Capela de Cristo Luterana - Boletim Expresso - Nº 368 – 171026 - 500 Anos Reforma - Dia da Igreja

Deus aceita as pessoas por meio da fé que elas têm em Jesus Cristo. É assim que ele trata todos os que crêem, pois não existe nenhuma diferença entre as pessoas. Romanos 3,22

26/10/2017

 

Caros Membros e Amigos da Paróquia Vila Campo Grande!

Muitas pessoas dizem que tudo na vida se resume a uma questão de preço. Dizem que pagando o suficiente as pessoas fazem qualquer coisa. Cada pessoa tem o seu preço... Será mesmo?

Nestes comemoramos os 500 anos da Reforma Protestante. É uma história que tem tudo a ver com alguém que o mais importante bem da nossa vida não pode ser comprado por nenhum dinheiro ou por nenhuma obra do mundo.

Martim Lutero queria muito ter a certeza do amor de Deus. Ele estava disposto a pagar qualquer preço para alvançar este objetivo. Mas quanto mais ele se esforçava tanto mais ele percebia que continuava sem esta certeza.

Nesta agonia ele finalmente descobre a graça de Deus. A certeza do amor de Deus só se recebe de graça aceitando a oferta de amor de Deus. Esta descoberta colocou em cheque todo sistema da vida religiosa baseada nas obras religiosas para alcançar a salvação, sejam estas penitências, promessas, vida religiosa ou indulgências.

Somos herdeiros deste movimento e vivemos num mundo onde se compra e vende praticamente tudo. A herança da reforma nos ensina o valor da vida e o valor de cada pessoa, pois »Deus aceita as pessoas por meio da fé que elas têm em Jesus Cristo. É assim que ele trata todos os que crêem, pois não existe nenhuma diferença entre as pessoas. (Romanos 3,22).«

Vamos comemorar este legado precioso neste domingo no Dia da Igreja da Igreja Evangélica Luterana de São Paulo. na Igreja da Paz, Rua do Verbo Divino, 392, Santo Amaro , com o Culto às 10:30!

Saudações até domingo!

P. Guilherme Nordmann



AGENDA: veja também www.facebook.com/capeladecristo
 
Bazar da Capela  terças e quintas 14:30-17:30h
 Domingo
29/10/2017
  Memória
500 Anos
da Reforma
Não haverá Culto na Capela de Cristo!
Dia da Igreja na Igreja da Paz em St. Amaro
Rua Verbo Divino,392, São Paulo/SP
Sábado
04/11/2017
15:00 hs: Encontro de Confirmandos
Domingo
05/11/2017
20º Domingo
após
Pentecostes
 
10:30 hs: Culto com Santa Ceia (P. Guilherme)
Texto da prédica: Mateus 23,1-12
 
12:00 hs: Ensaio do Coral
 
 
Palavra da Semana - Para nossa reflexão
 
 
O MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA PARA O DIA DA REFORMA - 2017
 

Irmãs e irmãos da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil!

Quem de nós não gosta de comemorar? Co-memorar é recordar e festejar em conjunto! Comemoramos o aniversário, o casamento, a formatura. Comemoramos para agradecer, para nos alegrar com a família e pessoas amigas. Na IECLB, comemoramos muitos eventos em Comunidade. Neste ano, 2017, comemoramos algo muito especial para a história da Igreja: os 500 anos da Reforma!

Na comemoração do Jubileu, precisamos ter cuidado: não podemos trocar o presente pelo embrulho, ou seja, o presente do Jubileu da Reforma não é Martim Lutero. O presente desse Jubileu é o Evangelho de Jesus Cristo. O presente dessa comemoração é aquilo que Deus fez e faz por nós por meio de Jesus Cristo: em Cristo, nós somos irmãs e irmãos resgatados do poder do pecado e da maldade para viver vida alegre, livre e responsável mediante a graça de Deus.

Há uma frase genial de Lutero que nos permite compreender a nossa liberdade e a nossa responsabilidade a partir da graça de Deus. Diz Lutero: Diante de Deus, pela fé, és livre de tudo, mas, junto aos seres humanos, és servo, serva de todos e todas pelo amor. Pela fé e sob a graça de Deus, vivemos, nos movemos e existimos, diz o Lema da nossa Igreja neste ano, segundo Atos 17.28.

Pela fé e sob a graça de Deus, vivemos, nos movemos e existimos em liberdade responsável. Deus não nos submete a leis e regras. Pela fé, o amor expresso no serviço – a diaconia – é que determina a nossa relação com Deus, com as pessoas e com a Criação toda. É essa relação entre liberdade e serviço de amor que define a tarefa da Igreja, por isso o Tema do Ano da IECLB relaciona alegria e compromisso: Alegres, jubilai! Igreja sempre em Reforma: agora são outros 500.

Somos livres para levar uma vida de agradecida resposta ao dom divino da salvação. Como pessoas que amou, Deus teve e tem compaixão de nós a cada novo amanhecer. Recebemos dele a capacidade para sermos mensageiras da paz, da justiça e da reconciliação em nosso mundo. Somos livres para servir!

A IECLB é Igreja oriunda da Reforma. Como tal, a sua raiz está no Evangelho de Jesus Cristo. Tendo o Evangelho como fundamento, a IECLB tem o que co-memorar no Jubileu dos 500 anos da Reforma.

Somos Igreja que acredita na força do Sacerdócio de todas as pessoas batizadas. O trabalho voluntário é um dos nossos maiores bens na ação missionária. A IECLB ordena mulheres há várias décadas. As diferentes ênfases ministeriais – Catequética, Diaconal, Missionária e Pastoral – são testemunho da diversidade de dons valorizada. A nossa produção teológica é reconhecida como profunda e de excelente qualidade.

A busca por um futuro melhor, nos faz confessar as nossas fraquezas, como, por exemplo, a baixa capacidade de diálogo entre setores da IECLB que pensam diferente entre si. Nos últimos anos, cresce na Igreja a polarização instalada em nosso país. Orientações de Concílios, Assembleias e Conselhos nem sempre são seguidas. Também há muito o que fazer no que diz respeito à temática Fé, Gratidão e Compromisso.

Levando em conta o nosso potencial e as nossas fragilidades, precisamos, como Igreja oriunda da Reforma, voltar mais a nossa atenção ao Evangelho e, em postura de diálogo responsável, compreender o que Lutero sinalizou como tarefa cristã: Diante de Deus, pela fé, és livre de tudo, mas, junto aos seres humanos, és servo, serva de todos e todas pelo amor.

A IECLB foi, é e será uma bênção na vida de muitas pessoas. Nos Cultos, na pregação, nos grupos, na ação diaconal e no testemunho público da nossa Igreja, muita gente encontrou o Deus vivo, que ama, perdoa, alimenta, aceita, liberta, salva. Importa continuarmos seguindo em frente. Em tempos difíceis, nos quais parece haver diminuição da relevância da Igreja e aumento de preconceito, divisão, ódio e injustiça, é necessário manter firme a postura fiel ao Evangelho de Jesus Cristo.

Os próximos 500 anos trarão velhos e novos desafios. A IECLB, movida pela graça de Deus, saberá encará-los. Estão à nossa frente outros 500!

Nestor Paulo Friedrich - Pastor Presidente da IECLB


Autor(a): P. Guilherme Nordmann
Âmbito: IECLB / Sinodo: Sudeste / Paróquia: Vila Campo Grande - Luteranos - São Paulo
Testamento: Novo / Livro: Romanos / Capitulo: 3 / Versículo Inicial: 22 / Versículo Final: 22
ID: 44461
COMUNICAÇÃO
+
Deus não está amarrado a nenhum lugar e de lugar nenhum se acha excluído.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br