6º. mandamento - Não cometa adultério.

01/12/2010

6º. mandamento - Não cometa adultério.

Por que tem sido tão difícil levar uma vida sexual responsável, amar e respeitar o cônjuge? Simplesmente porque tem faltado o essencial: Temer a amar a Deus acima de todas as coisas.

Qual foi a pergunta que Jesus fez a Pedro por três vezes seguidas? (João 21.15-17) Você me ama?

Jesus conhecia Pedro muito bem. Este Pedro, que se disse forte para defender e seguir a Jesus, acabou mostrando-se fraco e medroso, a ponto de traí-lo, o melhor, negá-lo por três vezes seguidas. Ao indagá-10, Jesus não quer saber o que Pedro fez. Jesus olha para o amor que está no fundo do coração deste homem e o faz emergir, tomar-se visível.

É exatamente esse homem fraco e culpado que é chamado por Jesus para uma grande responsabilidade. No entanto, o que vai ser determinante para o êxito da tarefa não é a força ou a capacidade de Pedro, mas sim o seu amor ao Senhor. Este sim, faz toda a diferença.

Quando não se ama ao Senhor acima de todas as coisas, é porque amamos outras coisas mais, e aí se toma muito difícil o relacionamento entre as pessoas, também entre casais, pais e filhos, etc.

Assim como Jesus confiou uma responsabilidade a Pedro depois de sua resposta. afirmativa, assim também depois do SIM diante do altar, diante de Deus, a nós é confiada uma responsabilidade muito grande, a saber: fazer o outro feliz.

Deus sabe que somos fracos, falhos, mas mesmo assim ele nos chama para esta grande responsabilidade. E só vamos dar conta dela com êxito, se por trás de tudo estiver o amor ao Senhor.

Quem ama ao SENHOR não usa, não abusa e nem se aproveita do outro. Quem ama ao Senhor não procura desfazer, menosprezar, trair, escravizar o outro. O verdadeiro amor cultiva a fidelidade, a compreensão, a franqueza, que por sua vez valoriza e perdoa o outro, e que é fruto do amor que temos por Deus.

P. Lauro E. Fleck - Marechal Cândido Rondon/PR


Oração:
Deus, através do Espírito Santo encontra, mesmo que escondido no fundo do nosso coração, o verdadeiro amor, e traze-o à tona para reger nossas relações. Dá que o amor entre nós jamais acabe, que ele seja verdadeiro, daquele que conforme o apóstolo Paulo diz: tudo sofre, tudo crê, tudo espera e tudo suporta. Amém.


Voltar para índice Anuário Evangélico 2011
 


Autor(a): Lauro Fleck
Âmbito: IECLB
Título da publicação: Anuário Evangélico - 2011 / Editora: Editora Otto Kuhr / Ano: 2010
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 32341
REDE DE RECURSOS
+
Certamente vocês sabem que são o templo de Deus e que o Espírito de Deus vive em vocês.
1Coríntios 3.16
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br