Campanha Em comunhão com as viDas das mulheres


Em comunhão com as viDas das mulheres

Orientações de como participar

Como participar?
Cada mulher está convidada a contar a sua história da maneira que quiser. Também é possível organizar grupos nas comunidades e sínodos para motivar as mulheres a participar, inclusive realizando entrevistas ou ajudando-as a produzir e enviar sua história, seguindo os formatos e os passos indicados abaixo. É importante que:
- as narrativas enfoquem as vidas das mulheres (não da família, comunidade, etc.) e sua participação em diversos espaços;
- haja cuidado no fornecimento de informações pessoais e privadas que não se quer tornar públicas;
- quando uma terceira pessoa realizar a entrevista, o/a entrevistador/a mostre o material final para a pessoa entrevistada antes de enviar para que ela possa conferir e autorizar o uso do material;
- o material seja enviado com Termos de Cessão de Direito de Uso assinados (modelos em anexo) para que o material possa ser publicado.
- as temáticas indicadas abaixo estejam presentes nas narrativas, não sendo necessário segui-las como um “roteiro”; cada pessoa pode narrar a história da forma que achar melhor, buscando contemplar as questões sugeridas;

Qual o formato?
As narrativas podem ser coletadas e enviadas:
- por escrito: máximo de 3 páginas digitadas e acompanhadas de uma foto
- gravadas em vídeo: máximo de 6 minutos
- gravação em áudio máximo de 6 minutos

O que as histórias devem conter?
- Nome completo
- Idade
- Local: comunidade, município, localidade
- Tempo de participação na IECLB
- Aspectos que considera importante na vida da comunidade
- Atividades em que participa ou participou e que são importantes para a sua vida
- Coisas que fez, faz e gosta de fazer
- Coisas que mudaria ou faria de forma diferente
- Contribuições da vida de fé para a Igreja e a sociedade
- Momentos marcantes da vida na comunidade

Para onde enviar?
Secretaria Geral da IECLB secretariageral@ieclb.org.br
R. Senhor dos Passos, 202 – 4º andar – 90.020-180 – Porto Alegre/RS
 


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Mesmo que não sejamos cristãos tão bons como deveríamos ser, e somos ignorantes e fracos tanto na vida como na fé, Deus ainda assim quer defender a sua Palavra, pela simples razão de ser a sua Palavra.
Martim Lutero
REDE DE RECURSOS
+
Importa, acima de tudo, que homem e mulher convivam em amor e concórdia, para que um queira ao outro de coração e com fidelidade integral.
Martim Lutero
© Copyright 2020 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br