Proclamaram anjos mil

Comentário e Reflexão

29/06/2012

HPD 313 - Proclamaram anjos mil

“The First Nowell” (também escrito “The First Noel”) é uma tradicional música natalina inglesa, provavelmente do século 18, embora possivelmente mais cedo (sec. 16). A palavra Noel vem da palavra francesa Noël significa Natal, que vem da palavra latina “natalis” = nascimento. As seis estrofes narram com singeleza o que se passou no primeiro Natal.

Na sua forma atual, a canção é de origem da região de Cornwall1 , e foi publicado pela primeira vez 1823, em Christmas Carols Ancient and Modern de Davi Gilbert; mas sua divulgação se fez através da coleção Gilbert and Sandys Christmas Carols (1833) que foi publicada em Londres, em 1833, por William B. Sandys (1792-1874)2 e organizado, editado e escrito em tipos especiais por Davi Gilbert. Hoje, o cântico é geralmente apresentado num arranjo de quatro vozes feito pelo compositor e organista inglês John Stainer (1840-1901), publicado pela primeira vez na sua Christmas Carols, novos e antigos de 1871.

A melodia não é comum entre as melodias populares inglesas, pois ela consiste de uma frase musical repetida duas vezes, seguida de uma variação sobre esta frase. O refrão, também é excepcional, apenas repete a melodia do verso. Supõe-se que se trata de uma corruptela (arranjo) de uma melodia cantada originalmente em uma galeria da igreja e chamada de The First O Well. Uma reconstrução conjectural da versão anterior pode ser encontrada em New Oxford Book of Carols.

O texto foi criticado como sendo uma tentativa sincera, devota de um camponês para pôr a história de Natal em rima. Caçadores de sutilezas também gostam de mostrar que a canção contém algumas inexatidões históricas. Porém, uma vez deixadas de lado as críticas, a maioria dos peritos canta este hino ao lado dos clássicos do gênero. Até mesmo os críticos mais severos suavizam a análise final deles e julgam o canto natalino melodioso, cheio de alegria e vigor, e concordam que sempre será um favorito por causa de sua sinceridade e simplicidade. De fato é simples, não espetacular e não altamente estético. Ao mesmo tempo, é confortável, amável e duradouro.

A tradução para o português de “O primeiro Natal” foi feita em 1941 por Dona Ruth See, dedicada missionária e educadora que veio dos EEUU da América em 1900, dando o melhor de si para a mocidade brasileira. Exerceu o magistério no Instituto Evangélico de Lavras (hoje Gammon Instituto) e, a seguir, em Bom Sucesso, Campo Belo e Nepomuceno. Em 1947 encontra-se na cidade de Formiga, MG, ainda em proveitosa Atividade. Faleceu no ano 1960.

Fontes: Wikipedia the free encyclopedia http://en.wikipedia.org/wiki/The_First_Nowell
http://www.carols.org.uk/the_first_noel.htm
http://www.niu.edu/PubAffairs/RELEASES/2006/nov/Nowell.shtml 
Henriqueta Rosa Fernandes Braga “Cânticos do Natal”, Kosmos Editora, Porto Alegre, 1947¹, pág.81.

Notas:

1  Há um equívoco de que o First Noel originasse da França. Acredita-se que isso é por causa da ortografia francesa de Noel ao contrário do antiga grafia anglo-saxónica Inglês da palavra como em Nowell.

2  William B. Sandys (1792-1874) advogado de profissão que aliava ao entusiasmo de músico amador a dedicação de crente fervoroso. A Inglaterra deve-lhe a intensificação do costume de celebrar o Natal com hinos apropriados, ao invés de profaná-lo por comemorações inadequadas.
 


Autor(a): Leonhard Creutzberg
Âmbito: IECLB
Hino: 313. Proclamam anjos mil
Natureza do Texto: Música
Perfil do Texto: Comentário ou reflexão sobre hino
ID: 18560
REDE DE RECURSOS
+
Quem quiser ser importante, que sirva aos outros.
Mateus 20.26
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br