Sínodo Uruguai



Avenida General Osório , 95D - Jardim Itália
CEP 89802-265 - Chapecó /SC - Brasil
Telefone(s): (49) 3329-3583
sinodouruguai@yahoo.com.br
ID: 20

1 - No Batismo

Apresentação

Este material tem por objetivo despertar as pessoas para a vivência da fé em comunidade. Promover a formação teológica e o desenvolvimento dos dons para a edificação da Igreja local. A intenção é de que seja utilizado, num primeiro momento, com as lideranças a fim de que as mesmas sejam multiplicadoras criando outros grupos de estudo, gerando, assim, novas lideranças. “E o que de minha parte ouviste através de muitas testemunhas, isso mesmo transmite a pessoas fiéis e também idôneas para instruir a outras” (2 Timóteo 2.2). Nada impede que seja utilizado em grupos já existentes, cursos de Batismo ou para novos membros, estudos Bíblicos, etc.

Ao tratarmos o tema Batismo, abordaremos as responsabilidades que a pessoa batizada, pais, padrinhos e comunidade de fé assumem e que são necessárias para a salvação. O sacerdócio geral visa relembrar que, pelo batismo, recebemos dons para serem colocados a serviço do próximo na comunidade e no mundo. A transformação e o compromisso de uma vida cristã a partir do batismo abrange também as questões financeiras. Por isso, o tema finanças quer ressaltar que cada pessoa honre a Deus com seus recursos, além de assegurar que ninguém venha a ser seduzido a trocar o Reino de Deus pelos reinos deste mundo. Desta forma, a vida cristã tornase abundante, onde a experiência da graça de Deus se percebe nas grandes e pequenas coisas e o serviço ao próximo se transforma em uma satisfação e um grande privilégio.

Importante destacar que o conteúdo seja previamente estudado e apropriado por cada pessoa responsável. A forma de apresentação e a dinâmica de cada encontro pode ser adaptada a realidade onde se deseja aplica-lo.

Sugerimos criar um pequeno grupo (10 a 20 pessoas), com a proposta de 08 encontros, seguindo as sugestões:

  • Inicia-se a reunião agradecendo a presença de todos destacando a importância da comunhão para a nossa fé.
  • Em seguida cante alguns hinos (se possível),
  • Apresente a temática com Power Point (se possível).
  • Após o estudo, abre-se o espaço para diálogo e compartilhar a partir das perguntas motivadoras. É importante que os presentes tirem suas dúvidas e sintam-se a vontade para fazer comentários.
  • Na hipótese de o grupo ser muito grande, sugere-se dividi-lo em grupos menores a fim de que o diálogo e o compartilhar aconteça de forma mais espontânea.
  • Encerre a temática, indicando o tema do próximo encontro e convide todos para uma oração (seria importante pedir se alguém do grupo poderia orar ou se há motivos de intercessão).
  • O final do encontro é tão importante quanto o início, por isso, incentivamos o compartilhar de um chá, café, pipoca ou bolacha. Cuide para que o encontro não se transforme em banquete, pois as pessoas pobres geralmente ficam constrangidas com os excessos e acabam não participando mais.
  • Ao final dos 08 encontros, caso haja o desejo de continuar se encontrando, as pessoas devem procurar recursos e subsídios com seu Ministro/ Ministra. Convém ressaltar que o grupo não substitui o Culto e que deveríamos aceitar o desafio de criar novos grupos a fim de multiplicar o que foi aprendido. “Pois nós não podemos deixar de falar das coisas que vimos e ouvimos.” (Atos 4.20)

Tenham todos um abençoado encontro!


AÇÃO CONJUNTA
+
tema
vai_vem
pami
fe pecc

À casa de Deus não pertence nada mais que a presença de Deus com a sua Palavra.
Martim Lutero
EDUCAÇÃO CRISTÃ CONTÍNUA
+

REDE DE RECURSOS
+
A misericórdia de Deus é como o céu, que permanece sempre firme sobre nós. Sob este teto, estamos seguros, onde quer que nos encontremos.
Martim Lutero
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br