Morrer em ti, ditoso

LCI 330

27/10/1608

 

1. Morrer em ti, ditoso,
desejo, meu Senhor.
No mundo tenebroso
me cercam ânsia e dor.
Meu coração almeja
o mundo abandonar;
no céu estar deseja.
Senhor, vem me amparar! 

2. Sê meu pastor e guia,
Jesus, meu Salvador;
os anjos teus envia,
conduze-me ao fulgor,
à vida que me deste,
remindo o pecador,
quando na cruz morreste,
em aflição e dor.

3. Jesus, dá-me constância 
de sempre em ti ficar. 
Em sofrimento e em ânsia 
a fé vem me aumentar! 
Na glória, jubiloso, 
eu quero te exaltar, 
e, como o sol radioso, 
a ti, Senhor, brilhar!


Autor da letra: Christoph Knoll

Autor da meoldia: Hans Leo Hassler

 


Autor(a): Christoph Knoll
Âmbito: IECLB
Hino: 297. Morrer em ti, ditoso
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Hino
ID: 32730
REDE DE RECURSOS
+
Assim como o Senhor perdoou vocês, perdoem uns aos outros.
Colossenses 3.13
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br