Jubileu dos 500 Anos da Reforma



ID: 2929

Mensagem de Natal dos 500 anos da Reforma

23/12/2017

O profeta Isaías já anunciava no Antigo Testamento: Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; e o principado está sobre os seus ombros; e o seu nome será Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.

O Natal está chegando. As comunidades do Sínodo Uruguai estão envolvidas no preparo do Natal dos 500 anos da Reforma. Natal cresce sobre um solo que nós não criamos. Natal cresce sobre o solo do amor e da dedicação de Deus para com as pessoas. Assim também cantamos: “mundo perdido, Cristo nascido. Rejubila, cristandade, no Senhor”.

Estimados irmãos e irmãs! Ao celebrarmos o nascimento de Jesus Cristo, então não somos perguntados se temos motivos de alegria em nós mesmos. Somos levados e colocados no lugar onde se canta e anuncia o amor de Deus. Natal não começa em nós! Natal começa em Deus. Por isso, não é possível assistir ao Natal. O amor de Deus, sua vinda ao mundo não acontece diante de nós, mas dentro de cada um e uma de nós.

O amor de Deus penetra em nosso mundo, em nossos lares e nossa vida. Deus mesmo se torna humano para que nós sejamos mais humanos. Deus se torna pobre para que nós sejamos ricos do seu amor. Deus trouxe seu amor ao mundo para que a maldade e a falta de amor desapareçam!

Com o Natal acontece algo semelhante ao que se dá com uma fonte que nasce no deserto. Essa fonte numa só noite não consegue irrigar todo o deserto, mas criará em torno de si um lugar onde há vida. Assim também, desde o Natal, desde que Cristo veio ao mundo, existe um lugar onde se pode viver, onde se pode recuperar as forças e começar vida nova.

A terra natal da alegria, do comprometimento, da justiça, da solidariedade e da Salvação é a manjedoura de Belém. O Sínodo Uruguai está empenhado em que cada pessoa se encontre nesta terra e celebre alegremente o Natal de 2017. Abençoado Natal a vocês.


Autor(a): Pastor Sinodal Jair Luiz Holzschuh
Âmbito: IECLB / Sinodo: Uruguai
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Área: História / Nível: 500 Anos Jubileu
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 45462

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

A ingratidão é um vento rude que seca os poços da bondade.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Deus diz: trabalha, deixa de preocupar-te, eu te vou dar tudo. Depois de Ele o ter dado, aí, sim, deves empenhar o teu cuidado, distribuindo de forma justa o que recebeste, assim que não o guardes para ti, mas que dele possam usufruir a tua família e outros mais.
Martim Lutero
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br