Sínodo Mato Grosso



Rua Aristides Félix de Andrade , 840 - Araés
CEP 78005-605 - Cuiabá /MT - Brasil
Telefone(s): (65) 2129-6592
sinodomt@luteranos.com.br
ID: 10

Hebreus 1.1-4 (5-12) - 1º Domingo após Natal - 28.12.2014

Caderno de Cultos 2014

28/12/2014

28/12/2014 - 1° Domingo após o Natal
Is 52. 7-10; Hb 1. 1-14; Lc 2. 1-20
P. Paulo Marcos Jahnke – Vila Rica

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
“Que a paz que Cristo dá dirija vocês nas suas decisões, pois foi para essa paz que Deus os chamou a fim de formarem um só corpo. E sejam agradecidos”. Com as palavras da carta de Paulo aos Colossenses 3.15, somos acolhidos pelo próprio Deus a estarmos em Sua casa e em Sua presença. Sejam todos bem vindos e bem vidas para este culto, que é o encontro entre Deus e a Sua comunidade.

Acolher os/as visitantes

CANTO DE ENTRADA
Jesus em tua presença (HPD II, 473)

Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO
Reunimos-nos na presença de Deus Pai, o Criador de todas as coisas; Deus Filho, o Senhor e Salvador; e Deus Espírito Santo, o Consolador e Santificador de todos que creem. Portanto, celebramos em nome de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
Quero ir com os pastores (HPD I, 31)

Ou: Nº ____________________________________________________

CONFISSÃO DE PECADOS
Confessemos nossos pecados.
Senhor, Tu nos deste a Jesus para que tivéssemos vida e luz, mas, no nosso dia a dia, optamos pela morte e pela escuridão. Não seguimos os teus ensinamentos e não vivemos a tua vontade. Nosso coração é egoísta e orgulhoso. Necessitamos nos converter para a humildade da estrebaria, do cocho e dos animais, e daquele que nasceu de Maria e José, Jesus. No menino de Belém, o mistério do amor de Deus, destinado aos de coração humilde e aos que creem. Senhor, pedimos perdão, por todas as vezes que não acreditamos e desconfiamos do teu amor.
Senhor, perdoe por nossa falta de fé, nossa incredulidade. Perdoe quando fazemos mal, quando atingimos os outros com nossas atitudes de rancor, ódio e violência. Quando não fomos humildes e solidários. Perdoe quando preferimos aquilo que é secundário e fútil. Quando não tivemos a compreensão necessária do teu gesto de amor acontecido em Belém.  Não deixes de vir a nós neste domingo após o Natal. Que o nascimento do Salvador, possa acontecer em nossas vidas e em nosso meio. Por isso clamamos pelo teu perdão. Faze com que tua luz vença as trevas e a vida vença a morte. E que o amor de Jesus possa fazer morada em nós e entre nós.  Por isso clamamos por tua misericórdia. Tem misericórdia de mim.

CANTICO INTERMEDIÁRIO
Tem misericórdia de mim (HPD II, 408).

ANÚNCIO DO PERDÃO
Amados no Senhor! Mediante a nossa confissão feita anuncio a todos as palavras que podemos ler em Colossenses 1. 12-14, onde está escrito: “E agradeçam, com alegria, ao Pai que os fez capazes de participar do que ele guardou no Reino da Luz para o seu povo. Ele nos libertou do poder da escuridão e nos trouxe em segurança para o Reino do seu Filho amado. É ele quem nos liberta, e é por meio dele que os nossos pecados são perdoados”.

GLÓRIA IN EXCELSIS
Impulsionados pelo amor e pela misericórdia de Deus, louvemos e bendizemos junto o nome do Senhor, cantando Glória in excelsis, Deo.

CANTICO INTERMEDIÁRIO
Surgem anjos proclamando (HPD I, 20)

ORAÇÃO DO DIA
Senhor, Tu que és fonte de vida e revelaste no acontecimento da estrebaria o teu amor. Nós te pedimos, fortaleça-nos para podermos receber a luz de Jesus em todos os lugares e em todas as vidas. Senhor, oramos para que tua Palavra não seja apenas letra. Vivifica esta Palavra com o poder do teu Santo Espírito. Faz que tua Palavra seja água que rega o solo seco do nosso coração, transformando o deserto de nossas vidas em um jardim regado. Em nome de Jesus, amém.

HINO
Senhor, meu Deus (HPD I, 254)
LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura Bíblica: Martim Lutero disse certa vez: “É melhor ter alguma dificuldade em ouvir o evangelho do que não ter qualquer dificuldade em ouvir o que está bem longe de ser o evangelho.” A primeira leitura bíblica conforme Isaías 52. 7-10.

Aclamação do Evangelho: Aclamemos o Evangelho cantando Aleluia.

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
Aleluia (HPD II, 351)

Evangelho: Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo, segundo Lucas 2. 1-20.

PREGAÇÃO
Irmãs e Irmãos na fé! Acredito que cada um de nós tem o desejo de receber notícias de paz e de alegria. Mas, cada um também tem o compromisso de ser mensageiro, de ser vigia. Mesmo que estejamos arrasados pela vida agitada e problemas do dia a dia e nossa voz esteja trancada, somos convidados a cantar de alegria. Mesmo que estejamos amargurados, somos convidados a crer no Deus que se fez carne em Jesus Cristo. E, se assumirmos isso de coração, certamente também não estarmos olhando para qualquer lugar, mas nossos olhos estarão junto das ruínas, dos exilados, dos injustiçados de nossos dias, pois foi para estes que Deus mandou o mensageiro trazer boas notícias de paz e salvação.
Na quinta-feira (25) celebramos o Natal. Hoje é o 1° Domingo após o Natal. No Natal, Jesus nasceu, e nós comemoramos sua vinda ao mundo. Jesus nasceu num ambiente de humildade e pobreza. Ele não foi acolhido com pompa, mas apenas pela simplicidade dos pais e dos animais. Quem visitou Jesus, foram os homens simples, os pastores, os quais se deixaram conquistar pelo anúncio do anjo e pelo seu convite. Outros que foram ao encontro de Jesus, foram os magos. Eles ouviram falar sobre o acontecimento e motivados, colocaram-se a caminho e acabaram convertendo-se à simplicidade e ao mistério da estrebaria. Ao ponto de levarem presentes ao recém-nascido.
O ambiente onde Jesus nasceu é de pobreza e de humildade. A realidade é do estábulo, do cocho, e enfoca a discriminação e o desprezo. Neste ambiente de fraqueza, Deus se revela. Isto parece ser contraditório. Em meio à fraqueza nasce a Boa Nova, a luz, para salvar o mundo das trevas e da miséria.  Mas, como diz o apóstolo Paulo em 1 Co. 1.26ss. “Deus escolheu as coisas loucas do mundo.... os fracos, os humildes... os desprezados, e aquelas que não são”; para  se revelar.
No Natal comemoramos o aniversário de nascimento de Jesus. Assim, como os pastores receberam o anúncio, o convite dos anjos, nós também fomos convidados neste primeiro domingo após o Natal para esta festa. Vamos receber tudo o que o aniversariante quer nos oferecer. Que nosso coração possa ser humilde e aceitar esta graça que Deus nos dá para nos salvar, Jesus.
Mas, temos que nos perguntar: Neste mundo, neste tempo, onde muitos são excluídos, obrigados a viver com pouco, quase nada. Tempo de individualismo, solidão, egoísmo e ruptura. Como incluímos estas pessoas na festa do Natal? O que o Natal reservou a elas? Quando preparamos na nossa casa, na nossa Comunidade o Natal, nos lembramos de estender o convite a estas pessoas? Que possamos anunciar esta mensagem de Boa Nova, especialmente, aos que sofrem, aos pobres e aos que estão à margem.
Que este seja um novo tempo para nós, tempo de nova realidade e de esperança. Que no dia a dia, possamos viver, de forma que a Boa Notícia não seja esquecida e apagada, mas que esteja viva, forte e presente em nossos gestos para com todos. Amém.


HINO
Natal é vida que nasce (HPD II, 312)

CONFISSÃO DE FÉ
Em resposta a Palavra que acabamos de ouvir, confessamos a nossa fé com as palavras do Credo Apostólico. Creio em Deus Pai, ...

CANTO PÓS CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
Repartir (HPD II, 425)

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
Ao oramos, Senhor (HPD II, 423)

Grandioso Deus, Deus do Amor e da Paz! Nós te agradecemos por tudo que tens feito e por tudo que tens nos dado. Vem ao nosso encontro com teu Espírito Santo e traz a restauração física, emocional e espiritual que necessitamos, de maneira que o teu querer se cumpra em nós. Ensina-nos a amar. Abençoa cada família que está aqui e que cada um possa levar a tua bênção para casa.
Bondoso Deus, agradecemos pela oferta desse dia e pedimos que estejas sustentando financeiramente os trabalho de nossa comunidade, paróquia, sínodo e IECLB como um todo.
Amado Pai, olhe pelos que choram, por aqueles irmãos que não sabem por onde andar. Olhe por toda tua criação, protegendo-a das maldades do mundo.
...
Tudo mais que não conseguimos expressar, incluímos na oração que o Senhor ensinou a sua comunidade de discípulos.
PAI NOSSO
Pai nosso ...

BÊNÇÃO
Com a mão direita sobre o ombro de quem está ao teu lado, vamos receber a bênção de Deus:
“Que o sol aqueça sempre teus passos, que a brisa alivie o teu cansaço, que o Senhor te abençoe onde estás e te abrace com carinho em sua paz”. Amém.

CANTO FINAL
Deus vos guarde (HPD I, 118)

ENVIO
Vamos todas e todos na paz e na graça do nosso Deus e sirvamos a Ele com alegria. Amém.


Autor(a): Paulo Marcos Jahnke
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Ano Eclesiástico / Subnível: Celebração - Ano Eclesiástico - Ciclo do Natal
Natureza do Domingo: Natal
Perfil do Domingo: 1º Domingo após Natal
Testamento: Novo / Livro: Hebreus
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2014
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 29355

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Hoje, tenho muito a fazer, portanto, hoje, vou precisar orar muito.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
Como um perfume que se espalha por todos os lugares, somos usados por Deus para que Cristo seja conhecido por todas as pessoas.
2Coríntios 2.14
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br