Instituto Luterano Campos Verdejantes



Rua Walter Weege , s/n
CEP 89294-000 - Campo Alegre /SC
Telefone(s): (47) 3632-1756
contato@camposverdejantes.org
ID: 3199

Amor... com referência

12/06/2020


Em um formulário de endereço, depois de preencher nome da rua, número da casa, bairro, CEP e nome da cidade me deparei com o campo “referência”. Minha primeira reação foi pensar: “Tudo o que preenchi não basta? Por que ainda devo acrescentar uma referência?”.

Depois lembrei que em algumas cidades existem ruas diferentes que recebem o mesmo nome. Nestes casos, com a falta de “referências”, cartas ou encomendas preenchidas com o nome certo podem facilmente ser entregues no lugar errado.

A Palavra Bíblica de hoje no devocional Senhas Diárias apresenta a referência fundamental para uma das mais sublimes expressões da vida cristã: Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; e andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave (Efésios 5.1-2). O amor é, sem dúvida, uma das mais sublimes expressões da vida cristã. Por amor, Deus envio seu Filho Jesus para salvar o mundo (João 3.16); o amor resume e cumpre a Lei de Deus (Lucas 10.27; Romanos 13.10); o amor é o novo mandamento que Jesus deu aos seus discípulos (João 13.34); e andar / viver em amor é viver de modo digno e coerente a vida cristã (Efésios 5.1-2).

Faz bem notar que esse amor de que a Bíblia fala não é qualquer tipo de amor. É um amor que tem “referência”: como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós. A palavra de Deus é muito clara ao revelar que Cristo é a manifestação concreta do amor de Deus por nós e ao mesmo tempo é o modelo do amor que a pessoa cristã deve reproduzir em sua vida.

Essa “referência” é importante e necessária porque muita coisa neste mundo recebe o nome de amor; e muitas pessoas, inclusive que se confessam cristãs, pensam que “toda forma de amor” é válida – procede de Deus e agrada a Deus.

Mas se Jesus Cristo é a “referencia” do amor cristão, todo amor direcionado a realização dos próprios sonhos e satisfação dos próprios desejos e inclinações; todo amor que se distancia e distancia os outros da vontade de Deus; todo amor que não se empenha para a salvação eterna dos outros até recebe o nome de amor, mas não é o amor de procede de Deus e que agrada a Deus.

Sem referência uma carta pode ter o nome certo e, ainda assim, ser entregue no lugar errado. Sem Jesus Cristo como referência algo até pode ter o nome de amor, mas não será amor cristão.

Qual é a referência de nosso amor?

P. Me. Marcelo Jung
Professor de Teologia Bíblica e Teologia Prática
na Faculdade de Teologia Luterana - FLT
em São Bento do Sul - Santa Catarina, onde reside
Sínodo Norte Catarinense
 


Autor(a): P. Me. Marcelo Jung
Âmbito: IECLB
Área: Confessionalidade / Nível: Confessionalidade - Prédicas e Meditações / Organismo: Instituto Luterano Campos Verdejantes
Testamento: Novo / Livro: Efésios / Capitulo: 5 / Versículo Inicial: 1 / Versículo Final: 2
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 57169
Mal tenho começado a crer. Em coisas de fé, vou ter que ser aprendiz até morrer.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br