O que é a Ceia do Senhor?

01/12/2014

O QUE É A CEIA DO SENHOR? – A Ceia do Senhor é um Sacramento instituído pelo próprio Cristo, por grande, sincero e profundo amor em favor das pessoas. A razão deste Sacramento vem do mandamento de Cristo que o institui em sua memória: “Fazei isto em memória de mim” (Lucas 22.19; 1 Coríntios 11.24). A Ceia do Senhor tem como ênfase a anamnese (memória). Não uma memória estática, uma lembrança que nada produz ou por puro sentimentalismo. Pelo contrário, esta memória tem por objetivo enaltecer, ouvir, pregar, louvar, agradecer e glorificar a graça que Cristo nos mostrou nele. A Ceia do Senhor é um rememorar que leva a confessar e testemunhar a ação de Jesus Cristo em nosso favor. É assim que o testemunha a palavra da instituição: “dado por vós”.

Ao celebrar e participar da Ceia do Senhor rememoramos, isto é, tornamos concreta, presente a ação do próprio Cristo por nós.. Cristo é presente em corpo e sangue no pão e no fruto da videira. Martim Lutero o explica assim no Catecismo Menor: “É o verdadeiro corpo e sangue de nosso Senhor Jesus Cristo para ser comido por nós, cristãos, sob o pão e o vinho.” Assim como o pão e o fruto da videira entram em nós e se tornam um em nosso corpo, assim a vitória sobre o pecado, sobre a morte, a nova vida que Cristo alcançou, entram e se integram em nosso ser.

A Ceia do Senhor é Eucaristia: ação de graças. Louvamos o Cordeiro de Deus e reconhecemos tudo o que nos concede. É na ação de graças que somos estimulados à fé e ao amor a Deus e ao nosso próximo. A Ceia do Senhor, a Eucaristia, é o alimento que nos fortalece para realizarmos boas obras e para resistir aos pecados e tentações. É pela Ceia do Senhor que o cristão se renova e cresce em Cristo, tendo real comunhão com Deus e com o seu próximo a partir da fé. Martim Lutero afirma no escrito, Um Sermão sobre o Venerabilíssimo Sacramento do Santo e Verdadeiro Corpo de Cristo e sobre as Irmandades, o seguinte: “... o sacramento é para nós um vau, uma ponte, uma porta, uma embarcação e uma maca na qual e pela qual passamos deste mundo para a vida eterna”.

A Ceia do Senhor é graça divina. Nada há que possamos fazer para merecê-la. A Ceia do Senhor é ação de Deus em nosso favor para consolo e salvação. Desta forma devemos participar com alegria e entusiasmo, reconhecendo que o próprio Cristo entra em nossa vida. Não comemos mero pão, nem bebemos qualquer bebida, mas nos alimentamos do próprio Cristo, do seu sacrifício, que em amor nos une consigo e com o nosso próximo.

Pastor Carlos Romeu Dege


Oração:

Amado Senhor, graças te dou por vires a mim, mesmo sendo indigno. Alimenta-me com o teu Sacramento e fortalece a minha fé, para que possa viver seguro em teu amor e, assim, unido aos meus semelhantes, resistir ao mal e testemunhar o teu amor em palavras e ações. Amém.


Voltar para índice Anuário Evangélico 2015


Autor(a): Carlos Romeu Dege
Âmbito: IECLB
Título da publicação: Anuário Evangélico - 2015 / Editora: Editora Otto Kuhr / Ano: 2014
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Meditação
ID: 35007
REDE DE RECURSOS
+
Quisera não ter outro pensamento que este: a ressurreição aconteceu para mim!
Martim Lutero
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br