre este tema.

Aproveitando a visita da filha e do genro do Pastor Evandro à Área Missionária, aconteceram também duas palestras motivacionais. Lucas Marquese Menezes casado com Desirré Cristina Meurer é Gerente de Negócios na empresa Siemens de Jundiaí e, a partir de sua experiência profissional, dialogou com as lideranças das Comunidades de Teixeira de Freitas e Serra dos Aimorés sobre MOTIVAÇÃO PARA A MISSÃO.

Nestas duas comunidades houve um momento litúrgico especial de chamado à renovação do compromisso dos já membros e um convite ao engajamento de novos membros contribuintes. Em 2014 havíamos encerrado o ano com 24 membros contribuintes, e somente em três cultos foram entregues 35 carnês de contribuição. As pessoas presentes ao culto foram chamadas a virem até o altar se gostariam de contribuir financeiramente e como membros da Comunidade. Foi assim que 10 novas pessoas vieram ao altar e foram acolhidas como novos membros e 25 fizeram a renovação de seu compromisso de membro-contribuinte.

A Área Missionária recebe atualmente um subsídio de R$ 4000,00 da IECLB e o desafio é que uma contrapartida de igual valor venha das comunidades e membros atendidos. Infelizmente nestes 12 meses desde a retomada do projeto, depois de dois anos sem pastor residente efetivo, esta contrapartida não foi alcançada. A Comunidade de Teófilo Otoni “mãe” deste projeto, numa parceira como os Sínodos Sudeste e Espírito Santo tem honrado, mesmo que com dificuldades, com os compromissos. Até 31 de julho devemos sinalizar à IECLB (através de reapresentação de Projeto) nosso desejo e pedido de renovação. O Mês da Mordomia e o Programa Fé, Gratidão e Compromisso tem ajudado nesta decisão e tem sido muito marcante os cultos de chamamento e consagração dos membros contribuintes. Há uma nítida consciência dos limites, mas também dos potenciais e possibilidades deste projeto avançar e continuar se firmando com ânimo e engajamento de tod@s.
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Pela graça sois salvos, mediante a fé, e isto não vem de vós: é dom de Deus.
Efésios 2.8
REDE DE RECURSOS
+
Assim, outros carregam o meu fardo, a força deles é a minha. A fé da minha Igreja socorre-me na perturbação. A oração alheia preocupa-se comigo.
Martim Lutero
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br