Luteranos em Contexto



ID: 2650

Mensagem da Presidência - Dia da Reforma - 2010

31/10/2010

Neste 31 de outubro estaremos celebrando não apenas as importantíssimas eleições presidenciais no país. Trinta e um de outubro também é a data em que se comemora o Dia da Reforma. E isto a cada ano, desde 1517. Em 1517, quase 500 anos atrás, o Reformador Martin Lutero afixou na porta da igreja do castelo da cidade de Wittenberg as famosas 95 teses.

Nelas, Lutero enfatizou que a graça de Deus é um tesouro, tesouro excelente que é concedido para a nossa salvação. Esse tesouro da salvação nós acolhemos em fé, sem qualquer mérito de nossa parte. E a partir desse presente gracioso recebido de Deus, somos também livres para louvar a Deus e servir a nosso próximo.

Mil quinhentos e dezessete – 2017, teremos os 500 anos deste evento espetacular, que então estaremos comemorando de uma maneira bem especial. Estamos portanto na contagem regressiva que nos levará a essa data tão significativa para a vida das igrejas da cristandade como um todo. Como celebrar? Não em um sentido triunfalista. Por mais orgulhosos que possamos estar daquele gesto, daquela ação e daquela redescoberta que o Reformador Martin Lutero fez da mensagem central do Evangelho – salvação por graça e fé. Não em um sentido triunfalista. Mas em um sentido de testemunho, de divulgar essa boa mensagem então redescoberta. Também não em um sentido confessionalista, como se fosse mérito das igrejas luteranas. Lutero nunca quis criar uma igreja própria, mas quis dar a sua contribuição na vida de toda a igreja. Portanto, temos um sentido ecumênico universal no ser igreja. Essa dimensão deve ser preservada e nelas queremos expressar a nossa gratidão pelo dia da Reforma, por aquele acontecimento de 1517.

Uma forma muito criativa de celebrar os 500 anos da Reforma de Lutero é o projeto de implantação do Jardim Lutero, nas proximidades do castelo da igreja de Wittenberg. Trata-se de um projeto paisagístico onde serão plantadas 500 árvores, representando os 500 anos desde a Reforma. Em julho passado, como pastor presidente da IECLB, tive oportunidade de plantar a nossa árvore e participar também do plantio de uma árvore para a Igreja Evangélica Luterana do Zâmbia, que a IECLB decidiu patrocinar. O plantio dessas árvores representa a comunhão luterana no mundo inteiro.

Aqui, na própria IECLB plantamos uma árvore no pátio da Casa Matriz de Diaconisas em São Leopoldo (RS), onde o Conselho da Igreja costuma se reunir. Por ocasião da última reunião do Conselho, em julho, sob chuva, plantamos uma árvore, na IECLB, que nos vincula àquele jardim.

Também comunidades, sínodos e entidades que assim desejarem poderão, em algum lugar significativo para sua vida, plantar uma árvore que as vincule ao Jardim Lutero. É uma possibilidade aberta, colocando-se uma placa alusiva a esse evento, a essa ocasião. Quem sabe em algumas localidades o diálogo com autoridades civis possa resultar na implantação de um Jardim Lutero ou Bosque Lutero comemorativo aos 500 anos.

Como essa data se aproxima, os preparativos devem iniciar agora. Todas e todos estão convidadas e convidados a participar simbolicamente desse evento, recordando que em 31 de outubro de 1517, a ocasião simbólica da redescoberta do Evangelho, da Graça e da Fé pode ser comemorado com gratidão e alegria, para assim podermos louvar a Deus e servirmos ao nosso próximo.

Walter Altmann
Pastor Presidente da IECLB

MÍDIATECA

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Nenhum pecado merece maior castigo do que o que cometemos contra as crianças, quando não as educamos.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Deus, ao atender uma oração, atende-a de modo maravilhoso e rico, assim que o coração humano é por demais apertado para poder compreendê-lo.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br