Celebração


ID: 2651

Isaías 58.1-9a (9b-12) - 5º Domingo Após Epifania - 05/02/2023

Caderno de Cultos 2023 - Sínodo Mato Grosso

05/02/2023

05/02/2023 – 5º Domingo Após Epifania
Pregação: Isaías 58.1-9a (9b-12); Leituras: Salmos 112.1-9; Mateus 5.13-20
Missionária Cledimar B. Windmöller – Gaúcha do Norte - MT

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
Saúdo-os com a Palavra bíblica: “Eu sou a luz do mundo; quem me segue nunca andará na escuridão, mas terá a luz da vida” (João 8.12)
Que possamos com alegria e amor, acolher esta palavra!

Acolher os/as visitantes

CANTO DE ENTRADA
08 – LCI – Canção de chegada

Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO
Reunimo-nos em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, amém!

CANTOS DE INVOCAÇÃO
27 – LCI – Teu povo

Ou: Nº ____________________________________________________

CONFISSÃO DE PECADOS

Querido e amado Pai, chegamos a Ti, pois tu és a nossa força, tu nos conheces e sabes o que se passa em nosso coração. Por isso Pai, confessamos que somos falhos, necessitamos do teu perdão, por tua infinita misericórdia, perdoa-nos Senhor. Transforma nosso viver! Em nome de Cristo. Amém!

ANÚNCIO DO PERDÃO
“Quem tenta esconder os seus pecados não terá sucesso na vida, mas Deus tem misericórdia de quem confessa os seus pecados e os abandona” (Pv 28.13). Querido irmão, querida irmão, se você confessou de todo o coração que realmente é pecador, e deixou seus pecados aos pés da cruz, receba o perdão de Jesus!

KYRIE
Pai, somos gratos por tudo o que tens feito e vais fazer. Esteja conosco a cada novo dia. E que Teu Espírito mostre-nos o caminho que nos leva a ti. Abençoa-nos querido Deus.

GLÓRIA IN EXCELSIS
Glorificamos a Deus cantando:

65 – LCI – Glória in Excelsis

ORAÇÃO DO DIA
Deus querido, se nesse dia podemos estar aqui, é porque tu tens sido bondoso para conosco, nos dando vida e saúde! Senhor, te damos graças, pois não se esquece do nós e continua nos alcançando com o Seu amor. Fica conosco, hoje e sempre. Amém!

LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura Bíblica: Salmos 112.1-9(10)

2ª Leitura Bíblica: Mateus 5.13-20


CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
150 – LCI – Buscai primeiro

PREGAÇÃO

Sabe quando existe uma notícia importante circulando na família e na roda de amigos e você não fica sabendo? Qual é a sensação?
A Palavra bíblica do profeta Isaías é uma Palavra muito importante que não poderia deixar de ser ouvida por nenhum dos descentes de Jacó. A ênfase do próprio Deus dizendo pra Isaías, “grite com toda força e sem parar”, faz observar a seriedade do que estava se passando, diante dos pecados e maldades do povo.
Os israelitas, desde os tempos antes do exílio, cultivavam as tradições religiosas assim como os antepassados tinham ensinado entre elas jejuar, dar o dízimo, orar, oferecer sacrifícios. Aos poucos, tornaram-se exercícios religiosos que perderam seu conteúdo e serviam apenas para a auto justificação.
O alvo pertinente nessa passagem bíblica é sobre o jejum feito pelas pessoas, mas, como um mero costume passado de geração a geração. O questionamento do povo surge a partir do relato de Isaías, os mesmos diziam: “Que adianta jejuar, se tu nem notas? Por que passar fome, se não te importas com isso?”
Deus os confronta sobre a prática do jejum que eram acompanhadas de explorações dos empregados, haviam discussões e brigas. Então, a partir do versículo seis, o Senhor traz a tona suas práticas “Não é esse o jejum que eu quero. Eu quero que soltem aqueles que foram presos injustamente, que tirem de cima deles o peso que os faz sofrer, que ponham em liberdade os que estão sendo oprimidos, que acabem com todo tipo de escravidão.O jejum que me agrada é que vocês repartam a sua comida com os famintos, que recebam em casa os pobres que estão desabrigados, que dêem roupas aos que não têm e que nunca deixem de socorrer os seus parentes.”
Esse anúncio do profeta Isaías sobre o verdadeiro jejum, traz a importância da sintonia entre o fazer e o viver, o falar e o agir. E, sobretudo a importância de uma vida de integridade a Deus.

Trazendo essa Palavra para nossos dias: quantas vezes vivenciamos algo semelhante com relato bíblico?
Somos pessoas muito justas e honestas aos nossos olhos, e não aceitamos ou suportamos que alguém faça algo de errado conosco, fazemos o papel de juiz diante dos outros.
Colocamos uma máscara de bons cristãos diante da sociedade, mas só Deus sabe quem de fato somos, quando não há pessoas para nos observar?
Por vezes, somos pessoas tão egoístas ou orgulhosas que nos consideramos tão importantes e superiores a outros.
Pensando em nossa vida comunitária quantas vezes vamos aos cultos, mas nosso pensamento e coração não estão lá?
Oramos pedindo pra Deus nos perdoar, mas não queremos perdoar?
Quantas vezes nós entendemos a vida em comunidade apenas como uma tradição? Ou, lembramos de Deus quando as coisas não vão bem, e queremos que ligeiramente o Senhor nos atenda no tempo que queremos e como queremos. Tratamos Deus como o “gênio da lâmpada” onde é feito um pedido e esperamos que seja atendido! Caso isso não aconteça, nos revoltamos com Deus e duvidamos até mesmo da sua existência. O problema é tantas vezes a nossa vida não está entregue totalmente a Cristo e não nos submetemos em obediência.
Deus não quer que façamos, por exemplo, logos jejuns ou obras de caridade, senão sabemos lidar com o perdão e vivemos uma vida amargurada, remoendo acontecimentos e “matando” pessoas em nossos pensamentos. Deus não quer que saibamos vários versículos da Bíblia decorados e ditos, senão são vividos por nós.
Certamente o desejo de Deus para o seu povo é que sejamos pessoas que vivem para Ele de forma integra! Sim, Deus nos quer por completo! Ele não se agrada e nem espera que vivamos uma religiosidade fria e falsa, ou mesmo um conjunto de regras para parecermos pessoas boas para outros.
O maior desafio para aqueles que aceitam o amor de Deus e sua presença é ter uma verdadeira entrega ao Pai. E, que todas as áreas de sua vida sejam conhecidas por Deus e por Ele transformadas e moldadas.
A Palavra de Deus continua hoje gritando para nós, mas por vezes, fechamos nossos ouvidos para ela, queremos ficar em nosso comodismo! A Palavra de Hebreus 3.15 nos lembra “Se hoje vocês ouvirem a voz de Deus, não sejam teimosos como foram os seus antepassados quando se revoltaram contra ele”.
Deus pediu ao profeta que denunciasse o povo de Israel, mesmo adorando a Deus todos os dias, eles não juntavam isso à prática daquilo que é direito. O povo reclamava que Deus não valorizava o jejum deles, mas por meio do profeta, o Senhor explica que o jejum que ele quer é este: Tratar bem os outros, em especial os pobres e oprimidos. Esse é o verdadeiro jejum!
Que em nossa vida, haja sintonia em nosso falar e agir, em nosso crer e viver. Que toda a nossa vida esteja entregue por completo a Cristo e em serviço do nosso próximo com amor! Que assim seja!


HINO
99 – LCI – Salmo 32

CONFISSÃO DE FÉ
Como igreja, queremos confessar nossa fé nas palavras do Credo Apostólico:

Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
221 – LCI – Oferta do coração

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________

Senhor, agradecemos por este culto, pela tua Palavra que nos confronta! Pai, que possamos acolher a tua Palavra, para ela nos transforme e nos torne mais parecidos com Jesus. Que teu Espírito Santo nos renove em sabedoria e graça.
Oramos Senhor, pedindo por nossas famílias, por nossas crianças, nossos adolescentes, jovens, os casais e idosos que a tua graça se estenda em suas vidas! E tudo mais que não falamos nessa oração, queremos de forma profunda e sincera, incluir os demais pedidos e agradecimentos com as Palavras de Jesus...

PAI NOSSO
Pai nosso ...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Que o Senhor te abençoe e te guarde. Que a paz de Deus te acompanhe e que possas compartilhar a bondade e amor de Deus por onde passar!

ENVIO
Vamos na paz de Cristo, amando e servindo a Ele com grande alegria e gratidão em nossos corações! Amém!

CANTO FINAL
630 – LCI – Creia sempre, sem cessar


Autor(a): Missionária Cledimar Becker Windmöller
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Natureza do Domingo: Epifania
Perfil do Domingo: 5º Domingo após Epifania
Testamento: Antigo / Livro: Isaías / Capitulo: 58 / Versículo Inicial: 1 / Versículo Final: 9
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2023
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 69150

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Todas as coisas foram criadas por Ele e tudo existe por meio dele e para Ele. Glória a Deus para sempre! Amém!
Romanos 11.36
REDE DE RECURSOS
+
A fé não pode aderir ou agarrar-se a qualquer coisa que tem valor nesta vida, mas rompe os seus limites e se agarra ao que se encontra acima e fora desta vida, ao próprio Deus.
Martim Lutero
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br