Pentecostes

Caderno de Celebrações 2014/2015 - Diaconisa Siglinda Braun Schliwe

25/04/2015

CULTO PARA ABRIL 2015 - PENTECOSTES
Departamento de Música e Liturgia do Sínodo da Amazônia
Leituras Bíblicas: João 20.19-23 e Atos dos Apóstolos 2.1-21
Diaconisa Siglinda Braun Schliwe – Ariquemes/RO

 

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
Como é bom chegar à casa de Deus! Ainda mais hoje, um domingo muito especial, por que celebramos o aniversário da Igreja Cristã. É Pentecostes. No evangelho de João cap. 14. Ver. 27. Jesus Cristo diz: “Deixo com vocês a Paz. É a minha Paz que eu lhes dou; não lhes dou a Paz como o mundo dá. Não fiquem aflitos e não tenham medo”. Animados e movidos pelo Espírito Santo que nos proporciona a Paz, nos reunimos em culto. Sejam todos muito bem vindos e bem vindas todas as pessoas da comunidade e também pessoas que nos visitam. (a comunidade pode sentar)

CANTO DE ENTRADA
N.º 49 do Entre Nós Está - ENE e N.° 437 do HDP II - Quando o Espírito de Deus soprou

Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO
A graça e a Paz do nosso Senhor Jesus, nosso libertador e salvador, o amor de Deus que nos ama como Pai e cuida de nós com carinho de Mãe, e a comunhão do Espírito Santo, que nos consola, anima e orienta, sejam com todos e todas nós, em especial agora e para sempre. Amém.

CANTOS DE INVOCAÇÃO
Nº 50 do Entre Nós Está - ENE: e N.º. 365 do HPD II – Vem, Espírito Santo
Ou: Nº ____________________________________________________

CONFISSÃO DE PECADOS
“Quando o Auxiliador vier, ele convencerá as pessoas do mundo de que elas têm uma ideia errada a respeito do pecado e do que é direito e justo e também do julgamento de Deus”. Jo 16. 8. Após ouvirmos estas palavras de Jesus e por estarmos reunidos na presença do Senhor, reconhecemos e confessemos humildemente os nossos pecados. Quem puder que se coloque em pé.

Oremos: Senhor, obrigado por que cumpriste a tua promessa de enviar-nos o teu Espírito. Ele nos encoraja a chegarmos a ti com inteira confiança para confessar-te que somos filhos e filhas desobedientes a ti. A nossa fé é fraca. Nosso amor é falho. Muitas vezes não conseguimos nos relacionar em harmonia com as pessoas da nossa família, com vizinhos e pessoas com as quais trabalhamos. A paz que tu queres que seja vivida entre nós é ocupada por rancores, ciúmes e ódio. A consequência disso é que o nosso testemunho não tem força ou vigor e a nossa vida pouco reflete do infinito amor que tens demonstrado para conosco. Por todos estes pecados e outros que estão calados em nossas mentes e corações queremos te pedir perdão. Sim, por teu grande amor pedimos: perdoa-nos, Senhor, e dê-nos a graça de um novo começo. Amém.

ANÚNCIO DO PERDÃO
Em sua palavra em Ezequiel 11 versículo 19 Deus promete ao que se arrepende e ao que pede perdão humilde e confiantemente o seguinte: “Eu lhes darei um coração novo e uma nova mente. Tirarei deles o coração de pedra, desobediente e lhes darei um coração humano e obediente. Assim eles cumprirão as minhas leis e obedecerão fielmente os meus mandamentos, e eu serei o Deus deles”.
KYRIE
No mundo em que vivemos, seja próximo de nós ou distante de nós, temos muitos tipos de sofrimento devido a falta da vivência e busca pela Paz entre os seres humanos e também não há paz irmanada com justiça, bem como toda a criação geme de dor. Por isso cantemos: Tem Senhor Piedade, tem Senhor piedade, tem Senhor piedade. (ou poderá se cantada o hino: Pelas dores neste mundo)

GLÓRIA IN EXCELSIS
Através do Espírito Santo Deus nos guardou e protegeu até aqui, nos amparou nas alegrias e dificuldades, em especial neste culto Deus vem e se manifesta a nós por meio de sua Palavra. Por isso, vamos expressar o nosso louvor: Cantando: Glória, glória, glória a Deus nas alturas. Glória, glória, paz entre nós, paz entre nós.

ORAÇÃO DO DIA
Oremos: Amado Deus, tu que enviaste o Espírito Santo aos teus discípulos, dando-lhes coragem para falar da tua mensagem em muitos lugares e regiões, iluminando vidas e criando a primeira comunidade Cristã, nós te pedimos: concede a nós também vigor e poder do teu Espírito Santo, para que possamos ser luz e anunciar a tua vontade. Ilumine os nossos corações e as nossas mentes para conhecermos a tua palavra orientadora em meio a tantas vozes e espíritos querendo nos iludir. Isto nós te pedimos por Jesus Cristo, teu Filho, que contigo e com o Espírito Santo vive e reina eternamente. Amém!

HINO - N.º 191 do Entre Nós Está – ENE e N.º 170 do HPD I – Nem só Palavra e o amor
Ou Nº________________________________________

LITURGIA DA PALAVRA

1ª Leitura Bíblica: Evangelho de João 20.19-23

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
Nº 195 do Entre Nós Está- ENE e N.º 380 do HPD II- A tua Palavra é semente.
Ou Nº_________________________________________

2ª Leitura Bíblica: Atos 2.1-21

PREGAÇÃO
Querida comunidade! Celebramos hoje a festa de Pentecostes. Recordamos que esta festa já era celebrada muito antigamente pelos povos, era uma festa judaica muito antiga, celebrada 50 dias após a Páscoa. A leitura de Atos e o evangelho descrevem o pentecostes cristão, narram sobre a vinda do Espírito Santo sobre os seguidores de Jesus e o surgimento das comunidades. Esse mesmo Espírito Santo que se fez presente na Igreja missionária é o mesmo que esteve presente no início da vida missionária de Jesus. Se a ação missionária teve muitos frutos é por que ao descer o Espírito Santo sobre os discípulos e discípulas este encontrou espaço para agir. A pergunta é: damos nós espaço para que o Espírito Santo ilumine e oriente a nossa vida pessoal e comunitária? Damos nós Espaço para Ele agir e assim permitir que O mesmo nos movimente e impulsione?
No texto de Atos dos Apóstolos que ouvimos nos é dito que os discípulos estão reunidos numa casa ou sala. Eles estão trancados. Quanta coisa não passa nas mentes deles enquanto estão esperando? De repente vem sobre eles o fogo do Espírito em forma de línguas, sobre cada um deles. E logo os discípulos com coragem, entusiasmo e sabedoria saem pelas ruas e começam a falar do Cristo ressuscitado. Agora eles os discípulos são os missionários de Jesus. Nasce a Igreja. O povo não entende no primeiro momento. Fica espantado e questiona: “Como os escutamos na nossa língua?” Como pode isso que é possível entender o que eles falam? A resposta é: onde o Espírito de Deus reina há compreensão, há entendimento entre as pessoas. Gostaria de trazer o exemplo da construção da Torre de Babel em Gênesis capítulo 11. Na medida em que as pessoas estavam construindo a Torre as pessoas não se entendiam mais. A comunicação estava difícil e por isso se separaram por que queriam subir, queriam chegar ao céu e queriam engrandecer o seu nome. Cada qual estava preocupado com seu prestígio e a sua fama e com isso o diálogo, a compreensão e o entendimento deixou de existir. Houve confusão e separação. Ao contrário de Pentecostes onde com a vinda do Espírito Santo de Deus os discípulos permitiram mudança dentro delas, se encorajaram e tiveram vigor. No entanto, também foram humildes e criou-se outra linguagem. A linguagem do amor. Assim, foi possível surgir comunidade, igreja que iria testemunhar o amor de Deus neste mundo. A Igreja, que é o corpo de Cristo, desde aquele tempo, sempre teve a nobre missão de testemunhar o Amor de Deus manifestados nas ações diaconais que promovem a paz.
Conforme o texto do Evangelho de João 20.19-23 o dom do Espírito Santo é colocado no dia da páscoa. As portas fechadas e o medo mostram a situação de uma comunidade, que se sente desamparada, desorientada e insegura. No entanto, Jesus não desampara, Ele vai lá, aparece no meio deles e lhes deseja a Paz. A paz que o mundo não pode dar. Logo também confia aos discípulos a Missão: “Como o Pai me enviou, eu vos envio”. Então “Soprou” sobre eles e falou: “Recebei o Espírito Santo”. Missão esta que se concretizou mais tarde.
Com a vinda do Espírito Santo, com o Pentecostes Deus, por Jesus Cristo se faz presente na vida da Igreja e dá um rumo certo. Assim como vento empurra, faz mover e renova o ar viciado e faz andar assim é o Espírito Santo na vida da Igreja. O Espírito Santo é comparado com fogo. Este aquece, ilumina assim é Deus: coloca vida nas pessoas/comunidades que estão trancadas e com medo para fazer Missão e a promessa é de que Deus não abandona os que nele confiam. Deus não é um Deus ausente, mas presente em meio à sua Igreja que prega a palavra e serve com gestos e atitudes de amor. Também nós, com o sopro da vida podemos vencer os medos e as limitações e dar testemunho por que não estamos sozinhos e sozinhas.
Outro aspecto é que na Igreja, ou seja, numa comunidade há diversidades, todas as pessoas são diferentes entre si, mas apesar das diferenças, apesar da diversidade dos membros e das funções, o Corpo é um só. O mesmo Espírito que alimenta e dá vida a esse Corpo.
Onde e quando nós recebemos o Pentecostes em nossa vida? A resposta é: no batismo, sim é no batismo que recebemos a plenitude do Espírito Santo para também cumprir a nossa missão no mundo. A Igreja continua sendo recriada pelo Espírito Santo. Podemos dizer: o Espírito Santo é a alma da Igreja Cristã.
Já que cada um de nós recebeu o Espírito Santo no batismo, recebemos o Sopro da VIDA, para nos sustentar também nós somos enviados e enviadas para promover a Paz. Recebemos a missão de realizar um conjunto de tarefas na construção da vida da comunidade e entre outras como, por exemplo, PERDOAR E TER MISERICÓRDIA. Estas são atitudes Cristãs que geram paz. Queira Deus nos abençoar neste SERVIR NA COMUNIDADE, SERVIR QUE TRAZ A PAZ NA COMPANHIA E PRESENÇA DO ESPÍRITO SANTO DE DEUS. AMÉM.

HINO
Nº 47 do Entre Nós Está – ENE e do HPD I N.º 76 Espírito Verdade

CONFISSÃO DE FÉ
Em resposta à mensagem que ouvimos vamos dizer em conjunto as palavras do Credo Apostólico.

Creio em Deus Pai...

CANTO PÓS-CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas – coletas – ver antes o destino da coleta)

Nº 46 do Entre Nós Está - ENE e N.° 318 do HDP II Hinário – Vem, Espírito de Deus

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO
Motivos de Oração:
1. Aniversariantes
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________
(costura) Vamos mais uma vez falar com Deus. Acheguemo-nos a Ele com fé e confiança, quem puder que se coloque de pé.
OREMOS: Querido e amado Deus! Estamos diante de ti alegres e confiantes por que tivemos a oportunidade de ouvir a tua Palavra num dia tão especial como hoje em que a Tua Igreja está de aniversário. Estamos alegres, pois tu mesmo crias sustentas e impulsionas as comunidades através do teu Espírito Santo. Tu nos redimiste dos nossos pecados através de Jesus Cristo e nos acolhes como teus filhos e filhas através do batismo, por isso, hoje nos sentimos acolhidos e acolhidas na tua Igreja. Suplicamos de coração, nosso Deus, para que nunca nos esqueçamos de tua misericórdia e bondade; e que em gratidão possamos te servir promovendo a Paz.
Suplicamos que teu Santo Espírito esteja presente na Igreja como um todo, em especial rogamos pelos Sínodos e suas comunidades, impulsionando para uma vida ativa, missionária e comprometida com o teu chamado e o teu envio.
Suplicamos que teu Espírito Santo toque os corações das autoridades do nosso país, que sejam orientados e capacitados pelo teu Espírito para exerçam suas funções com sabedoria e dignidade.
Trazemos diante de ti de forma especial as pessoas enfermas, com dificuldades e privações em suas vidas (citar aqui os nomes, caso houverem____________________________). Que estas pessoas possam ser fortalecidas em sua fé e que o toque da tua mão possa amparar e curar.
Ó Deus da Vida, temos pessoas em nossas comunidades que estão alegres pelo dom da vida, que celebram mais um aniversário com alegria e gratidão. (citar nomes, caso houverem__________________).
Que o Espírito da união possa estar presente, nos reconciliando sempre de novo, nos animando para uma presença diaconal no mundo.
Os demais pedidos e agradecimentos que estão calados em nossas mentes e corações queremos trazer na oração que Jesus nos ensinou a orar assim:
Pai nosso que estás no céu...

LITURGIA DE DESPEDIDA

AVISOS
Próximo Culto: ___/___/______ às ___:___ h.
Oferta último Culto: R$ _________ - destinada para ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

BÊNÇÃO
Quem puder que se coloque de pé. Vamos cantar o hino da bênção: Deus te abençoe, Deus te proteja, Deus te dê a Paz, Deus te dê a paz. (sugerir para a comunidade que se sentir à vontade que coloque a mão sobre o ombro da pessoa que está do nosso lado para pedir a bênção).

ENVIO
Vão em Paz e, orientados pelo Espírito Santo, sirvam ao Senhor com alegria.

CANTO FINAL
Fica a critério da liderança.
 


Autor(a): Diaconisa Siglinda Braun Schliwe
Âmbito: IECLB / Sinodo: Amazônia
Natureza do Domingo: Pentecostes

Título da publicação: Caderno de Celebrações - Sínodo da Amazônia / Ano: 2014
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 26488
REDE DE RECURSOS
+
Quem conhece Deus também conhece as criaturas, as compreende e as ama, pois, nas criaturas, estão as pegadas da divindade.
Martim Lutero
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br