Concílio da Igreja



ID: 2273

Participação do Sínodo Norte Catarinense no XXIX CONCILIO DA IGREJA

15/10/2014

A Paróquia de Rio Claro e o Sínodo Sudeste sediam o XXIX Concílio da IECLB, que acontece nos dias 15 a 19 de outubro, na cidade de Rio Claro/SP, sob o tema “viDas em comunhão”, em sintonia com o Tema do Ano da IECLB para 2014.

O Concílio da Igreja, órgão deliberativo máximo da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - IECLB, é realizado ordinariamente, a cada dois anos, sempre em uma Comunidade diferente da IECLB.

Entre representantes, lideranças, delegados, convidados ecumênicos e equipe de apoio, participam do Concílio em torno de 200 pessoas.

O Sínodo Norte Catarinense encontra-se assim representado: Pastor Sinodal Inácio Lemke, P. Claudir Burmann, Tonio Tromm e Kathleen Hoberg Andre.

A importância do Concílio
Conforme o Regimento Interno da IECLB, temos a seguinte importância do Concílio:

Título III – Da estrutura central,
Capítulo I – Do Concílio,
Seção I - Disposições Preliminares,
Art. 49 - O Concílio é o órgão deliberativo máximo da IECLB, cabendo-lhe definir a linha programática de atuação da Igreja em todo o seu território, e, além de decidir e legislar sobre toda e qualquer matéria de interesse da Igreja, compete-lhe, especialmente:
I - fixar as diretrizes que assegurem, entre as Comunidades, Paróquias e Sínodos, a unidade doutrinária e a identidade confessional da IECLB;
II – estabelecer os planos de ação para atuação da Igreja no território brasileiro e para a sua atividade missionária no exterior;
III - promover o debate e a reflexão sobre os temas fundamentais de interesse da Igreja, visando fortalecer e aprofundar a comunhão entre as Comunidades, Paróquias e Sínodos na sua ação evangelizadora, missionária, diaconal e catequética;
IV - propiciar condições que facilitem aos membros das Comunidades o exercício dos seus dons na missão da Igreja, na perspectiva do sacerdócio geral de todos os crentes e do ministério compartilhado;
V – zelar para que a ordem e a disciplina evangélica sejam observadas por suas Comunidades, seus membros, obreiros e instituições;
VI - criar condições para que seus obreiros e colaboradores voluntários recebam formação adequada para atuação nos seus diferentes campos de trabalho;
VII - alterar disposições da Constituição e aprovar o Regimento Interno e demais documentos normativos da IECLB;
VIII - aprovar a criação e extinção de Sínodos, e estabelecer critérios gerais para subdivisões e alterações das áreas que os constituem;
IX - estabelecer critérios sobre a política de subsistência dos obreiros;
X - aprovar os relatórios anuais do Pastor Presidente e do Secretário-Geral, o Balanço Geral e a proposta orçamentária para o exercício seguinte;
XI - eleger o Pastor Presidente, os Pastores Vice-Presidentes, Presidente, Primeiro Vice-Presidente e Segundo Vice-Presidente do Concílio, e realizar as demais eleições previstas nos documentos normativos da Igreja.
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Assim, outros carregam o meu fardo, a força deles é a minha. A fé da minha Igreja socorre-me na perturbação. A oração alheia preocupa-se comigo.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
Tu és o meu Deus, eu te louvarei. Tu és meu Deus, eu anunciarei a tua grandeza.
Salmo 118.28
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br