Deus mora com os aflitos

Senhas diárias

23/11/2020

SENHAS DIÁRIAS - 23.11.2020
Mais uma vez o profeta está consolando seu povo. E mais uma vez ele fala palavra que Deus falaria. Ele retoma a promessa de Deus em cuidar de seu povo, mas especialmente dos humildes e aflitos. Isaías afirma que Deus mora no templo, que era edificado sobre o Monte Moriá. Por isso afirma que mora num lugar alto e sagrado. Mas, também afirma que mora com os fragilizados, os humildes, isto é, os pobres, e com o aflitos de todas as formas. Deus não permanece acima de seu povo, mas está presente em suas dores e dificuldades e se preocupa em cuidar de quem está passando necessidades e aflições. Ele não é um deus que está distante, com espectador, mas é Deus sensível às dificuldades das pessoas. Seu povo pode contar com sua presença e ação em seu meio. Ele é Deus que enxerga quem mais sofre e se coloca ao seu lado. Sua ação quer ser um exemplo de vida para todas e todos. Não ficar no templo, que é um lugar sagrado, mas misturar-se com as pessoas para aliviar suas dores e restaurar suas esperanças. Boa palavra para nós hoje.
Jesus nos mostra isso de forma radical. O evangelista descreve a cena onde Jesus vê a multidão que o segue e Ele enxerga além do físico, do material. Ele também vê a alma destas pessoas e percebe suas dores e desgraças. Por isso se propõe a ser o pastor delas. Quando lemos os Evangelhos, vemos como Jesus se identifica com quem está à margem da sociedade e precisa de cuidados. Sua atitude revela a afirmação do profeta Isaías. Deus mora no alto, nos céus, mas desceu e veio para nós, para assumir nossos pecados e nossas dores. Assim, Ele é Deus que continua se fazendo presente com seu povo e com os machucados e necessitados, pois são eles que precisam de mais cuidados por causa de sua situação de sofrimento e aflições. Não é uma opção única pelos carentes, mas é uma opção por aqueles que mais precisam ser cuidados no momento. Ele conhece as tuas e as minhas dores também. Ele conhece as tuas e as minhas aflições também. E se preocupa com cada uma delas. Não somos postos de lado para que Ele cuide só dos necessitados, mas conhece cada pessoa deste mundo e sabe tudo o que ela necessita. E é isso que Ele quer que nós façamos também. Tenhamos olhos para os sofrimentos alheios, especialmente dos mais frágeis. Confiemos em Jesus, que cuida de nós e de nossas necessidades, e também cuidemos de quem está ao nosso redor.


Autor(a): P. Luiz Carlos
Âmbito: IECLB / Sinodo: Sudeste / Paróquia: Rio Claro (SP)
Área: Confessionalidade / Nível: Confessionalidade - Prédicas e Meditações
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 60105
REDE DE RECURSOS
+
Cristo nos libertou para que nós sejamos realmente livres.
Gálatas 5.1
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br