Sínodo da Amazônia



Avenida Paraná , 431 - Novo Horizonte
CEP 76962-053 - Cacoal /RO - Brasil
Telefone(s): (69) 9845-48890 | (69) 8454-8890
sinododamazonia@gmail.com
ID: 8

Marcos 1.9-15

Caderno de Celebrações 2015 - 2016 - Sínodo da Amazônia

03/02/2015

CULTO PARA MARÇO 2016
Departamento de Música e Liturgia do Sínodo da Amazônia
Leitura Bíblica: Romanos 8.31-34 (35-39); Gênesis 22.1-4.
Pregação: Marcos 1.9-15
P. Reneu Prediger – Espigão do Oeste – RO
Pa. Vera Lucia Engelhardt Prediger – Sínodo da Amazônia - RO

LITURGIA DE ABERTURA

ACOLHIDA
A todos um Bom Dia (Boa tarde / Boa noite)!
Não ameis o mundo nem as coisas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele; porque tudo o que há no mundo não procede do Pai. (1 João 2.15- 16). Com estas palavras quero saudar a cada um, cada uma de vocês que veio na comunidade neste período de quaresma. São 40 dias entre a quarta-feira de cinzas e a semana santa em que somos animados a refletir sobre o sofrimento e a proteção.

SAUDAÇÃO APOSTÓLICA:
Que a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo sejam conosco e nos fortaleçam. Vamos louvar ao Senhor:

CANTO DE ENTRADA
58 - ENE – O nosso encontro vai ser abençoado = 123 – HPD.
Ou: Nº ____________________________________________________

SAUDAÇÃO TRINITÁRIA
O culto cristão é Deus nos servindo com sua Palavra e nós o servimos em fé e amor, em louvor e gratidão. Estamos aqui reunidos na presença do Senhor e iniciamos este culto em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Na presença de Deus, Todo Poderoso, nos colocamos em oração, e vamos confessar nossos fracassos e tropeços diante do próximo e diante do Senhor e suplicar o perdão:

CONFISSÃO DE PECADOS
(Quem pode, pedimos para se levantar).
Senhor, nosso Deus, nós te agradecemos porque podemos iniciar o culto, aliviando-nos de fardos e livrando-nos de tudo o que nos oprime. Cada dia da semana passada foi novamente um dia cheio de culpa e pecado. Aconteceram tensões e discórdias entre nós. Não faltaram horas de desânimo e desalento, horas em que cansamos de confiar, horas em que nos justificamos a nós mesmos, de falta de amor e de hipocrisia da nossa vida religiosa. Aconteceram muitas coisas que não estão certas e que não são aceitas por ti. E se hoje, apesar de tudo, podemos chegar a ti, então isto certamente não o devemos à nossa dignidade. Neste período de quaresma, tempo de reflexão em que somos confrontamos com o sofrimento de teu filho na cruz, pedimos e esperamos por tua misericórdia e teu perdão. E a uma só voz pedimos, cantamos: perdão, Senhor, perdão!
Com: Perdão, Senhor, perdão! (2x).

ANÚNCIO DO PERDÃO
O Senhor teu Deus não te desamparará, porquanto é Deus misericordioso, nem te destruirá nem se esquecerá da aliança que jurou a teus pais (Dt 4.31). Por causa do seu amor, da sua paixão por nós, Deus perdoa a todos que, humilde e sinceramente, se arrependem dos seus pecados. A oportunidade para podermos recomeçar, sem culpa, é um algo maravilhoso que recebemos de Deus. É isto que anuncio a vocês, em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.

Kyrie: Sentimos e percebemos em nosso dia a dia que existe entre nós e também na criação de Deus sofrimento e dor. Por isso também clamamos e suplicamos que Deus seja misericordioso e piedoso. Oremos: Senhor, Todo-Poderoso. Enviaste Teu Filho ao mundo para que o mundo possa experimentar paz. Mas o pecado nos tem distanciados de ti. E o mundo colhe hoje sofrimentos. Sentimo-nos fracos para fazer frente a muitas situações de dor. Oramos para que essas situações mudem. Ouve-nos, ó Deus, e, tem, Senhor, piedade!
Com: Tem, Senhor, piedade.

GLÓRIA IN EXCELSIS
Porque Deus é misericordioso, e inclina seus ouvidos em direção de seu povo, cantemos confiantes: - Glória a Deus nas alturas!
Com: “Glória, glória, glória a Deus nas alturas. Glória, glória, paz entre nós, paz entre nós!”

ORAÇÃO DO DIA
Senhor, nós te agradecemos porque tua palavra se fez carne em Jesus Cristo. Agora podemos confiantes em tua palavra, invocar e convidar-te para entrar em nossa vida; e tu prometeste estar conosco, escutar-nos e falar conosco. Pedimos-te: dá que compreendamos bem a tua palavra assim como foi proferida por Jesus Cristo. Quando a escutamos, quando a lemos e meditamos, tu mesmo falas conosco. Conforta e anima-nos, corrige-nos, fortalece-nos na fé assim como cada qual o necessita. Fala Senhor, e faze-nos quietos, abre o nosso ouvido e coração, prontos para ouvir e entender a tua palavra. E, após ouvir a tua Palavra e retê-la em nossa mente e em nosso coraçãopossa dar um bom testemunho. Ó Senhor “que a nossa boca fale daquilo que o coração está cheio” (Martim Lutero). Amém.
(A comunidade pode sentar-se.)

CÂNTICO DA PALAVRA
195- ENE – A Tua Palavra é semente = 380 – HPD.

LITURGIA DA PALAVRA

LEITURAS BÍBLICAS
1ª Leitura Bíblica: Gênesis 22.1-4

“É como a chuva que lava, é como fogo que arrasa,
Tua palavra é assim, não passa por mim sem deixar um sinal”

2ª Leitura Bíblica: Romanos 8.31-34 (35-39).

Nos alegramos com a Palavra da Nova Aliança e louvamos o nome de Deus cantando: Aleluia!
Com: Aleluia!

CÂNTICO INTERMEDIÁRIO
131- ENE – Buscai primeiro = 197 – HPD.

PREGAÇÃO

“A graça de nosso Senhor, o amor de Deus, o Pai, e a comunhão do Espírito Santo sejam conosco”. Amém.
Quaresma vem de 40, que lembra 40 dias de dilúvio (Gn 7.12); 40 dias de Jejum de Moisés (Ex 34.28), 40 dias da caminhada de Elias ao monte Horebe (1Rs 19.8); 40 anos – o tempo que o povo de Deus peregrinou no deserto.
Quaresma lembra durante 40 dias a paixão e morte de Jesus Cristo!
Quarenta é um fardo pesado! Qual a novidade? A novidade é que é tempo pré-fixado. Quem ouve “40”, “quarentena” já sabe que depois da crise, de um certo tempo, acontecerá a vitória!
É como se estivéssemos doentes. Por que enfrentamos a doença? Porque não perdemos a esperança que depois de certo tempo vamos ficar curados!
É com este pensamento que vamos ouvir o texto do Evangelho de Marcos 1.9-15:
“Nessa ocasião Jesus veio de Nazaré, uma pequena cidade da região da Galiléia, e foi batizado por João Batista no rio Jordão. No momento em que estava saindo da água, Jesus viu o céu se abrir e o Espírito de Deus descer como uma pomba sobre ele. E do céu veio uma voz, que disse: — Tu és o meu Filho querido e me dás muita alegria. Logo depois o Espírito Santo fez com que Jesus fosse para o deserto. Jesus ficou lá durante quarenta dias, sendo tentado por Satanás. Ali havia animais selvagens, e os anjos cuidavam de Jesus. Depois que João foi preso, Jesus seguiu para a região da Galiléia e ali anunciava a boa notícia que vem de Deus. Ele dizia: — Chegou a hora, e o Reino de Deus está perto. Arrependam-se dos seus pecados e creiam no evangelho.” (Marcos 1:9-15).
Querida Comunidade!
Três grandes temas nós temos hoje diante de nós: o batismo, a tentação e o Reino de Deus.
a) O Batismo: Quando Jesus foi batizado, o céu se abriu! Este céu não se abre somente para Jesus. No batismo, Deus mesmo abre o céu para todas as pessoas. Não se pergunta por merecimento ou dignidade. Deus age. Deus abraça com seu amor, não pergunta por: quanto você sabe sobre mim! Nem: quanto você pode me dar! Tudo é graça, tudo é presente e demonstração de que Ele é o Deus de amor e misericórdia. De que ele é fiel e nos ama. Isso é parte fundamental. Se dependesse de meu conhecimento ou dignidade, jamais saberia quando estaria pronto e apto para receber o batismo; pois jamais sabemos o suficiente sobre Deus e jamais poderíamos ser merecedores de algo. O céu se abriu para Jesus. Ele se abre para mim e para ti! Deus o abre!
Em segundo lugar o Espírito Santo desce do céu! Recebemos o Espírito Santo por ocasião do batismo. O Espírito Santo planta a fé em nós – fé como semente e não como fruto! Esta semente precisa ser alimentada, nutrida pela Palavra de Deus, pelo Sacramento da Santa Ceia, a vivência do Batismo e a comunhão da vida comunitária a fim de que cresça e vire “árvore”! O Espírito Santo dado no batismo nos dá as condições para que quando ouvirmos a Palavra de Deus, possamos receber como tal e entendê-la como dita a nós mesmos. O Espírito Santo é o espírito do discernimento, do entendimento.
Em terceiro lugar, a voz que vem do céu – só pode ser a voz de Deus Pai, pois nenhum ser humano vive no céu – esta voz diz: “Tu és o meu filho querido que me dá muita alegria!” Batismo é Deus mesmo nos elegendo como seus filhos e filhas queridas. Não há nada de dignidade, de merecimento nisso! É pura graça. Até aqui é Deus agindo, fortalecendo, aceitando, amando!
O que nos cabe? Cabe saber quem é este Pai do Céu? Ele é bondoso, mas também é santo e justo! E quando ele nos aceita como seus filhos e filhas, ele deseja não que vivamos de qualquer jeito, mas que olhemos para ele: sejamos seus imitadores! Vivamos também entre nós este amor, este acolhimento e este jeito gostoso de ser. Assim como um pai ou uma mãe não gosta que seus filhos sejam desobedientes, assim também Deus deseja que seus filhos e filhas sejam obedientes a ele e lhe concedam alegria.
Quem entende isso, compreende o que é batismo e passa a viver como pessoa batizada.
b) A tentação: Fortalecido pelo Espírito Santo do batismo, Jesus é levado ao deserto para ser tentado. Ali solidão, necessidades, e coisas ruins o cercavam (cobras, escorpiões e satanás). Mas não o venceram, pois ele estava amparado pelo Espírito Santo. “o Espírito fez com que Jesus fosse para o deserto”. Deus está agindo. Deus está no controle. Isto nós não devemos e nem podemos esquecer. Deus está governando, até mesmo nos piores momentos da nossa vida, nos “desertos” da vida ou “tempestades da vida”.
Ainda que nos sintamos isolados, com crises profundas – Deus nos acompanha. E mais: este tempo de sofrimento tem dias contados! Não vai durar para sempre. Menos dias, mais dias ele termina! E não termina tragicamente, mas traz boa notícia. E a boa notícia é que se sai deste tempo com a vitória. Não porque somos fortes, não porque somos bons, mas porque Deus não nos abandona! Deus caminha junto, até mesmo podemos dizer que ele inicia sua mensagem de amor e esperança na nossa “Galileia” da vida. Galileia era o território da margem, da periferia do povo pagão, gente sem vez e sem voz! Deus vem ao nosso encontro para anunciar seu evangelho, que contém dois fatos e espera duas ações:
c) O Reino de Deus: Os fatos são: chegou o tempo e o Reino de Deus se aproximou! Não precisamos mais esperar, Cristo traz para nós o que existe de mais maravilhoso: o governo de Deus, baseado no amor e no perdão – este chegou! Antigamente, quando eu era criança achava que o Reino de Deus era só depois de morrer: o céu! Hoje vejo que desde que fui abraçado pelo amor de Deus, Deus me abriu as portas do céu e me chama para viver em sua companhia. Agora é o tempo da graça! É assim como quem vai viajar com o ônibus. Não adianta ter passagem comprada, e não ir à Rodoviária ou chegar lá depois da hora! Daí o ônibus já foi! Dinheiro perdido. Planos perdidos. Viagem perdida. É agora! Vamos viver com Deus desde já, porque amanhã pode ser tarde.
Então, o que preciso fazer para não perder este “ônibus” da salvação? Jesus diz: é necessário arrependimento e fé!
Deus providenciou tudo para nossa vida ter sentido, esperança e nunca acabar! Ele deseja que tomemos parte, mas não obriga ninguém a tomar parte nisso! Por sermos pecadores precisamos nos arrepender. Arrepender-se é fazer um exame da vida e, percebendo que não está no caminho certo, mudar o rumo de vida. Ou seja: voltar-se para Deus. Se aproximar dele. É aceitar a proposta de Deus. Na história do filho pródigo, foi na situação de miséria junto aos porcos que o filho mais moço constatou sua falha, arrependeu-se e mudou o curso da vida. Mudou a direção de vida. Tinha dado às costas ao seu pai, agora volta-se de frente a ele. É exemplo de arrependimento e mudança de vida.
Fé é apostar tudo o que somos nas coisas de Deus, ainda que não a enxerguemos. É estar certo de que os pecados são perdoados, que os mortos ressuscitarão, que Jesus voltará e levará os cristãos para a vida eterna.
Crer em Deus é despir-se de toda segurança própria e depositar toda a esperança e confiança em Deus, apesar de tudo, buscar ampara e orientação em Deus.
Quem busca o perdão de Deus para a vida nova com Deus, sabe que Deus pode abençoa-lo de modo nunca imaginado e torna-lo uma bênção.
Quem busca o perdão de Deus para a vida nova com Deus, sabe que o sofrimento, a dor, a “quaresma” da vida existe, mas vai passar e a vitória é certa, pois a dor tem tempo contado. Mas a felicidade do Reino de Deus durará para sempre.
Quem busca o perdão de Deus para a vida nova com Deus, sabe-se guiado por Deus e se reconhece como filho de Deus, pois “todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus” (Rm 8.14).
Quem vive a quaresma com Cristo, sabe que a Páscoa chega, momento em que a vida triunfa. Como disse Paulo: ‘Com Cristo sofremos e com ele seremos vencedores’ (Rm 8.17b).
Que isto nos anime na caminhada com Deus.
Que a Paz e Bênção de Deus nos acompanhem e nos guardem. Amém.

CONFISSÃO DE FÉ (Vamos nos colocar em pé).
Vamos agora lembrar e confessar publicamente a nossa fé cristã, com as palavras do Credo Apostólico: “Creio em Deus Pai...” (A comunidade pode sentar-se).

CANTO PÓS-CONFISSÃO (proceder motivação e o recolhimento das ofertas)
197- ENE – Nossa alegria é saber que um dia
Ou: Nº ____________________________________________________

COMUNICAÇÕES: - Próximo culto será: ___/___/______ às ___:___ h.
- Oferta do último Culto: R$ _________ - destinada para...
- Alegrias e preocupações: ...
______________ _________________________________________
________________________________________________________
________________________________________________________

ORAÇÃO DE INTERCESSÃO (Vamos nos colocar em pé).
Senhor, nosso Deus, tu nos colocaste neste mundo e queres que em toda parte, onde quer que vivamos e trabalhemos, seja feita a tua vontade.
Nós mesmos sofremos com o fato de que muitas vezes não conseguimos cumpri-la. Tu queres que compreendamos os outros, mas muitas vezes sequer compreendemos a nós mesmos. E nós temos a inclinação de desrespeitá-los e desprezá-los antes de os termos entendido.
Sabemos que o convívio não é possível sem discussão e sem controvérsias. Nós te pedimos: dá que sempre procedamos com amor, sabedoria e bom senso. Guarda-nos de desconfiança prejudicial e ajuda-nos a superar preconceitos.
Deste-nos a tarefa de construir o teu mundo e divulgar nele a mensagem da tua salvação. Por isto te pedimos primeiramente em favor de todos que se empenham pela ordem pública e pela paz. Fortalece e abençoa aqueles que têm responsabilidade política, a fim de que sirvam ao bem-estar das pessoas. Ajuda as autoridades, às quais é confiada a paz mundial, a superar as crises do nosso tempo.
Fortalece tua igreja aqui e em todo o mundo. Dá-lhe coragem de permanecer fiel à sua missão, apesar de hostilidade, desprezo e indiferença de pessoas e poderes. Guarda os seus ministros e suas ministras do cansaço e resignação. Conserva-lhes o amor ao seu ministério e o amor ao próximo.
Rogamos-te por nossa paróquia, comunidade; pelas muitas pessoas, cada qual em sua própria necessidade e seus problemas ainda não solucionados: por aqueles que sofrem por causa de uma culpa encoberta; por aqueles que têm medo do dia de amanhã; por todos aqueles que nós não podemos ajudar.
Mostra aos solitários que eles não precisam estar sós e aos desorientados, como tu abres novos caminhos. Para os enlutados, esperança e aos doentes novas forças e alivio em seu sofrimento. Senhor, salva-nos por tua graça e teu amor, livra-nos de todo o egoísmo e falta de misericórdia.
Oramos pelos aniversariantes:

1._______________________________________________________
2._______________________________________________________
3._______________________________________________________
4._______________________________________________________
5._______________________________________________________
6._______________________________________________________. Agradecemos pela vida.

Deixa-nos viver sob os teus olhos e permanecer na tua paz, por Jesus Cristo, nosso Senhor.
Todos os demais pedidos que temos, colocamos diante de ti, Senhor, nos unindo pela oração que Jesus, teu filho amado, nos ensinaste:

PAI NOSSO
Pai nosso...

LITURGIA DE DESPEDIDA

BÊNÇÃO
O Senhor te abençoe e te guarde.
O Senhor faça resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti;
O Senhor sobre ti levante o rosto e te dê a paz. Amém.

ENVIO
Uma abençoada semana a todos e todas; vão em paz e que Deus os abençoe.

CANTO FINAL
224 – ENE – Abençoa, Senhor, a nossa vida
Ou: Nº ________________________________ 


Autor(a): Pa. Vera Lucia Engelhardt Prediger e P. Reneu Prediger
Âmbito: IECLB / Sinodo: Amazônia
Testamento: Novo / Livro: Marcos / Capitulo: 1 / Versículo Inicial: 9 / Versículo Final: 15
Título da publicação: Caderno de Celebrações 2015 - 2016 / Editora: Sínodo da Amazônia / Ano: 2015 / Volume: I
Natureza do Texto: Pregação/meditação
Perfil do Texto: Prédica
ID: 31558

AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

Deus diz: sou o seu Criador e o tenho ajudado desde o dia em que você nasceu. Não fique com medo, pois eu o amo e o escolhi para ser meu.
Isaias 44.2
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
Quem é tão forte que não necessite também de consolo do menor dos seus irmãos?
Martim Lutero
© Copyright 2024 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br