Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil e Ecumene



ID: 2676

Hospital Augusta Victoria inicia vacinação contra COVID-19

Prioridade é dada ao corpo clínico do Hospital em Jerusalém Oriental

06/01/2021

Funcionários do HAV iniciam a vacinação do seu corpo clínico. (Fotos: LWF/ E.Shaheen)
Funcionários do HAV trazem as vacinas em caixas frias.Os funcionários do Hospital serão os primeiros a serem vacinados.
1 | 1
Ampliar

(LWI) - As aplicações de vacinas contra o COVID-19 começaram a ser efetuadas no Hospital Augusta Victoria (HAV) da Federação Luterana Mundial (FLM) em Jerusalém Oriental. As primeiras vacinas foram administradas aos funcionários do hospital em 31 de dezembro de 2020.

O Hospital Augusta Victoria Hospital (HAV) faz parte da Rede de Hospitais de Jerusalém Oriental, um grupo de seis instituições de saúde que oferecem tratamento especializado para palestinos que vivem na Cisjordânia e em Gaza. Como esses hospitais estão sob a jurisdição do Ministério da Saúde em Israel, eles estão incluídos na campanha de vacinação israelense. “O Ministério da Saúde selecionou três hospitais em Jerusalém Oriental para realizar vacinações para todos os médicos e outros funcionários do hospital em Jerusalém Oriental”, explicou Sieglinde Weinbrenner, representante da FLM em Jerusalém. A equipe do hospital iniciou a campanha com a vacina BioNTech / Pfizer, que foi aprovada em Israel.

300 pessoas por dia

O HAV está vacinando seu pessoal e os do Hospital do Crescente Vermelho. O HAV tem a capacidade de vacinar até 300 pessoas por dia, mas pode aumentar isso para mais pessoas.

Embora estejamos aliviados por poder proteger nossa equipe, estamos mais preocupados com a situação em Gaza e na Cisjordânia, diz Maria Immonen, diretora do Serviço Mundial da FLM

O HAV oferece tratamentos oncológicos e de diálise pediátrica, que não estão disponíveis em Gaza ou na Cisjordânia. “A vacinação no HAV neste momento visa proteger a equipe médica e hospitalar, e ainda não se destina à população em geral”, diz Weinbrenner. O Ministério da Saúde de Israel vai coordenar a vacinação dos 350 mil palestinos que vivem em Jerusalém Oriental, acrescenta Weinbrenner, com prioridade para grupos de alto risco e pessoas com mais de 60 anos.

Preocupação com os palestinos na Cisjordânia e Gaza
 

“Embora estejamos aliviados por poder proteger nossa equipe, estamos preocupados com a situação em Gaza e na Cisjordânia”, disse Maria Immonen, Diretora do Serviço Mundial da FLM. De acordo com o Escritório das Nações Unidas para Assuntos Humanitários (OCHA), a Autoridade Palestina se candidatou para receber apoio financeiro da iniciativa COVAX. COVAX é um mecanismo global de compartilhamento de risco da Organização Mundial da Saúde (OMS) para dar aos países de baixa e média renda acesso equitativo a uma vacina contra o COVID-19.

Enquanto esse pedido está sendo processado, a Autoridade Palestina está desenvolvendo um Plano Nacional de Implantação e Vacinação contra o COVID-19 para delinear estratégias para implementar e monitorar a vacinação nos Territórios Palestinos.

“É importante observar como é difícil estabelecer os esquemas de vacinação em todo o mundo, como evidenciado diariamente nos noticiários internacionais. Os países em desenvolvimento enfrentam enormes desafios, visto que as infraestruturas de saúde e as capacidades logísticas são fracas e frágeis ”, disse Immonen.

“Se já é difícil em países desenvolvidos é muitas vezes mais complicado em países que lidam com conflitos, desastres naturais e outros desafios humanitários. Todos devem promover esforços para apoiar a igualdade de acesso à vacina. A pandemia não poderá ser controlada sem um esforço global ”.
FLM/ C. Kästner


O Hospital Augusta Victoria localizado no Monte das Oliveiras em Jerusalém Oriental é um centro de excelência médica e oferece tratamento que protege as vidas de 5 milhões de palestinos na Cisjordânia e Gaza. O HAV oferece atendimento especializado que não está disponível em outros hospitais na Cisjordânia e Gaza, incluindo terapia de radiação para pacientes com câncer e hemodiálise pediátrica.
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Quanto mais a gente de embrenha na Criação, maiores os milagres que se descobre.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Quisera não ter outro pensamento que este: a ressurreição aconteceu para mim!
Martim Lutero
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br