Sínodo Mato Grosso



Rua Alberto Velho Moreira , 48 - Bandeirantes
CEP 78010-180 - Cuiabá /MT - Brasil
Telefone(s): (65) 9846-83271 | (65) 9840-66020 | (65) 9846-83271
sinodomt@outlook.com
ID: 10

Liturgia de Sepultamento - João 14.1-14

Caderno de Cultos 2021 - Sínodo Mato Grosso

16/08/2021

 

Ofício de Sepultamento

 Pregação: João 14.1-14; Leitura: Romanos 8.31-35, 36-39

P. Lauri Jackson Lenz – Paróquia Evangélica do Araguaia – Jataí -  GO

 

Na capela

Hino: 206 – HPD 1: Quão bondoso amigo é Cristo

Acolhida: Hoje estamos aqui reunidos/as para nos despedirmos do/a nosso/a irmão/a falecido/a  (.........) . A tristeza, a dor, a incompreensão diante da finitude humana nos assola. Contudo, não estamos aqui como aqueles que não tem fé, que não tem esperança. Deus está conosco em momentos bons e também nos carrega em seus braços, nos dá o seu colo na hora das dificuldades. A morte não sela a vida dessa pessoa e sim a Jesus Cristo, a esperança da ressurreição para a vida eterna.

Invocação: Em meio a luto e sofrimento, em desalento e incertezas, estamos reunidos em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Salmo: Deus vem ao nosso encontro, vocês não estão sozinhos na dor. Deus conhece o que se passa no coração e por isso, a ele podemos confiar as nossas vidas, os nossos sentimentos. O nosso consolo o socorro vem de Deus. Ouçamos o que dizem as palavras do Salmo 23. (Ler o Salmo)

Oração do dia

Oremos: Santo e todo-poderoso Deus, em tuas mãos sempre estamos e agora nos colocamos diante de ti para em tuas mãos entregar nosso/a irmão/a falecido/a (......) e dividir o nosso sofrimento contigo. Damos-te graças por termos conhecido, amado e convivido com (.......) e pelo tempo de sua vida entre nós. Tu, que és Deus de misericórdia, ampara as pessoas aflitas, consola as que chegam diante de ti com o coração entristecido e inquieto e nos ajuda a ver a morte como uma passagem para a vida eterna. Dá que possamos seguir confiantemente nossa jornada por este mundo até o dia em que nos reuniremos com as pessoas que nos precederam. Por teu Filho, Jesus Cristo, nosso Senhor.  Amém.

Hino: 221 HPD 1  - Senhor, porque me guarda.

Primeira leitura: Romanos 8.31-35,36-39.

Leitura do Evangelho: João 14.1-6

Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e luz para os meus caminhos. Amém.

Alocução:

Queridos irmãos, queridas irmãs. Prezada família enlutada.

Hoje nos encontramos em um momento distinto. A dor e a tristeza tomam o lugar da alegria. Sentimentos de incompreensão, perguntas e inquietação estão estampados nos olhares. Lágrimas. Sim, a perda de um ente querido nos faz refletir sobre a vida e sobre a morte, sobre nossa própria finitude. Onde encontrar forças, onde encontrar consolo, onde buscar abrigo em meio a um turbilhão de incertezas?

Como cristãos não passamos pela vida sem esperança. E para nós a morte não tem a última palavra. Portanto, a esperança não é a última que morre. Nem a morte pode apagar nossa fé e nossa confiança e é com essa fé e esperança que vivemos esse momento tão doloroso. Ainda que hajam lagrimas, lamento... não estamos sozinhos, não caímos no vazio. Deus nos consola, Deus nos concede forças e nos abraça agora.

As palavras do Evangelho que ouvimos hoje nos chamam a sobriedade. “Jesus disse: Não fiquem aflitos. Creiam a Deus, creiam também em mim.”  Cristo não quer seus filhos e filhas aflitos, com medo, com o coração cheio de dúvidas. Antes quer que coloquemos nossa fé nele, em sua ressurreição, na certeza de que a morte não tem mais poder sobre nós, ainda que ela continue nos assolando. Em Cristo o maior dos nossos inimigos já está vencido e, por isso, podemos hoje levar nosso irmão a sepultura com a confiança de que também ele descansa nos braços de Deus.

Deus nos concede a sua graça, Deus nos concede a salvação mediante a fé, ele mesmo aponta o caminho da vida. A vida que temos pela frente é cheia de desafios. Vocês, família enlutada, ao chegarem em casa não encontrarão mais as coisas como eram. Será um tempo novo. A saudade vai chegar, a ausência do riso, do abraço, do som da voz, da presença desse irmão será realidade. O luto faz parte desse processo e cada um o vive de um jeito diferente, porque o sentimento, o amor, a perda é pessoal. Nós enquanto comunidade não temos o direito de julgar como cada um passa pelo luto, mas queremos estar ao lado de vocês. Se nós humanos não conhecemos a dor de vocês, Deus conhece. Ele sabe o que se passa no coração e por isso, não tenham medo de orar, de pedir por socorro, por consolo; pedir que ele aponte o caminho da vida. Sim, Jesus Cristo é o caminho para a vida, para a vida verdadeira e quem se coloca em suas mãos jamais se perde. “Eu sou o caminho, a verdade e a vida”. Jesus não é um caminho. Ele é o caminho. Ele não é uma verdade. Ele é a verdade. Ele não é uma vida. Ele é a vida; a vida verdadeira, com ele herdamos a vida eterna.

Querida família enlutada. Não saiam daqui hoje vazios. Saibam e creiam que Deus vai com vocês. Que assim como esse irmão viveu em fé nesse mundo, também herdará com Cristo a vida verdadeira. Entreguem a vida a Cristo, vivam com Cristo para em Cristo ressuscitarem. A vida vence.  Amém.

 

Confissão de fé

  Deus nos tornou seu povo através do nosso batismo em Cristo. Nessa confiança, confessemos a fé nesse Deus com as palavras do Credo Apostólico:

Creio em Deus Pai, Todo-poderoso, criador do céu e da terra ...

Hino: 161 – HPD 1  - Em nada ponho a minha fé.

Leitura dos dados da pessoa falecida

Oração de intercessão:

Oremos. Senhor nosso Deus, tu conheces o sofrimento do teu povo, sabes o que se passa também com a família de (......). Te somos gratos pelo teu consolo, pelas palavras do teu Evangelho. Graças te damos que tu nos auxilias e nos ajuda a levantar quando nossas forças faltam. Senhor, tu venceste a morte e nós cremos que ela não tem mais a última palavra. Por isso, ensina-nos a viver cada dia em confiança e amor, ajuda-nos a transformar nossas mentes e corações a fim de que possamos viver em união contigo. Dá-nos a fé e a esperança para que ao levarmos nosso/a irmão/ã a sepultura que não o façamos como aqueles que nada creem. Cuida dessa família, cuida dos que agora choram e faze de nós Comunidade solidaria. Isso te pedimos e agradecemos.  Por teu Filho e nosso Senhor que nos ensinou a orar dizendo:

Pai Nosso

Encomendação

Misericordioso Deus! Na segura e consoladora esperança da ressurreição para a vida eterna, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo, encomendamos a ti nosso/a irmão/ã (....) Recebe o/a em teus braços e guarda-o/a junto de ti até o dia do encontro de todos nós em teu Reino. 

O Senhor guardará a tua saída e tua entrada, desde agora e para sempre. O Senhor te abençoe e te guarde. O Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti. O Senhor levante sobre ti o seu rosto e te conceda a paz (+).  Amém

Que a paz de Deus esteja com vocês.

 

No Cemitério

 

Saudação

Que a paz de nosso Senhor Jesus Cristo esteja com todos e todas vocês. Amém.

Jesus Cristo diz: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e todo o que vive e crê em mim, não morrerá eternamente. Crês isto? (Jo 11.25-26).

 

Hino: 166 – HPD 1 – Dá-nos olhos claros.

(durante o hino baixar o caixão a sepultura)

 

Leitura dos dados da pessoa falecida

Oração de encomendação

Oremos: Em tuas mãos, ó misericordioso Salvador, entregamos o/a teu/ tua servo/a (....) Humildemente te pedimos: recebe este/a teu/ tua filho/a que tu chamaste no batismo. Acolhe-o/a em tuas mãos misericordiosas e dá-lhe o descanso da tua paz. Amém.

Consignação

Terra à terra, cinza às cinzas, pó ao pó. Na segura e certa esperança da ressurreição para a vida eterna, mediante nosso Senhor Jesus Cristo.

Pai Nosso.

Na certeza de que Deus nos ouve e nos concede o seu consolo oremos assim como nosso Senhor Jesus Cristo nos ensinou: Pai Nosso...

Despedida:

Aqueles e aquelas que, como sinal de amor e esperança, quiserem depositar na sepultura uma flor podem fazê-lo.

Hino: 174- HPD 1 – Por tua mão me guia.

(Durante o hino depositam-se as flores e fecha-se a sepultura)

Oração

Senhor Jesus, a tua ressurreição é o penhor da nossa ressurreição. Em meio a esse tempo difícil reafirmamos nossa confiança em ti. Tu és Deus de vida, porque para ti todos vivem e a morte já não tem mais poder. Agora vai conosco para os nossos lares. Esteja presente com teu Santo Espírito quando a dúvida, a solidão, a tristeza vierem. Consola, Senhor, consola. Dá que em ti encontremos um horizonte de vida e esperança e no último dia permite que contigo e com todos os que partiram recebamos a vida eterna. Amém.

Benção:

Que a bênção do Deus Todo-poderoso, Pai (+), Filho e Espírito Santo, desça sobre vocês e permaneça com vocês hoje e sempre. Amém.

Envio:

Ide como àqueles/as que tem esperança em Cristo. Amém.

 

 

 

 


Autor(a): Pastor Lauri Jackson Lenz
Âmbito: IECLB / Sinodo: Mato Grosso
Área: Celebração / Nível: Celebração - Liturgia
Testamento: Novo / Livro: João / Capitulo: 14 / Versículo Inicial: 1 / Versículo Final: 14
Título da publicação: Caderno de Cultos - Sínodo Mato Grosso / Ano: 2021
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 63990

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Tu és o meu Deus, eu te louvarei. Tu és meu Deus, eu anunciarei a tua grandeza.
Salmo 118.28
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
Não se preocupem com nada, mas em todas as orações peçam a Deus o que vocês precisam e orem sempre com o coração agradecido.
Filipenses 4.6
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br