CAMPANHA Por um lar sem violências! - Mulheres

06/08/2020

 

“Temos o direito de viver sem violência e existe uma lei para isso” (Maria da Penha)

Amanhã, dia 7 de agosto, completam-se 14 anos da sanção da Lei Maria da Penha (11.340/06). O nome da lei remete à farmacêutica Maria da Penha Maia Fernandes, vítima de seu companheiro em dupla tentativa de feminicídio. Maria da Penha lutou por justiça e por uma vida livre de violência para si e todas as mulheres. 

Em tempos de isolamento e distanciamento social, a campanha Por um lar sem violências busca chamar atenção às pessoas, especialmente mulheres, que estão isoladas em suas casas, junto de seus agressores. Se você está sofrendo violência, ou conhece alguém que está, procure ajuda.

Para denunciar, disque 180!

▶ Fique atenta e atento às nossas redes sociais e agende o dia 19 de agosto para acompanhar uma live sobre o assunto, em parceria com a Coordenação de Gênero, Gerações e Etnias da Secretaria Geral da IECLB, Programa de Gênero e Religião da Faculdades EST e Fundação Luterana de Diaconia.


Veja todos os Cartões e áudios da CAMPANHA Por um lar sem violências

COMUNICAÇÃO
+
A fé não pode aderir ou agarrar-se a qualquer coisa que tem valor nesta vida, mas rompe os seus limites e se agarra ao que se encontra acima e fora desta vida, ao próprio Deus.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br