João Dias de Araújo (1931-2014)

Obra e Biografia

29/06/2012

João Dias de Araújo (*1931) – HPD 449

O Rev. João Dias de Araújo é teólogo, advogado e hinógrafo, um dos fundadores da Igreja Presbiteriana Unida do Brasil, e fiel colaborador de todos os organismos ecumênicos mundiais (CLAI e CMI). Exerceu boa parte do seu tempo pastoral junto a Igreja Presbiteriana em Feira de Santana, Bahia.

João Dias de Araújo nasceu em 1931 num seminário da Igreja Presbiteriana do Brasil (IPB), em Campinas, SP, onde seu pai estudava para o ministério da Palavra. Retornou àquele seminário na década de 1940 para cumprir sua própria vocação. Após sua ordenação, pastoreou por sete anos a Igreja Presbiteriana de Itacira, no Presbitério de Campo Formoso, da IPB. Lá, no centro geográfico do Estado da Bahia, desenvolveu ministério fecundo, aconselhou obreiros e pacientes do Grace Memorial Hospital, professores e alunos na Escola de Auxiliares de Enfermagem e no Instituto Ponte Nova, e ajudou a organizar o Instituto Bíblico Waddell. Escreve para vários periódicos, e seu artigo sobre os Manuscritos do Mar Morto foi o primeiro sobre este assunto a ser publicado em português. Foi chamado pelo Supremo Concílio da IPB para ser professor de Teologia Sistemática e Ética Cristã no Seminário Presbiteriano do Norte (SPN), em Recife, PE, nos idos dos anos 50 e 60. Era considerado um teólogo revolucionário. Depois do Golpe de 1964, foi perseguido.

Fez pós-graduação no Seminário Teológico de Princeton, nos EE.UU. da América, e bacharelou-se em Direito, em Recife. Como representante do Fundo de Educação Teológica, viajou ao Exterior repetidas vezes, visitando seminários em países do Terceiro Mundo. Após doze anos de cátedra no SPN, saiu de Recife para ser diretor do Colégio 2 de Julho, em Salvador, BA, talvez o educandário evangélico mais conhecido no nordeste do País. Muito conhecido como conferencista e professor de Bíblia, João Dias de Araújo é ministro da Federação Nacional de Igrejas Presbiterianas (FENIP), em 1982 responsável por um novo projeto de educação teológica para leigos no Estado da Bahia. Publicou vários livros.

Em 1967, na época do regime militar no Brasil, João Dias de Araujo, então com 36 anos, fazendo mestrado em Princeton, EEUU, por sugestão do maestro João Wilson Faustini, escreveu o texto do hino “Que estou fazendo se sou cristão?”. (HPD nº 449) A melodia é do pianista e médico Dr.Décio Emerique Lauretti, 1974, que reside em Socorro, SP.

Atualmente (2010) João Dias de Araújo, 79, casado, cinco filhos, é professor do Seminário Batista do Nordeste e pastor da Igreja Presbiteriana Unida de Feira de Santana, na Bahia.

Fonte:http://www.faculdadeunida.com.br/1/artigos/inquisicao-sem-fogueiras.html www.ultimato.com.br

Nota: O pastor João Dias de Araújo faleceu no dia 9 de fevereiro de 2014.
 


Autor(a): Leonhard Creutzberg
Âmbito: IECLB
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Autor Letra
ID: 17124
REDE DE RECURSOS
+
Importa, acima de tudo, que homem e mulher convivam em amor e concórdia, para que um queira ao outro de coração e com fidelidade integral.
Martim Lutero
© Copyright 2019 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br