August Dietrich Rische (1819-1906)

Obra e Biografia

29/06/2012

August Dietrich Rische (1819-1906) HPD nº 31 e 209

Nasceu: 05 de fevereiro de 1819 em Minden, Alemanha.

Faleceu: 15 de novembro de 1906 em Ludwigslust (Mecklenburgo), Alemanha

August Dietrich Rische, pastor luterano, compositor e autor de hinos, era filho do registrador Ernst Heinrich Rische com Karoline Louisa Elise ns. Crisiani. August Dietrich freqüentou o ginásio em Minden, onde em 1839 fez o Abitur (Exame final que vale para entrar na universidade). Ele estudou teologia em Halle e em Münster. Nesta última prestou seus exames teológicos (1842 e 1844). Por influência de August Tholuck (1799-1877) em Halle, Rische havia passado por um re-avivamento pessoal. No ano de 1844 Rische era Vicar (fez seu estágio prático) com o pastor Johann Henrich Volkening (1796-1877) em Jöllenbeck, onde também serviu como professor particular. Este contato com o líder do movimento de re-avivamento na região de Minden e Ravensberg marcou decisivamente a vida de Rische. Em Jöllenbeck ele fundou a primeira sociedade para moços em Minden-Ravensberg. Ele incentivou a construção de um Orfanato e participou da fundação do ginásio em Gütersloh.

No ano de 1849 Ludwig Feldner (1805-1884) mandou buscar Rische para Elberfeld, para assumir o cargo de inspetor da recém-fundada Sociedade Evangélica para Alemanha. Em abril de 1850 ele foi ordenado e instalado como pastor em Lippspringe. Em maio de 1851 ele casou com Ida Volkening (a primeira filha de J.H.Volkening), com a qual teve seis filhos. Em 1852 Rische assumiu o pastorado em Schwinkendorf (Mecklenburgo). Ali, por mais de dez anos editou a Folha Dominical para as comunidades em Mecklenburgo. Após a morte prematura de sua esposa (1860, sobreparto) ele casou em segundas núpcias com Klara, a irmã da primeira esposa. Mas em 1870 ficou viúvo novamente. Em 30 de junho de 1900 Rische mudou para Ludwigslust (Mecklenburgo), onde viveu como Conselheiro Eclesiástico aposentado, até seu fim em 1906.

August Dietrich Rische defendeu a linha conservadora da ortodoxia luterana. Ele manteve amizade com os pregadores de re-avivamento como Ludwig Feldner e Johann Heinrich Volkening (1796-1877). Após o falecimento de Volkening, Rische tornou-se editor da Kleine Missionsharfe (Pequena Harpa Missionária), na qual ele já havia colaborado desde a 2ª edição (1862). Rische ficou conhecido como compositor e como autor de textos de hinos populares evangélicos, que ele fez para uso nas reuniões domiciliares de edificação, principalmente para jovens e crianças. Além disso, ele escreveu uma série de biografias de pessoas do movimento de re-avivamento. Ele estava interessado na renovação das tradições luteranas, e tentou tornar a igreja mais popular através de meios modernos (como hinos que despertam, e o cultivo de comunhão).

Entre as obras de August Dietrich Rische encontram-se: . Uma coleção de 100 hinos antigos e modernos com melodias num ritmo conhecido, 1848. . “Das geistliche Volkslied“, uma coleção de canções populares evangélicas, não destinadas para cultos, 1860. „Einfache Choralvorspiele“, prelúdios para melodias do hinário de Meklenburgo, na maioria arranjos de obras dos antigos mestres, 1870.

São da autoria de Rische: . em 1885 a melodia do hino Mit den Hirten will ich gehen (EG nº 404 na 18ª ed.) = HPD nº 31 Quero ir com os pastores de Emil Quandt, traduzido por Ruthild Brakemeier. E em 1852 a letra do hino Gott ist die Liebe, lässt mich erlösen (EG nº 469 na 18ª ed., com 10 estrofes) = HPD nº 209 Deus sempre me ama, co'amor me chama 4 estrofes traduzidas. A melodia é do folclore alemão (Turingia) de 1820.

Fonte: Wolfgang Heinrich , o artigo Rische em BBKL, Volume VIII (1994), Colunas 386-388. www.bautz.de/bbkl
 


Autor(a): Leonhard Creutzberg
Âmbito: IECLB
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Autor Letra
ID: 15650
REDE DE RECURSOS
+
Ame o Senhor, seu Deus, com todo o coração, com toda a alma, com toda a mente e com todas as forças.
Marcos 12.30
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br